Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Avaliem meus improvisos

      Autor Mensagem
      henriquelhrf2
      Veterano
      # mai/14 · Editado por: henriquelhrf2


      Resolvi criar esse tópico pra postar sempre aqui os improvisos que gravo de vez em quando.

      Esse é o último solo que publiquei no youtube. Críticas e sugestões são bem vindas.

      Obs.: Além de alguns bends imperfeitos, houve passagenss um pouco fora do tempo por causa do delay de 13ms que meu PC dá quando tô usando VSTs (dessa vez não liguei a outra saída do Bad Monkey no amp).

      Golden SG > Bad monkey > Sound Blaster Audigy > Acme Bar Gig Shred (VST)



      Filippo14
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      henriquelhrf2
      Cara, ainda não está bom, mas de muitos improvisos de iniciantes eu achei o seu um dos melhores, principalmente por um motivo: você usa as pausas. Voce não toca o tempo todo sem parar, não sei se as pausas são uma deficiencia sua de não conseguir tocar 2 frases seguidas, mas já tenha em mente que ela é super importante. Você tentou fazer um solo rápido, mas ficou embolado, você tem que lembrar que um solo sempre tem que ter dinamica, rápido e DEVAGAR, tocando e pausado, agudo e GRAVE. Antes de querer correr, tente andar, você tem muitas características legais no solo, mas tem que tomar cuidado com as ruins e com o tempo consertá-las. Lembre-se também disso aqui: Afinar seu bend, eu nunca fui fâ do Satriani, mas ele em um vídeo propos um exercício que para mim resolveu muito. É o primeiro desse vídei, talvez tenham outros legais que você possa ver.




      Tente usar frases diferentes e técnicas diferentes, ajudam muito no desenvolvimento de um solo.

      Abração

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      Filippo14

      Antes de querer correr, tente andar

      Vc tocou no ponto-chave. Desde q comecei a tocar, sempre quis fazer coisas q estao acima do meu nivel. E velocidade é justamente minha maior dificuldade.

      Na verdade nao sou iniciante, eu tenho conciencia d q nao tenho a manha pra guitarra, apenas me proponho a me divertir tocando e de vez em quando conseguir tocar algo que agrade aos meus ouvidos e quem sabe aos de quem escuta. Tento sempre ter em mente a necessidade das pausas e nesse improviso eu tava especialmente concentrado nisso.

      Ultimamente andei enveredando por esse caminho da velocidade, mas parece q nao é mesmo minha praia. A maioria dos meus solos sao bem tranquilos, boa parte deles com som limpo.

      Legal o video do Satriani, acho ate q ja tinha visto essa dica do bend.

      Muito obrigado pela atencao e pelas otimas dicas. Fiquei agradecido de verdade.

      kekotenko
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      Um solo bem construído tem início, meio e fim. Em uma improvisação, aplica-se o mesmo conceito. No teu caso, passa a impressão de que não há uma ideia central por traz do solo. Parece que você simplesmente pegou algumas frases e executou, sem ligação alguma entre elas.

      Pense em repouso, tensão e relaxamento. Comece com poucas notas e vá gradualmente acrescentando outras. O acréscimo de notas vai obriga-lo a acelerar também, naturalmente, a velocidade. Com isso você logo atingirá o ápice do solo. Depois disso, decida como quer terminar o seu solo.

      Isso é o que a maioria dos guitarristas fazem. Fica a sugestão.

      Van_Lorien
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      henriquelhrf2
      Não tenho muita propriedade pra falar, mas achei meio travado o improviso, parecia que as vezes tu engasgava na execução, sabe? Quem sabe seja nervosismo na gravação mesmo. Outra coisa, como tu mesmo mencionou no inicio, precisa melhorar os bends. Um bend bem feito dá uma cara totalmente diferente.

      Acho que tu tá no caminho certo. Por mais que o improviso tenha tido seus erros de execução e afinação, só o fato de fazer algo e dar a cara a tapa num fórum pras pessoas avaliarem já é algo legal. Pratica o que tem que praticar que aos poucos teus improvisos vão ficar muito legais.

      Abraços!

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      kekotenko e Van_Lorien,

      Vcs tem razao, as ideias ficaram soltas, faltou conexao, faltou ficar mais a vontade.

      Obrigado pelos comentarios.

      kekotenko
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      Sem problemas. Se tu me permitir mais uma sugestão, eu penso que você não deveria publicar nada que você mesmo saiba que não está legal. Assim, as chances de conseguir críticas positivas serão bem maiores.

      Bom estudo e bola pra frente.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      kekotenko, eu achei q tava legal, por isso publiquei. Aí q entra a importancia da avaliaçao dos outros pra vc cair na real, afinal todo pai acha seu filho bonito...

      Filippo14
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      henriquelhrf2
      Cara, eu sou o cara mais destrambelhado que existe, não tenho a menor coordenação. Treino sempre que dá, amo a guitarra e aprendi a tocar na raça, na força de vontade, ter ou não habilidade é relativo, isso se constroi. Sempre toquei embolando tudo e isso sempre me atrapalhou, começei a tocar mais devagar e tudo começou a correr melhor. O que mais importa é a dinâmica, tenha sempre isso em mente, olha o Jeff Beck, David Gilmour, Eric Clapton, são ícones do slow hand e até hoje são guitarristas dos mais venerados. Eu mudei muito minha cabeça. Tocar rápido é muito legal, mas tem que ter muita técnica para ficar legal, é fundamental, mas vale a pena começar pelo devagar ahahhaah.

      Abração

      kekotenko
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      henriquelhrf2
      Tudo bem, mas o que eu quis dizer foi que a primeira avaliação deve partir de você. Por exemplo, você disse:

      "Obs.: Além de alguns bends imperfeitos, houve passagenss um pouco fora do tempo por causa do delay de 13ms que meu PC dá quando tô usando VSTs (dessa vez não liguei a outra saída do Bad Monkey no amp).


      Se os bends estavam imperfeitos, penso que você deveria saber que isso poderia receber críticas negativas. Entende o que estou querendo dizer?

      vintagentleman
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      henriquelhrf2


      E eu achei legal. Tá inspirado... Você não está clonando ninguém, acho que está valendo o esforço.

      Tanto carinha que tira Always with me do Satriani mas não consegue tocar uma frase original.

      Nesse sentido, foda-se a preocupação excessiva com a técnica... Porém...

      Continue estudando!

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mai/14
      · votar


      vintagentleman, valeu pela força!

      brunoepronto
      Melhor participante de jam
      Prêmio FCC violão 2008
      # mai/14
      · votar


      henriquelhrf2
      O video q vou postar tem dicas de fraseado bem interessantes:


      henriquelhrf2
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      Peço q avaliem a improvisação e o timbre. Obrigado.



      vintagentleman
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      henriquelhrf2


      Isso aí é uma Tonante?!!!

      O timbre tá legal, no que se percebe da gravação muito ruim (lembrei-me que eu tenho que comprar chinelos).

      Na execução teve uns licks legais, e várias desafinadas também.

      Tá no caminho.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # ago/15 · Editado por: henriquelhrf2
      · votar


      Esses chinelos sao Ipanema... recomendo! hahahaha

      E a guita é uma Giannini Super Sonic.

      Fiz o upload de mais um improviso. Foi gravado no Amplitube com essa mesma guita. Tbm tem umas falhas de execução... tocar sem errar nada é mto dificil!



      vintagentleman
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      henriquelhrf2


      Agora a gravação está boa. Seu timbre é legal mesmo.

      Quanto aos erros, não se preocupe. Ouça a versão de estúdio de Like a Hurricane do Neil Young, um clássico coalhado de solos viscerais, mas que, segundo o próprio autor considerou em sua autobiografia, contém erros de execução no final.

      Minha opinião: os erros do gênio contém sua assinatura. O Young erra de um jeito genial rsrsrs

      Stalingrado
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      henriquelhrf2
      Ouvi seu improviso e aqui vão minhas considerações:
      - Cuide dos bends.
      - Você consegue seguir uma linha, isso é legal. A cabeça consegue ter um raciocínio interessante, mas as mãos ainda não conseguem acompanhar isso
      - O timbre é legal, talvez um pouco menos de ganho ficasse mais dinâmico.

      Uma dica (que eu mesmo faço nos meus improvisos ao vivo): vamos supor que seu nível técnico seja 50. Ao fazer um improviso de verdade, sem frases feitas e sem nada pré concebido, sugiro que você desça alguns degraus pra que seja confortável a ponto de você não errar. Ex.: se você consegue executar uma sextina a 130bpm, mas isso requer muita concentração, então talvez não seja boa ideia aplicar isso no improviso AINDA. Assim que ficar confortável, mande ver.

      Espero ter ajudado!

      henriquelhrf2
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      vintagentleman

      Seu timbre é legal mesmo

      Obrigado, procuro sempre caprichar nos timbres.

      Like a Hurricane do Neil Young

      To curioso p ouvir esse som. Até o Clapton deu uma erradinha na sua participação magistral em While My Guitar Gently Weeps... Não sei se mais alguém aqui percebeu, é no finalzinho da música, já no fade out... E o melhor é q esse errinho soa bem, é sério! Entao entendo perfeitamente o q vc quis dizer.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      Stalingrado

      Ouvi seu improviso e aqui vão minhas considerações:
      - Cuide dos bends.
      - Você consegue seguir uma linha, isso é legal. A cabeça consegue ter um raciocínio interessante, mas as mãos ainda não conseguem acompanhar isso
      - O timbre é legal, talvez um pouco menos de ganho ficasse mais dinâmico.


      Vc se referiu a qual dos dois?

      Ao fazer um improviso de verdade, sem frases feitas e sem nada pré concebido, sugiro que você desça alguns degraus pra que seja confortável a ponto de você não errar.

      Dica preciosa! Venho pensando msm nisso ultimamente. Quem ainda ta firmando a caminhada vai tropeçar se sair correndo... Curto improvisar sem ter a menor ideia do q vou fazer em seguida, foi o caso desses dois improvisos.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # fev/16
      · votar


      Pra inaugurar os novos equipamentos:




      henriquelhrf2
      Veterano
      # fev/16
      · votar


      Alguma opinião?

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mar/16
      · votar


      Meu amigo me chamou pra participar da apresentação da banda dele. Eu avisei q não iria solar pq nunca improvisei em publico.

      No meio da primeira música ele falou: "agora o Luiz vai solar".

      E eu solei.

      No meio e no fim da música dele:



      Eu nem sequer tinha ensaiado com a banda. Ensaiei 2x só com meu amigo umas 5 músicas.

      Curti pra c****** a experiência.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mar/16
      · votar


      up

      henriquelhrf2
      Veterano
      # abr/16 · Editado por: henriquelhrf2
      · votar


      Ninguém?

      Queria saber se mandei bem nesses dois ultimos videos...

      flora_
      Veterano
      # abr/16
      · votar


      Oi amigo, eu ainda sou iniciante na guitarra e não toco nem metade disso, mas acho que algum feedback é melhor do que nada rs

      Então, ouvi seus dois últimos improvisos. O primeiro achei bem sólido, bacana mesmo, melodia bonita, bem musical. A minha crítica seria que parece que você se prende muito aos shapes das escalas, então quando você está numa posição parece que só pensa dentro da "caixinha" daquele shape. Além disso acho que podia ter uma ideia de continuidade mais bem definida, tipo começo-meio-fim, do meio pro fim do seu vídeo parece que você não sabe bem onde quer chegar, mas vai tocando o que vem na cabeça e termina quando acabam as ideias.

      O segundo é bem curto, não tem muito o que dizer. As frases são bonitas, "fazem sentido" para quem está ouvindo, mas você tá meio travado, a dinâmica tá bem tímida, provavelmente por ser sua primeira vez improvisando em público.

      Bom, em geral achei bem bão. Diria para trabalhar em pensar a escala mais horizontalmente, fora das caixinhas dos shapes, e procurar um direcionamento nos seus solos, delinear antes em linhas bem gerais como quer que eles se desenvolvam.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # abr/16
      · votar


      flora_

      Tbm sou um eterno iniciante. Mas vc deu um feedback de gte grande.

      A minha crítica seria que parece que você se prende muito aos shapes das escalas, então quando você está numa posição parece que só pensa dentro da "caixinha" daquele shape.

      Sim, isso faz parte da minha insegurança de sair da escala e é algo em q preciso evoluir. Mas me dá um desconto pq eu tava encarando o desafio de improvisar em Si bemol menor, rs... Nao sou nada familiarizado com tal escala.

      Além disso acho que podia ter uma ideia de continuidade mais bem definida, tipo começo-meio-fim.

      Isso eu acho bem dificil de fazer num improviso. Espero conseguir qdo tiver as escalas mais na minha mão e estiver mais confiante. Acho que faço isso bem qdo componho um solo, ou seja, qdo nao é improviso. Tipo o dessa musica q fiz com meu amigo (solo aos 51s): https://www.youtube.com/watch?v=yBs77A3SOi8

      O segundo é bem curto

      Gravaram pelo meio. Mas vc viu q tem mais aos 1min49s?

      você tá meio travado, a dinâmica tá bem tímida

      Na vdd é pq minha tecnica é limitada. Meu nivel é esse mesmo. Nao faço melhor por enqto, rs...

      Diria para trabalhar em pensar a escala mais horizontalmente, fora das caixinhas dos shapes

      É minha meta atual, realmente me sinto inseguro de partir pra notas mais distantes no braço.

      --

      flora_, mto obrigado pela atencao e pelas excelentes dicas. Vc foi precisa nos seus comentarios. E mto obrigado pelos elogios. Eu me divirto mto solando, isso é o principal. Mesmo q nunca chegue a um nivel legal um dia, o mais importante é q me sinto bem tocando. Abraço!

      henriquelhrf2
      Veterano
      # ago/16
      · votar




      Filippo14
      Veterano
      # ago/16
      · votar


      henriquelhrf2

      Frases boas, mas um pouco repetitivas as vezes, pense em arpejos as vezes, encontre alguns dentro ou proximos da pentatonica e tente usa-los, daria uma cara legal pro improviso. Pense em dinamica, sair das zonas de conforto, mexer com o ouvinte, tocar rapido, devagar, fazer uma alavancada, um harmonico, coisas que chamem a atencao e que de fato sejam positivas para a musicalidade da coisa. Eu gosto muito de vibrato no bend, bem do jeito do Steve Morse, poderia tentar fazer alguns, dao uma emocao a mais hahaha.


      Abracao

      henriquelhrf2
      Veterano
      # ago/16
      · votar


      Obrigado pelo feedback, Filippo14!

      Realmente eu nao tava tao solto, faltou pegada nesse improviso. Coincidência vc ter falado da falta de vibratos, foi algo q me dei conta dps vendo a gravação. Tbm curto bastante esse recurso e quero usa-lo melhor nas proximas tentativas.

      Abraço!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Avaliem meus improvisos

      305.952 tópicos 7.899.723 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital