Comprar cello inacabado, e depois terminado por um luthier

    Autor Mensagem
    outroCelista
    Membro Novato
    # 17/jul/20 10:03 · Editado por: outroCelista


    Olá, pessoal!

    Estou pesquisando violoncelo pra comprar;
    Pelo que vi em vários tópicos, o ce300 é um ótimo custo/benefício.

    Porém conversando com um luthier de Maringá, ele propôs um negócio diferente.
    Adquirir um cello inacabado, na madeira crua, de um fornecedor de confiança dele.
    Ele então terminaria. Faria todos os ajustes, verniz, e montaria todo o resto (estandarte/cravelhas/cavalete/espigão/arco/capa)
    Como vantagem seria um instrumento personalizado quanto à cor, acessórios. E seria também um instrumento que passou pela mão do luthier.
    Pelo que entendi esses cellos são chineses, mas usam as madeiras corretas.
    O valor total do instrumento ficaria entre 4000 e 5500, dependendo do cello inacabado que escolhermos que existem de vários preços/qualidade;

    Pelo que pesquisei do ce300 encontrei na faixa de 3000 a 4500 (no caso considerando instrumentos novos e também usados).

    Acham que vale a pena essa passada na mão do luthier e esse cuidado a mais na escolha das peças / verniz?

    LeandroP
    Moderador
    # 17/jul/20 10:14
    · votar


    outroCelista

    Eu sinceramente não entendo nada de cello. Contudo, se a minha opinião ainda valer alguma coisa, eu optaria pelo trabalho do luthier. Acredito que, se ele for um profissional gabaritado, honesto, valeria muito mais a pena. Isso porque você teria um contato direto com o fabricante do instrumento, além de poder customizar, como você mencionou. Acredito que seria mais garantido do que comprar um instrumento importado e que provavelmente teria que passar por um luthier pra realização de ajustes.

    makumbator
    Veterano
    # 17/jul/20 12:31 · Editado por: makumbator
    · votar


    outroCelista

    Toco o contrabaixo acústico com arco (em orquestra, solo, em grupo de câmara, etc), então tenho experiência nisso. Posso te falar 3 coisas:

    1. Ao se pegar um instrumento de fábrica (como o CE300), já se faz as substituições de várias partes: colocação de encordoamento premium, alma (trocada e reposicionada), cavalete, estandarte, rabicho, capotraste e algumas vezes também se troca a escala e eventualmente até o espigão (e no caso do contrabaixo acústico também se pode trocar as cravelhas). Além disso há a regulagem normal que o luthier faz (posicionar corretamente tudo e definir a ação das cordas de acordo com o desejo do músico). Nesse ponto tanto faz ser de luthier ou não. Se você for sério no instrumento, a tunagem já tem que fazer parte dos planos. No caso de instrumento de fábrica também se aproveita apenas a “casca”. Todo o resto é trocado e regulado.

    2. Só é recomendável fazer o instrumento com o luthier se ele tiver experiência específica na construção de cello. Um luthier que faz guitarras, violão ou outros instrumentos não serve. Em geral o resultado final nesses casos não fica melhor que um bom instrumento de fabrica tunado.

    3. Também é preciso ver se seu arco é bom. Se for arco que acompanha instrumento aí é certeza de ser porcaria. Nesse caso é recomendável comprar um arco bom, se possível de autor. Muita gente troca tudo no instrumento e esquece do arco. Obviamente que se a ideia for apenas iniciar pra depois ver se vai levar o instrumento mais seriamente, aí não precisa ser arco de autor, mas também não pode ser lixo (e a resina/breu também tem que ser boa. As melhores são austríacas, suecas e alemãs).

    outroCelista
    Membro Novato
    # 17/jul/20 14:04 · Editado por: outroCelista
    · votar


    makumbator

    Das coisas que você mencionou,

    1. Sim, concordo plenamente. Exatamente o que eu penso.
    Minha primeira intenção na verdade era justamente pegar um conceituado de fábrica usado e fazer toda regulagem. Aproveitar mesmo só a casca.

    2. Esse luthier em questão trabalha especificamente com violino/viola/cello/contrabaixo a uns 5 anos.
    Pelo que vi no facebook dele, ele trabalha com bastante restauração desses instrumentos, alem dos ajustes comuns. Então a experiência dele não é tão grande, porém trabalha somente com esse tipo de instrumento.

    Minha insegurança maior é por conta de dois principais pontos:
    - não ter o instrumento pronto para avaliar;
    - a qualidade do produto final ficar abaixo do esperado, levando em consideração que a carcaça que foi usada.

    Nunca tinha ouvido falar nessa possibilidade de adquirir o corpo do cello cru e montar tudo em cima dele.
    No meu entendimento não bateria com um cello feito do zero por um luthier.
    Mas também imagino que tenderia a ser melhor que os cellos de fabrica, inclusive os modelos mais caros.

    Tentei pesquisar por alguém que já tenha comprado um cello nestas condições, mas nao encontrei..

    Tudo leva a crer que vale a pena, mas o problema é que o valor final não é barato. Ainda mais se ficar aquém de um cello de fábrica que poderia ter pago 3000 considerando ja os ajustes.

    Desculpe o mau exemplo, mas tenho medo de ficar mais caro o molho que o peixe.

    makumbator
    Veterano
    # 17/jul/20 14:18 · Editado por: makumbator
    · votar


    outroCelista

    Se o luthier tem experiência com cello aí a coisa muda de figura. Apesar dele aparentemente não construir do zero. O problema realmente é você não poder testar antes (coisa que se pode fazer com o cello de fábrica, mesmo levando-se em conta que os upgrades mudam muito o som e tocabilidade final).

    Mas ele não tem nenhum pronto para te mostrar? Ou mesmo de algum cliente que tem um feito por ele no esquema?

    O preço vai ser alto de qualquer maneira, pois os itens trocados já são mais caros (e ainda tem a mão de obra).

    Tenha em mente que os de fábrica vendidos aqui também são feitos na China. Se o luthier não fizer o corpo ele mesmo a partir da madeira crua (ou seja, montando a partir de um kit chinês) tem grande chance de ser bem parecido.

    O maior luthier de contrabaixo acústico do Brasil (Paulo Gomes) faz esse esquema de upgrades em instrumento chinês há pelo menos 2 décadas. Mas ele também constrói instrumento do zero a partir da madeira crua (por um custo muito maior, obviamente). Uma vantagem no caso dele é que há um showroom com instrumento chinês com upgrade e também os de fabricação toda dele. Então o cliente pode ver, tocar e pegar em um modelo já pronto e ponderar cada opção.

    O ideal seria você levantar os orçamentos das duas opções e ponderar. Mas não economize na tunagem. Pegue cavalete top, estandarte top, etc. isso faz muita diferença.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Comprar cello inacabado, e depois terminado por um luthier