Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Tenho até hoje para trocar um Squier Affinity JBass por outro (SX, Tagima, etc). Devo?

      Autor Mensagem
      francisco2004
      Veterano
      # 29/dez/17 13:56


      Pessoal,

      Semana passada comprei um Squier Affinity JBass. Queria apenas algo para gravar em home studio, já que não sou baixista "de ofício". Na loja, testei um SX e um Tagima, ambos nessa linha jazz bass, porém com escala clara. O Squier tem escala de rosewood ou algo que o valha. Achei o Squier com um timbre mais clássico, enquanto os outros dois possuem médios mais bem definidos, deixando o som mais "roncado". Me pareceu questão de gosto, mas só vejo o pessoal descendo a lenha nos Affinity... o que há de tão errado nesses baixos? Imagino que um SX com escala de rosewood não ficaria muito diferente de um Affinity, não?

      Bem, tenho até hoje para trocar o baixo por algo mais caro ou mais barato, embora achei o preço do Affinity ok (R$ 1500,00), considerando que no Brasil tudo fica tipo duas vezes e pouco a conversão do preço em dólar.

      Fábio Santiago
      Veterano
      # 04/jan/18 14:04
      · votar


      francisco2004

      Não sou baixista, mas ja toquei em todos esses baixos, o pessoal fala mau de Squier mais baratos, porque basicamente se paga mais neles, e não tem um acabamento tão bonito quanto de um Sx, ou Tagima, madeiramento e outra coisa bem peculiar, não vou falar disso, em comparação a esses 3 baixos, basicamente é mais isso mesmo, o acabamento do Sx e Tagima é bem bonito e sai na frente dos Squier Affinity, mas em questão de hardware não vejo muita diferença, acredito que a ponte e as tarraxas do Sx sejam pior do que os demais. Captação deles são simples, basicamente é a mesma coisa, tem a qualidade do encordoamento que se usa, que muda o baixo da água pro vinho.

      Buja
      Veterano
      # 04/jan/18 15:42
      · votar


      francisco2004
      Se o squier te agrada....nao devo porque trocar.
      Comprou...tocou....gostou...fica com ele.

      Imagino que um SX com escala de rosewood não ficaria muito diferente de um Affinity, não?

      Pouca diferença...e pode variar de uma unidade pra outra.

      JJJ
      Veterano
      # 04/jan/18 17:29
      · votar


      Não dá pra desconsiderar o formato do headstock, né?

      .
      .
      .
      .

      Calma, tô brincando!

      .
      .
      .

      bom... nem tanto... hehehe

      francisco2004
      Veterano
      # 06/jan/18 18:47 · Editado por: francisco2004
      · votar


      Comprei o baixo mais para gravar em casa... nos meus testes achei que estava dando muito trabalho para equalizar de um jeito que aparecesse inclusive em fones intra-auriculares e no falante do laptop. Tenho dois fones de estúdio, um Shure SRH440 e um chinês semi-open (Superlux HD330)... nesses o som até era legal, mas eu queria algo compartilhável, e achei que dava muito trabalho para deixar o Squier Affinity audível em qualquer aparelho. Passava de 1000Hz e eu precisava empilhar dois equalizadores no Reaper para fazer qualquer coisa acima de 1000Hz aparecer no espectro.

      Resolvi trocar por um Ibanez SRA 550, pagando a diferença, claro. Não sou muito fã de captação ativa... fiquei entre um Squier J Bass superior ao meu (vintage modified) e esse Ibanez, que achei que para gravar em home studio, é algo mais fácil de manipular... espero não me arrepender desta vez.

      makumbator
      Veterano
      # 06/jan/18 20:13
      · votar


      francisco2004

      Caixa de laptop não consegue reproduzir bem os graves e médio graves. Pode ser Fodera ou um Squier. É uma questão de física. E pra aparecer mais o de som com mais médio e roncado costuma “cortar” mais nas mixagens. Claro que tem também questão do arranjo, e execução, etc...

      francisco2004
      Veterano
      # 06/jan/18 20:26
      · votar


      makumbator
      Pois é... o lance é que numa gravação profissional você houve o baixo em fones intra-auriculares... não é aquela maravilha, mas dá para ouvir. No Affinity, o baixo sumia, mas dava para arrumar empilhando dois ReaEQ caprichando nos médios. No Ibanez, tenho a impressão de que não preciso pirar muito para levar o baixo para uma faixa de frequências audível em fones intra-auriculares, por ex.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Tenho até hoje para trocar um Squier Affinity JBass por outro (SX, Tagima, etc). Devo?

      305.576 tópicos 7.892.544 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital