Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Cordas Augustine Blue Duvida!

      Autor Mensagem
      Dr.Pacheco
      Veterano
      # jun/08


      Troquei hoje as cordas do meu Author nº3 q era da D´Addario para a Augustine Blue e notei q as cordas são mto "moles".

      Minha duvida é: isso é normal nelas ou é o meu jogo q veio ruim?

      São mto moles mais tem mta potência,oq não de deixou desapontado já q sempre q me idicavam elas falavam sobre os baixos.

      Valeu!

      Dr.Pacheco
      Veterano
      # jun/08 · Editado por: Dr.Pacheco
      · votar


      Uma outra coisa q ta acontecendo agora é a afinação das cordas,elas afinam mais ficam numa afinação meio baixa ai as cordas ficam mtooooooooooooooo moles,tanto os bordões quanto as primas.

      kiki
      Moderador
      # jun/08
      · votar


      Dr.Pacheco
      não é o peso da corda?
      tem as medium, heavy e light.
      nylon é complicado, não é muito comum ter a dureza pelo calibre.

      Dr.Pacheco
      Veterano
      # jun/08
      · votar


      Não sei...na embalagem da corda não tem nada dizend a tensão das cordas.

      japaubatuba
      Melhor interpretação
      Prêmio FCC violão 2008
      # jun/08
      · votar


      Dr.Pacheco

      eh por ai msm tanto a savarez, augustine e a hanna bach sao mais macias

      qt a tensao das cordas augustines elas estao escritas sim e classificadas
      como
      classic (leve)
      imperial (media)
      regals(pesada)

      mas nem da tanta diferenca

      desconsidere apenas acostume com a nova tensao :)

      outra coisa eu tive uma pequena sensacao de q essas cordas demoram um pouco mais pra firmarem a afinacao! (acho eu! )

      Dr.Pacheco
      Veterano
      # jun/08
      · votar


      desconsidere apenas acostume com a nova tensao :)

      Sim.Já estou me acostumando.

      outra coisa eu tive uma pequena sensacao de q essas cordas demoram um pouco mais pra firmarem a afinacao! (acho eu! )


      Troquei as cordas ontem,fiquei o dia todo tocando e afinando e ainda sim estão voltando mais q o normal para o segundo dia.Mais me disseram q o grande problema das primas classic é q elas tem mtas chances de virem com problemas de afinação.

      Eu to com um jogo da Imperials aqui tbm.

      Uma coisa q notei é q os baixos possuem bastante potencia,oq me agradou bastante visto q antes usava D'Addario Pro A'rte e Giannini Classico.

      Dr.Pacheco
      Veterano
      # jun/08
      · votar


      A unica coisa q me desagradou até agora é a espessura da corda sol,achei ele mto grossa e sem som nenhum.

      japaubatuba
      Melhor interpretação
      Prêmio FCC violão 2008
      # jun/08
      · votar


      Dr.Pacheco
      Troquei as cordas ontem,fiquei o dia todo tocando e afinando e ainda sim estão voltando mais q o normal para o segundo dia.Mais me disseram q o grande problema das primas classic é q elas tem mtas chances de virem com problemas de afinação.


      problema de afinacao?
      acho q nao!
      so acho q vai demorar mais pra afinar!

      Teatino
      Veterano
      # jun/08
      · votar


      O complicado do nylon é isso... troquei as minhas estes dias, coloquei D'addario, mas a hard tension. Achei que melhorou muito o som do meu Yamaha, não apenas na qualidade, mas na altura tbm. Só que passei uns 10 dias pra conseguir segurar afinação, apesar de que temperatura e umidade influenciam um pouco nos violões de nylon pelo que o pessoal sempre fala.

      japaubatuba
      Melhor interpretação
      Prêmio FCC violão 2008
      # jun/08
      · votar


      Teatino

      a temperatura influencia mas nao eh pra tanto tb

      o q vc pode fazer e afinar corda por corda uns dois tons acima e ficar dando uns bends por uns cinco minutos cada isso acelera bastante o processo

      TG Aoshi
      Veterano
      # jun/08
      · votar


      Dr.Pacheco
      Deve ser a tensão, não sei o quanto varia de marca pra marca, mas médio é mto "mole"...

      Quanto a esse negócio do encordoamento "amaciar", é foda... A dica do japaubatuba é mto boa! Outra coisa que conta mto é o cuidado que você tem ao "amarrar" as cordas na ponte do violão.

      ===---===---

      Hehe! Tô começando a testar marcas diferentes de encordoamentos. Passei de "Gianninni" pra uma "D'addario Pro Arté" há poucas semanas, gostei bastante! Só me arrependi de ter comprado tensão "hard" ao invés "extra hard"...
      Quanto a afinação, acho que em menos de 1 semana já segurava a afinação decentemente.

      lg_bemol
      Veterano
      # abr/09
      · votar


      o macete pra ela pegar a afinação mais rápido é afinar o violão + 1 tom (F C# A E B F) e deixar de noite e ir dormir. no outro dia afine normalmente (E B G D A E) e ele segurará na boa!

      megadeth2612
      Veterano
      # ago/10
      · votar


      ####### Ressuscitando #######


      Boa tarde a todos,

      Recentemente adquiri um Yamaha C80 e trocarei pela primeira vez as cordas da criança. Estou pensando em colocar um jogo de Augustine Regal Blue, porém em algum lugar vi falando para não instalar essas cordas em violões mais baratos, podendo correr o risco de afetar a sua estrutura.

      Essa afirmação não me convenceu muito e por isso pergunto: Isso procede mesmo ou posso mandar bala sem preocupação?

      Will87
      Veterano
      # ago/10
      · votar


      megadeth2612
      Ja comprou as cordas ? pelo que tenho visto, ja comprei porem nao troquei ainda, que todos os bons musicos preferem as augustine imperial blue, pela sua tensao, e as primas mais aveludadas. estou utilizando dadario pro arte, sao boas, graves fortes, e as primas bem definidas. notei tambem uma diferença no volume em relação as gianinis que estavam !!! Tem bastante topicos falando das augustine... Boa Sorte

      megadeth2612
      Veterano
      # ago/10
      · votar


      Will87

      Ainda não comprei, estou na dúvida justamente entre a Imperial Blue e Regal Blue.

      Parece que a Imperial Blue é "tiro mais certo", pelo menos com base nos relatos que verifiquei em alguns fóruns. Porém, também vi alguns reclamando da maciez e sensação de pouca tensão das Augustine, mesmo na Imperial Blue, por isso que pensei na Regal Blue.

      ufrpefisica
      Membro Novato
      # ago/14
      · votar


      Eu tenho um takamine um violão de nylon e passei 12 meses experimentando a corda que mais combinasse com o meu violão.

      Experimentei Hannabac, Sararez, D'ddario, Classic N superlona, ... e a que mais combinou foi a Augustine Regal Blue.

      Acho que é a única corda de tensão pesada que vibra um pouco mais do que as outras da mesma tensão. No início as cordas ficam moles, mas depois de uma ou mais semana quando as cordas estabilizam o som fica potente. Fica uma corda de tensão pesada com timbre aveludado, graves profundos, ...

      Só uso Augustine regal blue agora.

      OphiusGuitar
      Veterano
      # 21/out/16 00:08
      · votar


      Eu tenho um takamine um violão de nylon e passei 12 meses experimentando a corda que mais combinasse com o meu violão.

      Experimentei Hannabac, Sararez, D'ddario, Classic N superlona, ... e a que mais combinou foi a Augustine Regal Blue.

      Acho que é a única corda de tensão pesada que vibra um pouco mais do que as outras da mesma tensão. No início as cordas ficam moles, mas depois de uma ou mais semana quando as cordas estabilizam o som fica potente. Fica uma corda de tensão pesada com timbre aveludado, graves profundos, ...

      Só uso Augustine regal blue agora.



      Eu resolvi experimentar uma dessas cordas "Tops", das quais tanto falam por aí:
      as Augustine.

      Paguei R$ 60,00 num jogo de tensão média. Augustine Imperial Gold
      E confesso que o som não é assim Taaããããããããoooo fodaástico quanto dizem.

      É lógico que pra encontrar o som que mais lhe agrade, tem que experimentar, experimentar e experimentar, mas... as Daddarios - ainda que as mais simples - já trazem uma boa qualidade sonora no timbre.
      E, diga-se de passagem, são mais baratas.
      :)

      Rogério ENCORDA
      Membro Novato
      # 07/jul/17 08:02
      · votar


      Bom dia galera!

      Deixem me apresentar antes. Sou Rogério Schmidt, membro aqui do fórum, violonista, cellista e sócio proprietário da ENCORDA. Como instrumentista usuário e comerciante das cordas Augustine, gostaria de deixar aqui uma opinião de esclarecimento neste assunto que gera muita confusão quando alguém que não conhece bem a marca decide testá-las.

      Bem, a resposta de um encordoamento sempre vai depender muito das características do violão e do instrumentista. Há uma extensa variação de resposta e gosto neste campo.

      Vai aqui uma breve explicação sobre as cordas AUGUSTINE.

      AUGUSTINE é uma das poucas marcas que combinam no mesmo encordoamento, primas e baixos com tensões diferentes.

      Eles identificam a tensão dos baixos por cores (em inglês) assim:
      Blue – tensão alta
      Red – tensão média
      Black – tensão baixa
      Gold – tensão baixa com (baixos
      na cor dourada)

      As agudas (primas) são chamadas:
      Classic – tensão média (alguns chamam a Classic de Azul pois as Classic Blue são muito conhecidas)
      Imperial – tensão alta
      Regal – tensão extra-alta

      Então quando você compra um encordoamento Imperial Blue, por exemplo, ele virá com baixos Blue (tensão Alta) e primas Imperial (tensão alta). Se você compra um Regal Red, ele virá com baixos Red (tensão média) e primas Regal (tensão extra-alta). E assim por diante... Outra coisa que confunde são as cores das embalagens. As Regal Blue, por exemplo, apesar do "blue" no nome referente aos baixos, tem embalagem lilás.

      Particularmente, acho que os baixos de excelência da Augustine são os Blue (tensão alta). Esses tem som cheio, quente, trastejam pouco. São os baixos preferidos de um número expressivo de violonistas de todo o mundo que combinam essas cordas com as primas de outras tensões da Augustine ou outros modelos outras marcas de preferência. Fazem por exemplo, um belo casamento com as New Cristal Savarez tensão alta. Os baixos Augustine de tensão mais baixa não tem a mesma qualidade. Em minha opinião não valem o investimento.

      As primas Augustine tem o seu principal ponto forte o timbre. Geram um colorido e "cantam" muito bem. Às vezes pecam um pouco na afinação (problema recorrente de outras marcas tb). Todas as três tensões tem essas características. Cabe a preferência de cada um, a escolha da tensão.

      Além do que já mencionei, é que nos pacotes das cordas, a tensão que vem escrita refere-se apenas aos baixos. Por exemplo, em todos os modelos Blue (Classical Blue, Imperial Blue, Regal Blue) virá escrito High Tension pois os baixos são de tensão alta. Mas as primas serão de tensão média no Classical Blue, de tensão alta no Imperial Blue e de tensão extra-alta no Regal Blue e essa informação não vem escrita no pacote.

      É isso. Se tiverem mais alguma dúvida, é só perguntar.

      Abraço!!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Cordas Augustine Blue Duvida!

      303.749 tópicos 7.860.268 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital