Dúvidas, drogas e derivados.

    Autor Mensagem
    BrunoJJ
    Membro Novato
    # 11/dez/18 18:03


    Bom momento, pessoal. Estou com algo em minha cabeça que me "encafifa" até hoje.

    Canto há mais de 10 anos, fiz aula por alguns anos, passei um longo período sozinho e retornei com uma tutora em 2017. Apesar de ter facilidade com música e ter boa voz, não me considero um BOM cantor, daqueles que fazem tudo com naturalidade e tem a boa técnica vinda de fábrica. Peco demais em determinadas questões.

    Entretanto em determinados episódios sob efeito de marijuana, em especial durante uma sessão de gravação, notei que entrei em outro paradigma no que diz respeito à minha voz. Simplesmente vi que eu possuía essa sensibilidade de fábrica, cantei SUPER bem e mantive um controle intuitivo do qual nunca antes havia tido acesso pra fazer coisas que eu só escutava e identificava, mas não reproduzia.

    Isso já chegou a acontecer sem quaisquer substancias psicoativas no organismo, totalmente sóbrio, mas eu precisei me "forçar a entrar em um estado mental diferente" pra cantar com facilidade, sem prender nada e atingir essa capacidade latente em mim. Será que isso é sinal de que eu TENHO MESMO esse dom pra cantar, porém possuo algumas travas mentais de medo e insegurança que não me permitem ser assim o tempo todo, ou realmente foram fenômenos episódicos?

    Como fazer pra liberar essas travas na hora de soltar a voz e cantar de modo intuitivo com facilidade? Vocês fazem alguma coisa na hora de cantar, já passaram por isso?

    São perguntas difíceis de responder talvez, pode ser que eu não as tenha formulado de forma objetiva como o necessário. Mas estou com isso na cabeça faz tempo. Ainda agora tentei começar a estudar, mas estou travado pra fazer coisas simples, nenhum aquecimento e bateria de vocalizes dá jeito nisso, por mais que eu acerte os exercícios. Passei anos nessa e só fui cantar BEM MESMO durante essas ocasiões.

    BrunoJJ
    Membro Novato
    # 11/dez/18 18:09
    · votar


    OU será que eu conto com uma serie de vícios que acabam "empatando" essa naturalidade na grande maioria das vezes? Noto que possuo alguns "cacuetes" que geralmente dificultam a situação. Estou focando em trabalhar isso ultimamente também.

    Lelo Mig
    Membro
    # 11/dez/18 18:43
    · votar


    BrunoJJ

    "Será que isso é sinal de que eu TENHO MESMO esse dom pra cantar..."

    Sinal que você é um maconheiro ducaraio e fica arrumando desculpa prá ficar bem loko....kkkk........(zoando)

    (falando sério)... Cara, estas substâncias psicoativas, muitas vezes, fazem com que haja um relaxamento natural, uma despreocupação em "fazer certo ou errado", aliviam a tensão e o senso crítico, o que as vezes acarreta em melhor performance por não se cobrar tanto. Muitas vezes ficar muito preocupado em acertar é o que nos faz errar, ou se não errar, não ser natural, ficar preso.

    Se for isso, facilmente você conseguirá este estado de relaxamento e despreocupação de forma natural... A cannabis, a longo prazo, te trará alguns prejuízos e sintomas indesejáveis... (o que que eu tava escrevendo mesmo?.....esqueci!)

    Um professor de canto lhe ajudará mais que a erva...

    Abraço!

    entamoeba
    Membro Novato
    # 11/dez/18 21:48
    · votar


    Use supositório de maconha. Fumar fode as pregas vocais.

    Tipo 8
    Membro Novato
    # 12/dez/18 00:39
    · votar


    BrunoJJ

    Só tem uma coisa que libera todo o seu potencial no canto. O conhecimento técnico. Muitos ignorantes tem um discurso de que a técnica engessa o cantor. Não caia nessa. A técnica te dá as armas necessárias para interpretar e faz de vc um profundo conhecedor da própria voz.

    A única coisa que funciona em termos de voz é estudo e água. O resto é muleta e essa é uma que não tem nada a ver com o cantar bem e a preservação do instrumento.

    Muita gente não leva a sério o canto. Quem leva, não faz NADA que prejudique o instrumento.

    thiago stteffen
    Veterano
    # 13/dez/18 09:17
    · votar


    Mesmo coisa que o alcool. Vc relaxa e acaba abusando da voz sem perceber. Isso no longo prazo arregaça com as cordas vocais.

    Mas veja, longo prazo. O fato do problema vir a longo prazo nao o torna desprezível.

    Com um bom professor e exercícios regulares vc conseguirá mandar tão bem quanto chapado.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Dúvidas, drogas e derivados.