As Drogas e a Arte

    Autor Mensagem
    FELIZ NATAL
    Veterano
    # jun/15


    Recentemente lí dois artigo bem interessantes abordando essa temática:

    http://super.abril.com.br/cultura/as-portas-da-percepcao
    http://brasil.estadao.com.br/blogs/sinapses/jazz-loucura-e-criatividad e/

    Há alguma relação? Se não, pq tamanha coincidencia?

    sallqantay
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    músico é tudo vagabundo e vagabundo é tudo maconheiro

    do the math

    Black Fire
    Gato OT 2011
    # jun/15
    · votar


    Só sei que lexotan com álcool é uma merda.

    Headstock invertido
    Veterano
    # jun/15 · Editado por: Headstock invertido
    · votar


    Por muitos anos me droguei com dipirona sódica. Não tenho envergadura moral e muito menos valor de verdade pra falar de drogas.

    sallqantay
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    dipirona sódica

    deve ser a droga mais careta depois de cigarro

    Headstock invertido
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    sallqantay
    E sou fumante. Caralho, como sou quadrado.
    Preciso achar uns hipsters.

    _Excelion
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    elixir paregórico > vossas existências

    cafe_com_leite
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    Febre dá umas alucinações doida. Tava meio febril até agora pouco. Quando era criança, era uma parada até praserorsa, mas agora com o trabalho, só consigo sonhar com essa bosta.

    makumbator
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    Tenho um amigo que é viciado em sorine. Triste infortúnio!

    Headstock invertido
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    makumbator
    Minha digníssima usa muito isso.

    sallqantay
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    zebu > all

    ACIDO LISERGICO
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    Eu > all

    Pseudonimum
    Veterano
    # jun/15
    · votar


    http://brasil.estadao.com.br/blogs/sinapses/jazz-loucura-e-criatividad e/

    "Producers of great art are no demigods but fallible human beings, often with neurotic and damaged personalities".

    Epígrafe no início do livro But Beautiful - A Book About Jazz.

    Life is a lemon
    Membro Novato
    # jul/15
    · votar



    See, I think drugs have done some *good* things for us, I really do. And if you don't believe drugs have done good things for us, do me a Favor: go home tonight and take all your albums, all your tapes, and all your cd's and burn em'. 'Cause you know what? The musicians who've made all that great music that's enhanced your lives throughout the years...
    Rrrrrrrrrrrrreal ------ high on drugs."

    TWT ICE
    Veterano
    # jul/15
    · votar


    a diferença é que o trabalho deles permite isso

    FELIZ NATAL
    Veterano
    # ago/15
    · votar


    Começa na maconha, passa pra cocaína, vai no crack e acaba votando no PT

    Gourmet Erótico
    Veterano
    # ago/15
    · votar


    FELIZ NATAL
    Começa na maconha, passa pra cocaína, vai no crack e acaba votando no PT

    melhor definição de um esquerdopata to date

    pianoid
    Veterano
    # ago/15
    · votar


    imagino que no palco deve ajudar bastante a relaxar, esquecer o público. Por outro lado, tento imaginar o que Mozart e cia usavam pra relaxar, então. A música era mais complexa, demandava mais, o público aristocrata era mais exigente e mesmo assim não havia drogas. Músicos bêbados também não eram bem vistos e sua carreira ia por água abaixo, como a do pai de Beethoven...

    acho que o jeito era pura disciplina mesmo...


    makumbator
    amigo que é viciado em sorine. Triste infortúnio!

    esse medicamento é um problema sério. Não é questão de hábito: ele constrita os vasos nasais e quem está com nariz entupido consegue respirar. Mas quando acaba seu efeito os vasos parecem dilatar com tudo, e não parecem voltar ao normal. Eu frequentemente acordava no meio da noite sufocando e tinha que pingar mais. Um dia fui a uma reunião e falei pra mim mesmo: "não vou levar pra não usar". Passei 4 horas respirando pela boca.

    causa realmente dependência química e nenhuma autoridade faz pora nenhuma. Enfim, consegui me livrar pq um médico me passou outro medicamento (não lembro) que substituiu o efeito do outro até que as paredes nasais voltaram ao normal. Esse não viciou.

    sandroguiraldo
    Veterano
    # ago/15
    · votar


    causa realmente dependência química
    É verdade!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a As Drogas e a Arte