E se o Yngwie Malmsteen tivesse tocado no...

    Autor Mensagem
    renatocaster
    Moderador
    # 01/abr/19 09:28 · Editado por: renatocaster


    ...ele teria estragado um monte de músicas.



    Os tiozão do fórum vão querer me açoitar em praça pública, mas eu curti a versão de Confortably Numb.



    E tem do EVH também...



    Lelo Mig
    Membro
    # 01/abr/19 10:02
    · votar


    renatocaster

    "eu curti a versão de Confortably Numb."

    ... Pink Floyd com Bach substituindo David Gilmour.

    BrotherCrow
    Membro Novato
    # 01/abr/19 11:26
    · votar


    Engraçado que primeira música é Mr. Crowley... que o Malmsteen já gravou, com Ripper Owens no vocal! E a versão do Malmsteen é muito mais estereotipicamente malsmsteeniana do que a do video:


    Singles
    Membro Novato
    # 01/abr/19 12:35
    · votar


    Rapaz o malmsteen lançou ate album de blues agora, guitarrista completo!

    renatocaster
    Moderador
    # 01/abr/19 16:09
    · votar


    Singles

    Já vi o Malmsteen tocando "blues" diversas vezes, e a última coisa que consigo ouvir é blues.

    entamoeba
    Membro Novato
    # 01/abr/19 19:42
    · votar


    Malmsteen me deixou com um pouco de nojo de guitarra.

    makumbator
    Veterano
    # 01/abr/19 19:50 · Editado por: makumbator
    · votar


    renatocaster

    É, ele usa escala de blues e a estrutura harmônica característica do estilo, mas querer que essas músicas bluseiras dele sejam mesmo blues aí já é demais.

    Drinho
    Veterano
    # 01/abr/19 20:46
    · votar




    Claro que gosto é que nem o lado de trás, muito particular porém na minha humilde opinião ele ainda é um dos guitarristas mais assustadores do galáxia.....

    renatocaster
    Moderador
    # 02/abr/19 08:48
    · votar


    makumbator

    É, ele usa escala de blues e a estrutura harmônica característica do estilo, mas querer que essas músicas bluseiras dele sejam mesmo blues aí já é demais.

    Pois é, não tem cacoete nenhum pra parada. Melhor deixar o blues para quem manja dos paranauê...

    Quando eu tava começando a tocar e fui "apresentado" ao Malmsteen, tudo que ele fazia eu achava do caralho. Só que com o passar do tempo, vc vai começando a ouvir outras coisas e aquele sentimento inicial vai se perdendo.

    Ainda gosto de ouvir algumas músicas dele, mas não tenho mais o menor tesão de acompanhar a sua carreira e seus trabalhos recentes. É enfadonho demais ficar ouvindo ele tocando as mesmas coisas de sempre.

    Aliás, eu peguei ranço com trabalho instrumental de guitarristas de forma geral. Mais recente mesmo só ouvi os discos do Joe Satriani, pois na minha opinião é um dos poucos que consegue pensar mais um pouco fora da caixa.

    Velvete
    Veterano
    # 02/abr/19 08:52 · Editado por: Velvete
    · votar


    Eu posso dizer que nunca ouvi uma música dele. Talvez reconheça uma ou outra coisa por causa desses maneirismos que o autor do vídeo representou.

    Quando comecei a estudar guitarra, havia um forte apelo por esses estilos virtuosos. Hoje, não sei como anda a molecada (nem devem gostar de guitarra, na verdade).

    Delson
    Veterano
    # 02/abr/19 09:21
    · votar


    Bagunçou minha cabeça. Vou precisar de análise.

    renatocaster
    Moderador
    # 02/abr/19 17:28
    · votar


    Velvete

    Talvez reconheça uma ou outra coisa por causa desses maneirismos que o autor do vídeo representou.

    Mas aí que tá a sacada legal do autor dos vídeos. Ele pegou diferentes músicas de diferentes estilos e imprimiu o estilo do Malmsteen. Eu curto essas bobeiras, hehehehe.

    BrotherCrow
    Membro Novato
    # 02/abr/19 17:32
    · votar


    Drinho
    na minha humilde opinião ele ainda é um dos guitarristas mais assustadores do galáxia.....

    Eu gosto de Malmsteen. Principalmente dos primeiros discos, Rising Force, Trilogy...
    E falando sério: o Malmsteen tem uma pegada muito melhor do que a do guri que fez o vídeo.

    renatocaster
    Moderador
    # 02/abr/19 18:50
    · votar


    Já fui no show dele (turnê do disco "Attack"), e fora as pirotecnias, vê-lo tocar de perto é um experiência única. Ele é um animal, toca alto pacaráleo e não erra um mísero bend. O playing do fdp é perfeito, pois esse negócio de tocar muitas notas e rápido muitos outros embolam quando está tocando ao vivo.

    Mas é isso. Nunca mais senti vontade de ir a outro show dele, pq a expectativa seria de ser tudo igual o que foi no show anterior. Com novas músicas, mas ouvindo os mesmos temas, as mesmas frases, etc...um detalhe que eu acho legal no Malmsteen é quando ele também canta.

    Resumindo: Ainda gosto, mas não como antes.

    Lelo Mig
    Membro
    # 02/abr/19 19:16 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    "ele ainda é um dos guitarristas mais assustadores do galáxia..."

    "O playing do fdp é perfeito"


    Tenho 2 ou 3 álbuns dele que não ouço há séculos. Nunca fui muito fã do trabalho dele.

    Mas, não podemos confundir as coisas: técnicamente ele é excepcional, fora de série, genial. Faz coisas dificílimas com uma baita facilidade. Têm uma destreza absurda.

    Talvez não o colocasse numa lista entre meus 100 guitarristas favoritos, mas se tivesse de fazer uma lista avaliando só a capacidade técnica, independente de gosto, ele estaria entre os 10 maiores... se bobear entre os 5.

    Ken Himura
    Veterano
    # 03/abr/19 02:27
    · votar


    renatocaster
    Aliás, eu peguei ranço com trabalho instrumental de guitarristas de forma geral. Mais recente mesmo só ouvi os discos do Joe Satriani, pois na minha opinião é um dos poucos que consegue pensar mais um pouco fora da caixa
    Nesse sentido, o Guthrie Govan tem me surpreendido, tem um pensamento mais de músico, menos de guitarrista.

    Mas concordo com você, o mundo da guitarra tá muito cheio de "guitarrices", e isso já perdeu a graça. Ainda não tem ninguém que eu conheça que faça na linguagem da guitarra o que, por exemplo, o Jaco Pastorius fez no baixo.

    makumbator
    Veterano
    # 03/abr/19 02:47 · Editado por: makumbator
    · votar


    Ken Himura
    renatocaster
    Lelo Mig

    Desses guitarristas "instrumentais" eu gosto do australiano Plini. ele economiza nas guitarrices.

    Essa é uma música bem legal do cara:

    https://www.youtube.com/watch?v=5fNhD_lP1F4

    O Govan também é um músico especial, fora desse esquema de guitarreiro.

    Lelo Mig
    Talvez não o colocasse numa lista entre meus 100 guitarristas favoritos, mas se tivesse de fazer uma lista avaliando só a capacidade técnica, independente de gosto, ele estaria entre os 10 maiores... se bobear entre os 5.

    O vibrato do Malmsteen eu acho bonito pra cacete. O primeiro disco dele ainda pode ser considerado um marco na guitarra (e até o terceiro ainda tinha alguma coisa a dizer). Mas os últimos trabalhos do cara (de mais de uma década) são lamentáveis,

    renatocaster
    Moderador
    # 03/abr/19 09:23
    · votar


    Ken Himura

    Nesse sentido, o Guthrie Govan tem me surpreendido, tem um pensamento mais de músico, menos de guitarrista.

    Sim, eu gosto dele também. Pelo lado musical sem dúvidas é um dos melhores na atualidade. Mas, em muitos momentos eu acho que ele tbm peca pelo excesso, assim como os outros.

    Nessa vibe mais fusion eu também gosto muito do Greg Howe, mas parei de acompanhar. Não sei como estão os trabalhos mais recentes dele.

    Mas concordo com você, o mundo da guitarra tá muito cheio de "guitarrices", e isso já perdeu a graça.

    Dos que apelam para menos "guitarrices" eu gosto bastante do Oz Noy. É um guitarrista israelense, a vibre dele não é muito voltada pro rock, é mais puxado para o jazz/fusion. Mas é um virtuose.

    makumbator
    Lelo Mig

    O Malmsteen teria sido imortalizado se a vida dele tivesse tomado um desfecho trágico, parecido com o que aconteceu com Hendrix, Randy Rhoads, SRV, etc...Teria virado uma lenda, mas com isso não aconteceu (que bom!), ele acabou virando uma cópia de si mesmo com o passar dos anos.

    makumbator
    Veterano
    # 03/abr/19 17:13 · Editado por: makumbator
    · votar


    renatocaster
    O Malmsteen teria sido imortalizado se a vida dele tivesse tomado um desfecho trágico

    É, se ele tivesse morrido naquele acidente grave de carro após o terceiro disco (e ele quase morreu mesmo. Ficou em coma e sofreu um coágulo cerebral e paralisação da mão direita) a visão que se teria dele talvez fosse mais romântica e até saudosista. A gente ficaria pensando no que ele teria feito.

    Seria parecido com o que hoje acontece com o Cliff Burton, que tem uma fama a meu ver maior do que se tivesse sobrevivido ao acidente do ônibus do Metallica.

    MatheusMX
    Veterano
    # 03/abr/19 18:30
    · votar


    Acho os primeiros trabalhos do Malmsteen muito bons.
    Os mais recentes eu ouvi pouquíssima coisa, e não curti.
    Mas desses guitarristas que fazem música pra guitarristas ele é um dos poucos que me agrada.
    Tem uma identidade muito interessante.

    renatocaster
    Moderador
    # 04/abr/19 08:34 · Editado por: renatocaster
    · votar


    makumbator

    É, se ele tivesse morrido naquele acidente grave de carro após o terceiro disco (e ele quase morreu mesmo. Ficou em coma e sofreu um coágulo cerebral e paralisação da mão direita) a visão que se teria dele talvez fosse mais romântica e até saudosista. A gente ficaria pensando no que ele teria feito.

    Tô ligado, porrou o Jaguar numa árvore com vontade. A partir desse acidente ele poderia ter dado um rumo diferente à carreira, mas isso infelizmente não aconteceu.

    Seria parecido com o que hoje acontece com o Cliff Burton, que tem uma fama a meu ver maior do que se tivesse sobrevivido ao acidente do ônibus do Metallica.

    Sim, realmente tem alguns casos como esse do Cliff, onde a idolatria post-mortem parece ser meio desproporcional ao que seria se não tivesse falecido. Outro exemplo é o tal do Sid Vicious do Sex Pistols.

    MatheusMX

    Os mais recentes eu ouvi pouquíssima coisa, e não curti.

    Dos mais recentes uma coisa ou outra que é mais legal, mas no geral os trabalhos são bem ruins. Inclusive ele tem cagado bastante para a produção também, de forma geral. Mesmo tendo o seu próprio selo agora.

    Essa música eu gosto pra caramba, pode ser considerada mais ou menos como um trabalho mais recente, pois foi gravada em 2005.



      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a E se o Yngwie Malmsteen tivesse tocado no...