Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      【FIXO】 Conhecendo melhor as bandas (Youtube)

      Autor Mensagem
      Ed_Vedder
      Veterano
      # set/07


      Simples

      Nome da banda + Resumo da ópera + Videos Bacanas


      Começando com:


      Alice In Chains

      Layne Staley - Vocal
      Jerry Cantrell - Guitarra
      Mike Inez - Baixo
      Sean Kinney - Bateria

      O Alice In Chains é uma das principais bandas nascidas do movimento grunge, movimento esse que deu uma sacudida no cenário musical no fim da década de 80 até mais ou menos a metade da década de 90. O grunge teve como berço a chuvosa cidade de Seattle, e é lá também que começa a história do Alice In Chains.

      A banda foi formada em 1987, quando Layne Staley (vocalista) conheceu Jerry Cantrell (guitarrista) no Music Bank, em Seattle. Antes disso, Staley já tocava com alguns amigos em uma banda chamada Alice N' Chains, mas a partir de seu encontro com Cantrell a banda passa a se chamar Alice In Chains e o negócio começa a ficar mais sério. Jerry traz para a banda o baixista Mike Starr e o baterista Sean Kinney, e a banda começa a tocar nos clubes e bares de Seattle.

      Em 1989, a banda assina com a Columbia Records. Em junho do ano seguinte, lançam o EP ´We Die Young´ (que hoje é muito difícil de achar). O som da banda logo se caracteriza como um ´hard-metal´ de primeira, com pitadas de Black Sabbath e Metallica, mas sem deixar a característica grunge (que estava começando a estourar) de lado. Layne mostra-se um letrista melancólico e sentimental. Ainda em 1990, no verão, a banda lança o álbum ´Facelift´ e começa a fazer turnês ao lado de nomes como Megadeth, Iggy Pop e Van Halen. O disco começa a fazer sucesso (ganharia disco de ouro mas tarde) e a banda começa a ganhar prestígio. Em maio de 1991, a banda participa do Clash of Titans, com Slayer, Megadeth e Anthrax. Em novembro de 1991, a banda grava mais um EP, chamado de ´SAP´, que é quase todo acústico e possui as participações de Chris Cornell (Soundgarden) e Mark Arm (Mudhoney).

      Reza a lenda que o título do disco veio de um sonho do baterista Sean Kinney. Nesse período, o grunge começava a virar sensação, com bandas como Soundgarden, Nirvana e Pearl Jam estourando nas rádios do mundo inteiro. Em abril de 1992, a banda começa a gravar seu novo disco, com Dave Jerden na produção, e em setembro desse ano ´Dirt´ é lançado. A banda excursiona com Ozzy Osbourne por 3 meses e toca no Hollywood Rock, no Rio de Janeiro, em janeiro de 1993. Depois dessa passagem pelo Brasil, Mike Starr resolve deixar a banda pois não agüenta mais fazer turnês, sendo substituído por Mike Inez, que era baixista de Ozzy.

      Ainda em 1993, a banda toca com o Screaming Trees na Europa e participa do Lollapalooza, que tinha o Primus com atração principal. No disco ´Dirt´, as letras de Staley estão bastante depressivas, com temas como morte e drogas. Esse disco ganha três discos de platina. Em setembro de 1993, a banda grava mais um mini-disco, chamado ´Jar of Flies´, produzido por Toby Wright e lançado no começo de 1994.

      É o primeiro EP da história a chegar no topo da parada da revista Billboard. Depois de algum tempo fora de cena, Staley aparece em um projeto paralelo com Mike McCready (Pearl Jam), Barret Martin (Screaming Trees) e Baker Saunders (Lamont Cranston). Sob o nome de Mad Season, eles gravam um disco chamado ´Above´, lançado em março de 1995. Em abril de 1995, o Alice In Chains entra no estúdio Bad Animals, em Seattle, para a gravação de um novo disco, novamente com a produção de Toby Wright. O resultado é lançado em novembro de 1995, e o álbum possui como título simplesmente o nome da banda (apesar de alguns chamarem de ´Tripod´).

      No Japão, a capa do disco é censurada, pois possui um cachorro com apenas três pernas. Eles decidem não fazer turnê para divulgar o disco o que faz aparecerem boatos de que a banda estaria se separando. Os integrantes do Alice In Chains, em especial Jerry Cantrell, passam a dedicar mais tempo aos seus projetos pessoais. Mas em maio de 1996 o Alice In Chains se reúne novamente para a gravação de um show acústico especial para a MTV (que seria lançado em vídeo e álbum no verão desse mesmo ano, novamente com a produção de Toby Wright), e logo depois voltam aos palcos para serem a banda de abertura do início da turnê da volta do Kiss, a Kiss Alive 96/97 World Tour. A reunião não dura muito tempo e a banda volta à inatividade.

      Em 29 de junho de 1999 é lançada uma coletânea da banda, chamada Nothing Safe: The Best of the Box´, com os principais sucessos da carreira do Alice In Chains, e mais uma música inédita.

      Em 19 de abril de 2002, aconteceu uma perda para o mundo do rock: o vocalista Layne Staley, foi encontrado morto em seu apartamento, na cidade de Seattle, nos Estados Unidos. Um amigo do cantor, que não o via há dias, ligou preocupado para polícia. O corpo de Layne, já em estado avançado de decomposição, foi encontrado no sofá. A causa da morte ainda não foi comprovada, mas é provável que ele tenha morrido de overdose. O vocalista do Alice in Chains, no decorrer de sua carreira, travou uma dura batalha contra a heroína. Layne tinha 34 anos.


      Would







      Rooster




      Nutshell



      We Die Young



      CheshireCat
      Veterano
      # set/07
      · votar


      bom tópico, mas não devia estar no música em geral? O_o

      Ed_Vedder
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Lenny Kravitz

      Lenny Kravitz nasceu em Nova York, em 26 de maio de 1964, e é filho do produtor Sy Kravitz e da atriz Roxie Roker. Quando tinha dez anos, mudou-se para Los Angeles. Sua experiência musical mais marcante na adolescência foi quando tocou no California Boys Choir, e, ao terminar o segundo grau, decidiu não cursar faculdade para seguir a carreira artística.

      No começo de sua carreira, Lenny Kravitz usava o nome artístico "Romeo Blue". Após muitas dificuldades para conseguir gravar sua primeira fita demo, Lenny encontrou o produtor Henry Hirsch que junto com o seu pai, Sy Kravitz, financiaram o seu primeiro álbum, "Let Love Rule", de 1989. O álbum trazia uma pegada bastante funk e boas canções, mas não foi um grande sucesso de vendas.

      Nessa época, Lenny se separa de sua mulher, Lisa Bonet. Em 1991 veio o segundo CD, "Mama Said". O álbum fez grande sucesso nos Estados Unidos e em todo o mundo. O 'single' "It Ain't Over Til It's Over" chegou ao segundo lugar nas paradas americanas e faturou um disco de platina. Em "Mama Said", quase todas as letras falam do fim do seu casamento.

      Em 1993 o cantor lança o álbum "Are You Gonna Go My Way?", e, um ano mais tarde, ganha o prêmio de melhor cantor de rock no MTV Video Awards. O quarto CD, lançado em 95, foi "Circus". Lenny passa três anos fazendo pesquisas e aprimorando seus conhecimentos musicais, até que, em 98 retorna aos estúdios para gravar "5".

      Lenny surpreende a todos, tocando todos os instrumentos do disco e fazendo diversos experimentos com percussões pouco convencionais (garrafas, por exemplo). Além de algumas letras do álbum falarem sobre a morte da mãe, "5" tem como 'hit' "Fly Away", que deu ao músico dois prêmios Grammy e muito dinheiro ao se tornar fundo para publicidade de um automóvel.

      Em 99, Lenny emprestou sua canção "American Woman" para o filme "Austin Powers" e, em 2000, foi lançada uma compilação com os maiores sucessos de Lenny, chamada "Greatest Hits" que fez um enorme sucesso de vendas no mundo todo.

      Em 2001, já na condição de 'popstar', o vocalista grava o inédito "Lenny", apostando ainda mais nas baladas que agradam em cheio, principalmente, o público feminino. O DVD "Lenny Kravitz Live" foi lançado no ano seguinte. O músico trabalhou, em 2003, com Michael Jackson, na produção da faixa "Another Day".

      Em 2004, chega "Baptism", álbum inédito no qual Lenny grava todos os instrumentos, além de cantar e compor as canções. O ano seguinte foi de intensas turnês, e o músico esteve no Brasil. Ainda no final deste ano, foi cotado para interpretar Jimi Hendrix, num filme sobre a vida do músico.

      Em 2006, Lenny foi convidado a criar uma canção para uma campanha de Vodca Absolute, o que resultou na bela "Breathe".


      Are you Gonna go my way





      I Belong to you



      Always on the Run



      Ed_Vedder
      Veterano
      # set/07
      · votar


      The Cure

      O The Cure foi, sem dúvida, uma das bandas mais importantes da década de 80. Responsáveis por grande parte dos hits dessa época, o grupo ainda continua fazendo história, mais de 20 anos após o lançamento do primeiro álbum. E o grande nome por trás disso tudo é Robert Smith. Nascido em Blackpool, Inglaterra, o vocalista é o criador de quase tudo que a banda gravou e único membro a nunca abandonar o The Cure.

      Montou o Easy Cure, em 1977, ao lado do baterista Lol Tolhurst, do baixista Michael Dempsey e do guitarrista Porl Thompson. Após uma experiência não muito agradável com a gravadora Hansa, gravaram o single "Killing An Arab". Bob assumiu as guitarras e agora como trio, mudam o nome do grupo para The Cure.

      No ano de 1979, foi lançado o 'debut' "Three Imaginary Boys", que saiu nos Estados Unidos como "Boys Don't Cry", e acabou se tornando uma das composições mais famosas da banda. Dempsey, no entanto, resolveu deixar o The Cure e foi substituído por Simon Gallup.

      O segundo trabalho "Seventeen Seconds" trouxe ainda mais popularidade para os ingleses e a música "A Forest" impulsionou as vendas do álbum em todo o mundo. Os discos seguintes são considerados grandes clássicos do Rock Gótico, "Faith" de 1981, e "Pornography", de 1982, com os hits "A Strange Day", "The Hanging Garden" e "Cold".

      No ano seguinte, Gallup anuncia a sua saída e a dupla Bob e Lol resolve dar um tempo no grupo. O vocalista faz algumas participações com o Siouxie and the Banshees e o The Cure só volta em 1984, com "The Top", trazendo no line up Phil Tornalley no baixo e Andy Anderson na bateria.

      Mas essa formação não duraria muito. Boris Willians, Porl Thompson e o antigo baixista, Simon Gallup integram o time e "The Head On The Door" chega ao topo das paradas nos EUA e na Inglaterra.

      Uma coletânea de singles, intitulada "Standing on a Beach", saiu em 1986 e o inédito "Kiss Me Kiss Me Kiss Me", veio no ano seguinte e, além da faixa-título, também foram muito executadas ''Why Can't I Be You?'' e "Catch" e "Just Like Heaven".

      Em 1989, o The Cure passou por momentos bons e ruins. O fato positivo foi "Disintegration", álbum ovacionado pelos fãs e críticos. Por outro lado, Lol Tolhurst abandona o grupo e alimenta uma longa briga judicial com seu antigo companheiro Robert Smith, sendo substituído por Roger O'Donnell.

      "Mixed Up", um álbum de remixes saiu um ano depois e o inédito "Wish" colocava o The Cure de volta nas rádios com a pop "Friday I'm In Love". Em 1993, o ao vivo "Show" chega às lojas e logo em seguida vem outro "Paris (Live)".

      Em 1996, "Wild Mood Swings" causa uma certa divisão entre os fãs devido ao experimentalismo presente em todas as composições. Mais uma coletânea de singles, dessa vez "Galore" foi lançada e para a surpresa geral, Robert Smith anuncia que o The Cure vai acabar. Como uma despedida para os fãs, gravam "Bloodflowers", um disco no melhor estilo do The Cure, uma banda que marcou para sempre a história do Rock e que continua conquistando milhares de fãs em todo o mundo, mesmo após terem anunciado o seu fim.

      O grupo lançou em 2004 uma caixa especial contendo 4 CD's com todos os grandes sucessos e faixas raras de forma retrospectiva, e que inclui ainda um encarte de 76 páginas repleto de fotos. No mesmo ano, o The Cure retomou suas atividades e gravou um álbum inédito. Auto-intitulado, o material contou com a produção de Ross Robinson (Korn, Limp Bizkit e At The Drive-In). Apesar da escolha de um produtor tão diferente, a formação continua a mesma de 10 anos atrás com Robert Smith nas vozes e guitarra, Simon Gallup no baixo, Perry Bamonte na guitarra, Jason Cooper na bateria e Roger O'Donnell nos teclados.

      Para divulgar o trabalho e provar que voltaram em grande estilo, os ingleses criam um festival próprio, batizado de Curiosa. Além deles, que, obviamente, são a atração principal, o evento roda os Estados Unidos levando ainda nomes como Interpol, The Rapture, Mogwai e Melissa Auf Der Maur.

      Just Like Heaven




      In Between Days




      Lullaby



      Dogs2
      Veterano
      # set/07
      · votar


      eu gosto de uma música deles que é até famosa, só tem violão e tal

      Ed_Vedder
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Dogs2

      Deles quem? The Cure?

      Percival
      Veterano
      # set/07 · Editado por: Percival
      · votar


      KISS

      Formação atual:
      Paul Stanley: Guitarra base e vocal
      Gene Simmons: Baixo e vocal
      Thommy Thayer: Guitarra solo
      Eric Singer: Bateria

      Biografia

      Paul e Gene sempre quiseram ser Rock Stars e ganhar muita grana, ter muitas mulheres e uma multidão de fãs. Já Eugene Klein, como qualquer adolescente, tinha o sonho de formar uma banda. Ele foi apresentado a Stanley Harvey, um guitarrista muito talentoso, pelo amigo Steve Coronel e logo formaram a banda Wicked Lester ao lado do baterista Tony Zarella e o próprio Steve Corenel, que mais tarde mudaram seus nomes para Gene Simmons e Paul Stanley. Na época, Paul era motorista de táxi e Gene professor.

      Tocavam em qualquer lugar que tivesse alguém para ouvi-los e nem sempre recebiam por isso, mas em uma dessas modestas platéias encontraram o dono de uma gravadora muito interessado no som dos caras. Então gravaram uma demo, até conseguir a atenção da gravadora Epic.

      Insatisfeitos com o estilo musical do grupo, Paul e Gene decidiram deixar o Wicked Lester para seguir sus próprios projetos. Ao compor canções como "Firehouse", "Deuce" e "Black Diamond", foram em busca de novos membros para completar banda. Por meio de um anúncio de um baterista no jornal, descobriram Peter Criscoula, que já tinha onze anos de experiência. Depois o trio tentou um contrato com a Epic, mas a tentativa foi um fracasso. A irmã de Peter Criss ainda passou mal e vomitou no pé de um executivo da gravadora. Decididos a formar uma banda, começaram a procurar um guitarrista solo. Depois de muitos testes, foi Paul Daniel Frehley quem impressionou a todos logo de cara com seu estilo e talento.

      Logo criaram sua marca, com as pinturas nos rostos. Cada um procurou um personagem com que se identificasse mais e depois decidiram que não seriam vistos sem maquiagem. Em busca de um nome fácil, surgiu a palavra Kiss. Então a banda estava pronta para conquistar o mundo do rock 'n' roll.

      Na primeira apresentação, no hotel Diplomat, em Nova York, juntaram todos seus trocados e alugaram uma limousine. Só que os caras eram apenas a banda de abertura do show.

      Bill Alcoin, dono de um estúdio, ao assistir a um show do Kiss, se ofereceu para ser o empresário da banda. Ele tinha um amigo chamado Neil Bogart, que estava fundando a gravadora Casablanca Records and Tapes. Então os caras fecharam um contrato.

      Em fevereiro de 1974 lançaram seu primeiro disco, que levava o nome da banda, contendo sucessos como "Cold Gin", "Strutter" e "100,000 Years". Então começaram a abrir shows de nomes como New York Dolls, Iggy Pop e Blue Oyser Cult. Logo no final do ano lançaram um novo disco, o "Hotter than Hell", com guitarras mais pesadas e novos hits como "Goin' Blind". Começaram a fazer alguns shows como banda principal, mas foi com o disco "Dressed To Kill", de 75, que lançaram um dos grandes hinos do rock: "Rock and Roll All Nite".

      Em maio de 75, o Kiss fez um grande show no Cobo Hall, de Detroit, que resultou em um disco ao vivo, "Alive". Os caras começaram a ganhar popularidade na Europa e principalmente no Japão. Em 76 saiu o álbum "Destroyer", com os clássicos "Detroit Rock City", "Do You Love Me", "God of Thunder" e "Beth".

      Com "Love Gun", chegaram ao quarto lugar nas paradas e sua turnê rodou os Estados Unidos e Canadá durante alguns meses. Depois surgiu a idéia do disco "Alive II", que foi campeão de vendas e foi considerado um dos melhores registros ao vivo de uma banda.
      Porém, com o sucesso surgiram as divergências. Cada integrante da banda gravou um CD com seu nome. Foi uma decisão audaciosa, mas Gene acabou fugindo totalmente do estilo do Kiss e chegou a gravar uma versão de "When You Wish Upon a Star", de Judy Garland, enquanto Paul fez um disco mais romântico, Ace abusou das guitarras e Peter fez uma gravação totalmente pop, com algumas levadas de jazz. Outro problema foi o álbum "Dynasty", um disco cheio de hits, que fugia ao verdadeiro estilo da banda. Então a banda teve a primeira alteração em sua formação, com a saída de Peter Criss.

      Após o lançamento desastroso de "Unmasked" em 80, a banda apresenta seu novo baterista, Eric Carr. Em 81 tentaram mudar seu visual, cortando os cabelos e vestindo roupas mais discretas. Na época lançaram "Music From The Elder", disco de menor vendagem na história da banda.

      Mas os problemas não pararam por aí. Ace estava afundado no álcool e nas drogas e então, Gene chamou seu amigo Vinnie Vincent para assumir seu lugar.

      De gravadora nova, eles apareceram pela primeira vez sem as famosas maquiagens em 1983 no vídeo "Lick it Up". Se a idéia era voltar para o topo, os caras conseguiram!

      Porém mais tarde novos problemas surgiam. Vinnie estava querendo aparecer mais do que devia e até fez exigências, chegando a ser expulso da banda. Saíram então em busca de um novo guitarrista. Com Mark St. John gravam "Animalize". Com o visual mais colorido o Kiss começa sua nova turnê pela Europa, mas no segundo show Mark descobre que tinha desenvolvido uma artrite, que o impedia de tocar guitarra. Quem ficou no seu lugar foi Bruce Kulick.

      Em 89 veio "Hot in the Shade", último álbum de Eric Carr, que faleceu aos 41 anos, no dia 24 de novembro de 1991, vítima de câncer.

      Então Paul chamou seu amigo Eric Singer e em 92 lançaram "Revenge", um dos principais trabalhos de toda a carreira do Kiss. A banda volta a fazer um som mais pesado e marcante, e o disco ganhou platina em apenas duas semanas.

      Com a gravação do "MTV Unplugged", em 1996, a banda voltou à sua formação original, com Paul, Gene, Ace e Peter.
      Formação original
      Gene Simmons - baixo, vocal (1973 - atualmente)
      Paul Stanley - guitarrra rítmica, vocal (1973 - atualmente)
      Peter Criss - bateria, vocal (1973 - 1980, 1996 - 2001, 2003)
      Ace Frehley - guitarra solo, vocal (1973 - 1982, 1996 - 2001)

      Ex-membros
      Eric Carr - bateria, vocal (1980 - 1991) - Falecido em 24 de Novembro de 1991
      Bruce Kulick - guitarra solo, vocal (1984 - 1996)
      Mark St. John - guitarra solo (1984) - Falecido em 05 de abril de 2007
      Vinnie Vincent - guitarra solo, vocal de apoio (1982 - 1984)

      100,000 years - live Cobo hall 1977


      Makin love - Live in largo 1977


      Shout it out loud, live in Tiger Stadium


      Psycho circus - Live 1998


      Dogs2
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Ed_Vedder
      Deles quem? The Cure?

      Não, Alice In Chains

      Mas do The Cure eu recomendo comprar o DVD Trilogy, é MUITO bom :)
      Os álbuns antigos são muito mal gravados, ficaram melhor ao vivo

      Ed_Vedder
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Dogs2
      Não, Alice In Chains


      Putz ai complicou, eles tem um album que embora seja de estudio é praticamente um Unplugged, alem do Proprio Unplugged da MTV, se vc lembrar de algum detalhe da tal musica, poste ai, pois provavelmente vou saber qual o nome.

      Mas do The Cure eu recomendo comprar o DVD Trilogy, é MUITO bom :)

      Assisti a este dvd, realmente é muito foda, só não comprei porque é caro pra cacete, e eu não sou tão fã da banda assim não.

      Acho que é nele que vem um cd com os sucessos da banda em versões desplugadas (em estúdio), que é muitissimo bom. (esse eu baixei no emula)

      Ch4p0L1N
      Veterano
      # set/07 · Editado por: Ch4p0L1N
      · votar


      Ed_Vedder
      acho q ele ta falando de Don't Follow

      é violão, vocal e gaita... fodíssima

      Dogs2
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Ed_Vedder
      Putz ai complicou, eles tem um album que embora seja de estudio é praticamente um Unplugged, alem do Proprio Unplugged da MTV, se vc lembrar de algum detalhe da tal musica, poste ai, pois provavelmente vou saber qual o nome.

      a única coisa que eu me lembro é que o backvocal dela parece com o de Pennyroyal Tea do Nirvana
      hiauhaiuahauha

      Assisti a este dvd, realmente é muito foda, só não comprei porque é caro pra cacete, e eu não sou tão fã da banda assim não.

      Compra piratão
      Eles tocando o disco Pornography ao vivo é bem melhor do que no Cd de estúdio, porque o de estúdio tá mal gravado pra caralho

      Pati Cobain
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Lendo o 1º post e ouvindo "blue" \o/

      Ed_Vedder
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Dogs2

      a única coisa que eu me lembro é que o backvocal dela parece com o de Pennyroyal Tea do Nirvana
      hiauhaiuahauha



      ahauhau que merda cara... to achando que pode ser down in a hole.. dá uma olhada ai




      Ch4p0L1N
      acho q ele ta falando de Don't Follow

      é violão, vocal e gaita... fodíssima


      ele falou que a musica é relativamente famosa...

      Carpano-Jr.
      Veterano
      # set/07 · Editado por: Carpano-Jr.
      · votar


      Dogs2
      Não é heaven beside you?


      Luciano_the_rocker
      Veterano
      # set/07
      · votar


      caraleo to apaixonado por journey e survivorrrrrrrr
      vo procura umas coisas deles aki

      Carpano-Jr.
      Veterano
      # set/07 · Editado por: Carpano-Jr.
      · votar


      Black Sabbath

      Formação Atual:

      Ronnie James Dio - Vocais
      Tony Iommi - Guitarra
      Geezer Butler - Baixo
      Bill Ward - Bateria

      Formada em Birmingham, Inglaterra, em 1968, a banda Black Sabbath foi a pioneira em lançar as fundações do heavy metal que assaltou a música popular nos anos 1970 e 1980. A maneira diferente de tocar - som cru, pesado - com letras mais fortes - abordando temas místicos tornaram-se o modelo para inúmeros grupos que se seguiram. Seu álbum homônimo de 1970 continua sendo um dos mais inovativos e influentes da história do rock.

      O quarteto composto por Ozzy Osbourne (vocalista), Tony Iommi (guitarrista), Geezer Butler (baixista) e Bill Ward (baterista), inicialmente se chamou Polka Tulk e mais tarde Earth. Tomaram de assalto o circuito de pubs e clubes de sua cidade natal, com muita energia, blues e rock. Companheiros de escola e vizinhos em Birmingham, o grupo ganhou muitos seguidores na Inglaterra e em 1969 mudaram seu nome para Black Sabbath. O novo nome espelhava a imagem escura, pesada e mística da banda, seu gosto por temas sobrenaturais.

      Ainda em 1969 entraram em estúdio para gravar o seu primeiro disco. O álbum Black Sabbath chegou ao Top 10 das paradas britânicas, onde permaneceu por três meses e valeu à banda um grupo de fãs fervorosos em ambos os lados do atlântico.

      O grande salto para a banda ocorreu com a gravação de Paranoid, um álbum pioneiro do heavy metal. Contando com os riffs cortantes da guitarra de Iommi, o excelente vocal de Ozzy e o ritmo de Butler e Ward, o álbum alcançou o número um nas paradas inglesas e chegou ao número oito na América, onde permaneceu por mais de um ano, virando disco de platina. A faixa título, um verdadeiro mergulho na loucura, foi o maior hit, além dos clássicos War Pigs,Iron Man e Fairies Wear Boots . A banda fez sua primeira turnê estado-unidense no outono deste ano.

      Master of Reality, o terceiro álbum do Black Sabbath, foi lançado em agosto de 1971. Entre as oito canções estavam algumas que se tornaram marcas registradas da banda, como "Children of the Grave" e "Sweet Leaf".

      O Black Sabbath gravou o álbum chamado Vol. 4 no início de 1972 no estúdio Record Plant, em Los Angeles. Somando-se a poderosas canções como "Supernaut" e "Under The Sun", o álbum revelava um lado completamente novo para a banda, com canções melódicas, cuidadosamente escritas e tocadas, como "Cornucopia" e a instigante "Laguna Sunrise", uma composição instrumental.

      Iron Man


      War Pigs


      Heaven and Hell


      Snowblind


      Basser-Shelter
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Ed_Vedder
      The Cure

      \o/

      faltou um destaque para o Korn =/

      Coldplay
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Kiss é oq existe de melhor meu caro, Black Sabbath too,
      The cure yeeep

      Ch4p0L1N
      Veterano
      # set/07
      · votar


      korn eh bacana, eu gosto

      Grow
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Elliott Smith
      Nasceu e morreu... nos deixou isso:


      metade da terra poderia morrer pra esse kra voltar a viver, é o q eu faria se fosse dog

      Dogs2
      Veterano
      # set/07 · Editado por: Dogs2
      · votar


      Grow
      metade da terra poderia morrer pra esse kra voltar a viver, é o q eu faria se fosse o Dogs

      obrigado, obrigado
      reconheço minha onipotência

      Dogs2
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Carpano-Jr.
      É ESSA MESMO!!! Heaven Beside You
      massa

      Grow
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Dogs2
      hehe

      And the meek shall inherit the earth
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Explosions In The Sky - Six Days At The Bottom Of The Ocean



      cocomaluko
      Veterano
      # set/07
      · votar


      naum curto nenhuma das bandas postadas ai, mas respeito...

      NoAlarms
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Esse tópico seria muito bom se só tivesse posts no estilo inicial da idéia do mano Ed_Vedder

      AkoBlu
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Foo Fighters
      Foo Fighters é uma banda de rock alternativo e pós-grunge dos Estados Unidos formada por Dave Grohl. Seu nome é uma referência ao termo "foo fighter", usado por aviadores na segunda guerra mundial para descrever fenômenos aéreos misteriosos, considerados OVNIs.
      Para saber mais...
      Site oficial...
      Stairway to heaven


      Everlong


      Learn to fly


      p.s.: fala sério esse Dave Ghrol é mto tudo!! Aiaia ki lindooo *_*

      grafitte
      Veterano
      # set/07
      · votar


      Vedder
      Ja viu o novo cd solo do Eddie Vedder? Trilha sonora de um filme aí, muito bom

      Ch4p0L1N
      Veterano
      # set/07
      · votar


      grafitte
      Ja viu o novo cd solo do Eddie Vedder? Trilha sonora de um filme aí, muito bom
      qual o nome? nem sabia q ele ia lançar cd solo

      Carpano-Jr.
      Veterano
      # set/07
      · votar


      AkoBlu
      Foo Fighters é uma banda de rock alternativo e pós-grunge dos Estados Unidos formada por Dave Grohl.
      Ele é o único integrante da banda?

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a 【FIXO】 Conhecendo melhor as bandas (Youtube)

      302.051 tópicos 7.823.870 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital