A estética peculiar da oração na calçada.

    Autor Mensagem
    entamoeba
    Membro Novato
    # 10/abr/20 15:20




    Se eu rir, é intolerância religiosa?

    LeandroP
    Moderador
    # 10/abr/20 15:25
    · votar


    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Jonas Kahnwald
    Membro Novato
    # 10/abr/20 17:36
    · votar


    estão imitando os fariseus, será?

    Black Fire
    Gato OT 2011
    # 10/abr/20 17:43
    · votar




    Lelo Mig
    Membro
    # 10/abr/20 17:49 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    entamoeba

    Adianta... em 1928, depois de morrerem apenas 35 mil pessoas, Jesus atendeu.

    brunohardrocker
    Veterano
    # 10/abr/20 18:22
    · votar


    Parece aquelas coisas que fazem nos cursos de humanas.

    Jonas Kahnwald
    Membro Novato
    # 10/abr/20 19:15
    · votar


    brunohardrocker
    Parece aquelas coisas que fazem nos cursos de humanas.

    estavam fumando maconha entre as orações?

    entamoeba
    Membro Novato
    # 10/abr/20 19:28
    · votar


    Jonas Kahnwald
    estavam fumando maconha entre as orações?

    Trepando.

    Jonas Kahnwald
    Membro Novato
    # 10/abr/20 21:02
    · votar


    entamoeba
    então não estava parecendo a sala de humanas, feminazis não transam

    entamoeba
    Membro Novato
    # 10/abr/20 21:04
    · votar


    Jonas Kahnwald
    então não estava parecendo a sala de humanas, feminazis não transam

    Tá sabendo pouco!

    makumbator
    Veterano
    # 10/abr/20 21:16
    · votar


    Jonas Kahnwald

    Feminazis transam entre si. É importante lembrar que elas são todas lésbicas.

    Jonas Kahnwald
    Membro Novato
    # 10/abr/20 21:20
    · votar


    makumbator
    transar ou trepar são termos machiistas, elas se empoderam entre si, é diferente

    JJJ
    Veterano
    # 10/abr/20 21:41 · Editado por: JJJ
    · votar


    Eu tenho um problema com esse tipo de coisa e não é preconceito específico contra evangélico. Acontece também em algumas manifestações católicas, em rituais afro, etc e tal...

    É essa coisa do grito, da necessidade estapafúrdia de fazer barulho num transe coletivo catártico em vez da pura (e silenciosa) fé, na tranquila religação com Deus (ou seja lá qual o "destinatário" da oração de cada um).

    Nesse ponto, eu sou meio "budista" (adoro templos budistas, por sinal). Só gosto de orar em silêncio, em paz, em contemplação, quase meditando. Esses cultos onde o pessoal acha que Jesus é surdo, pra mim, são insuportáveis.

    Beto Guitar Player
    Veterano
    # 16/abr/20 10:28 · Editado por: Beto Guitar Player
    · votar


    JJJ

    Eu tenho um problema com esse tipo de coisa e não é preconceito específico contra evangélico. Acontece também em algumas manifestações católicas, em rituais afro, etc e tal...

    É essa coisa do grito, da necessidade estapafúrdia de fazer barulho num transe coletivo catártico em vez da pura (e silenciosa) fé, na tranquila religação com Deus (ou seja lá qual o "destinatário" da oração de cada um).

    Nesse ponto, eu sou meio "budista" (adoro templos budistas, por sinal). Só gosto de orar em silêncio, em paz, em contemplação, quase meditando. Esses cultos onde o pessoal acha que Jesus é surdo, pra mim, são insuportáveis.


    Copiei todo o seu comentário, porque estou assinando aqui embaixo.
    Concordo completamente.
    Tenho uma vizinha que é dessa onda de gritar, falar em "línguas" e o diaboa4. Esses dias, eles estavam reunidos e batendo os pés no chão, achei que era terrêro de umbanda, sei lá.
    Acho desnecessário.

    Beto Guitar Player
    Veterano
    # 16/abr/20 10:31
    · votar






      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a A estética peculiar da oração na calçada.