Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Leitura e Solfejo

      Autor Mensagem
      som
      Veterano
      # nov/06


      Só fui ouvir falar de solfejo alguns meses depois que havia iniciado-me na música. Fui procurar uma definição e hoje, se tivesse que explicar a alguém o que é isso, daria a seguinte resposta: “é cantar as notas musicais na altura certa e no tempo certo”

      Minha definição é correta?

      Outra pergunta:

      Solfejo é o mesmo que cantar? Aprender solfejo me torna um “cantor”?

      E o que mais me interessa:

      Solfejo realmente ajuda a melhorar leitura à primeira vista? Pois já ouvi comentários (inclusive aqui no fórum) que solfejo ajuda muito (mas muito mesmo) a leitura. É verdade? Ou é exagero? Não é tanto assim, só um pouco…

      E é possível aprender sozinho? Com livros e apostilas, ou não?

      Obrigado

      gustavorino
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      som
      nossa.. misturou tudo.. solfejo é ler e falar as notas.. nao precisa CANTAR as notas..


      exemplo
      ..

      Voce pega uma partitura.. do Do ré mi fá por exemplo

      dai voce fala ..

      Dó ré mí fá fá fá
      Dó ré dó ré
      Dó sol fá mi e etc


      soh que voce marca o tempo com a mão fazendo movimentos.. dá pra usar um metronomo também

      ahh.. procura um professor.. desisto! heehehe..

      John Arch
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      som
      gustavorino
      Calma lá, calma lá. Existe solfejo cantado e solfejo falado, sendo q o cantado é mto mais difundido e utilizado, além de muito mais útil tmb.

      E não, solfejar ñ te torna um cantor, e sim um kra q sabe entoar notas escritas numa partitura, o q já é bastante coisa. Pra passar em qquer prova de música vc vai ter q saber solfejar, e´eles exigem solfejo cantado!
      Valeu

      gustavorino
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      John Arch

      tem certeza?! entao quer dizer se minha voz é desafinada eu nao vou passar no vestibular pra piano?

      John Arch
      Veterano
      # nov/06 · Editado por: John Arch
      · votar


      Sim! Vc não vai passar. E sabe pq? Pq antes de ser um instrumentista específico, vc tem q ser músico, e isso eles exigem em qquer faculdade.
      Mas é claro, q eles ñ vão exigir q vc cante algo extremamente difícil, nem vão cobrar q saia td perfeitinho. Mas é vestibular né kra, é média! Logo, se tds forem iguais a vc nas outras avaliações, e melhor nisso...

      Mas por essa msm razão, vc pode ser um completo desafinado na voz e passar no vestibular por ir maravilhosamente bem no resto... mas se vc tirar zero na prova, vai ser reprovado!

      E digo mais, tem até solfejo à primeira vista, ñ só em vestibular, mas tmb em curso técnico, pelo menos aqui no RJ

      gustavorino
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      John Arch
      tudo bem.. solfejo a primeira vista.. tranquilo.. mas acho que o Cantar seria variar o tom de acordo com a nota e nao tocar sempre no mesmo tom o nome da nota.. mas acho que eles nao exigem que saia afinado como um cantor lirico faria..

      Ken Himura
      Veterano
      # nov/06 · Editado por: Ken Himura
      · votar


      Peraí, embaralharam a porra toda.

      Solfejo seria sim cantar as notas, falando o nome da nota na altura e tempo certos.

      Leitura métrica é a mesma coisa, só que sem entonar as notas.

      Solfejo serve para treinar seu cérebro a "ouvir" as notas de uma partitura, apenas olhando para ela, além de te ajudar na leitura.

      mas acho que eles nao exigem que saia afinado como um cantor lirico faria..

      Sim, exigem. Em média, 60% da prova teórica é percepção. É simples: ou você solfeja afinado ou solfejou errado. E geralmente, eles só dão 3 chances, no máximo.

      Ken Himura
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      Aliás, cantar e solfejar só têm uma coisa em comum: a voz.

      Fora isso, cada coisa é extremamente diferente uma da outra.

      Tecladista Congregacional
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      Fala Som ...

      O objetivo do solfejo não é tornar uma pessoa um cantor(a) ... (embora ajude ... essas coisas não são exclusivas) ...

      O objetivo é ensinar ao estudante ler/cantar uma as notas de partitura respeitando os intervalos das mesmas ...
      Por exemplo, vc canta um dó e depois um ré ... em uma determindada altura, geralmente a que for mais confortável para vc.
      Eu posso cantar o mesmo dó e ré que vc está lendo (mesma partitura) só que em uma altura diferente (a que for mais confortável para mim) ... o que importa no solfejo é a leitura e os intervalos relativos das notas.

      No vestibular, é assim que é cobrado. Vc tem de escolher bem a altura para que vc consiga solfejar toda a partitura de uma forma homogênea. Vc pode ter uma voz horrível ... mas tem de ser afinado, isso não tem jeito.

      É uma pena que a maioria dos cursos livres não enfatizem tanto o solfejo e a leitura musical. Geralmente é priorizado o lado técnico, o que também tem suas vantagens.

      Grande Abraço.

      John Arch
      Veterano
      # nov/06 · Editado por: John Arch
      · votar


      Ken Himura
      Realmente o nome correto seria Leitura Métrica. Mas é vulgarmente conhecido como solfejo falado, por mais atécnico q possa soar

      EDIT = e tem algumas provas em q é exigido tmb a simples Leitura Rítmica, ou como é chamada por alguns: Solfejo Rítmico, q, como o próprio nome diz, atêm-se à leitura do tempo, pouco importando o nome da nota, e tampouco sua altura

      som
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      gustavorino
      John Arch
      Ken Himura
      Tecladista Congregacional

      obrigado a todos

      deives
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      Existe outro método, mas este é mais para divisão, BONA.

      gustavorino
      Veterano
      # nov/06
      · votar


      deives
      boa colocação!!

      eh.. o BONA eh mto mesmo.. tanto que serve pra isso mesmo..!

      fernandesrc91
      Membro
      # fev/14
      · votar


      Opa. Eu sei que o tópico é velho, mas eu li algo aqui que eu estava procurando. Tipo, o tecladista congregacional disse:

      Por exemplo, vc canta um dó e depois um ré ... em uma determindada altura, geralmente a que for mais confortável para vc.
      Eu posso cantar o mesmo dó e ré que vc está lendo (mesma partitura) só que em uma altura diferente (a que for mais confortável para mim) ... o que importa no solfejo é a leitura e os intervalos relativos das notas.


      Eu achava que, no solfejo, vc teria que entoar a altura absoluta de cada nota, o que me deixou na dúvida de como eu cantaria as notas fora do meu alcance vocal (Minha voz é grave, só aguento até a segunda oitava... rs). Mas no caso, se eu ver na partitura um intervalo FA-DÓ (Quinta justa) e cantar ele, soando como um DÓ-SOL (quinta justa tbm) estará certo do mesmo jeito?

      Estou estudando com dois métodos, O Bona e o do Edgar Willems.

      E uma outra pergunta, relativa ao ditado no caso. Nele eu terei que escrever a nota absoluta, ou são os intervalos que importam tbm?

      vlw galera.

      Ken Himura
      Veterano
      # fev/14
      · votar


      fernandesrc91
      Esquece isso que te falaram, só vai atrapalhar. Solfejo (este tipo) é pra altura correta sim! Se fosse só pelos intervalos relativos, você não precisaria falar nome de nota e tal - acaba confundindo mais - fica mais simples falar por números.

      Sim, fale a altura e duração corretas de cada nota. Se você não alcançar, é só transpor por oitavas - nunca por outros intervalos.

      Já pro ditado, sem colher de chá, altura e duração corretas, sem nenhuma transposição de nenhum tipo - a menos que o exercício peça.

      ppaulo
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      solfejo -> pesquisa google

      fernando tecladista
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      fernandesrc91
      eu sempre estudei solfejo somente falando o nome da nota sem preocupação da altura

      E uma outra pergunta, relativa ao ditado no caso. Nele eu terei que escrever a nota absoluta, ou são os intervalos que importam tbm?

      tem de todo tipo
      -tem ditado que é só ritmico então nesse só se preocupa com tempo
      -alguns ditados só melódicos onde sua preocupação é somente escrever a nota certa, geralmente quem vai ditar te dá o nome da primeira nota pra você ter referencia
      e tem ditado que são as duas formas

      -------------------------------


      ppaulo
      solfejo -> pesquisa google
      pode até ser, mas ai qualquer forúm de internet perde sua utilidade, o lance é a troca de experiencia e isso google não faz

      fernandesrc91
      Membro
      # mar/14
      · votar


      Ok, tomei vergonha na cara e fui entrar na aula de teoria, solfejo, ditado e o que mais for necessário. Mas tipo, consigo afinar a voz bem rápido a partir de uma nota referencial, mas como "gravar" a altura absoluta? Só questão de treino mesmo? Se vc me pedisse pra cantar um dó, eu chegaria perto, mas sairia desafinado. Como então atingir a afinação certa?

      _guintter_
      Membro
      # mai/14
      · votar


      Tenho uma duvida, como que eu solfejo um acidente, por exemplo Dó#, eu solfejo "Dósustenido" ou ou só "Dó" mesmo ??

      fernando tecladista
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      _guintter_
      fala somente a nota sem o sustenido
      porque se tu pega uma sequencia de semicolcheias com do#, fa# sol# re# por exemplo fica impossivel falar com os #

      livro de solfejo serve pra tocar também, pessoal de sopro das antigas que conheci tocava o bona inteiro no instrumento, então na hora de tocar é como ler qualquer partitura

      _guintter_
      Membro
      # mai/14
      · votar


      Valeu, essa dúvida tava me matando!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Leitura e Solfejo

      300.657 tópicos 7.798.096 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2016 Studio Sol Comunicação Digital