Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Dicas para o Native Instruments B4 II

      Autor Mensagem
      anderferreira
      Veterano
      # mar/10


      Olá galera, esse e meu primeiro post e queria pedir umas dicas de como configurar o B4 II para conseguir timbres semelhantes ao Doors, Purple e Floyd.Sei que o programa já tem uns ótimos timbres de fábrica, mas eu ainda naum to muito satisfeito. Tbm não consigo balancear entre as notas graves e agudas, geralmente as notas mais agudas tem um som mto gritante e chega ser desconfortável. Se a galera poder ajudar com dicas eu agradeço.

      Edson Caetano
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Sério que não gostou dos presets de fábrica...
      o 51 - Born to B4
      o 61 - purple
      o 89 - floyd
      o 91 - oh lord
      104 - lord 1
      Entre tantos outros legais

      O que pode fazer é ir em um timbre próximo do que quer e ajustar os controles e gravar como um preset seu, nas abas organ e expert estão as opçoes avançadas para modificar o seu som

      Na Aba seup vc pode alterar o tranpose do B4 e jogar os agudos para uma regiao menos gritante se preferir

      O negócio do B4 é ficar um dia todo fuçando em tudo para descobrir as possibilidade e novas sonoridades

      Até

      Bedin
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Pessoal!

      Alguém poderia me indicar um link para baixar o B4 II?

      Como não pode postar aqui, deixo meu e-mail caso alguém possa enviar um link: carlosbedin@gmail.com

      Confesso que vou iniciar o uso de VST's. Ontem baixei o Kick ass brass, True Piano e Brainspawn Forte 1.6. Mas acredito que vou apanhar muito até fazer tudo isso funcionar, porque por exemplo, vou tentar aprender como abrir o Kick Ass Brass no Forte, pois com o Kick não veio nenhum programa para execução.

      Abraço!

      Cleber Vaz
      Veterano
      # mar/10 · Editado por: Cleber Vaz
      · votar


      Bedin

      Para carregar VSTs dentro do Forte você só precisa se certificar de que a(s) pasta(s) onde se encontram os Plugins esteja na lista do Forte, basta adicionar a(s) pasta(s) em questão no menu Audio Options do Forte

      [EDIT] Olha teu email!

      _Rattu_
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      anderferreira


      Cara, isso é uma coisa foda, mas acredite, o Hammond de verdade somado às válvulas da Leslie de verdade têm esse agudo estridente mesmo, isso é do próprio instrumento. Eu também detestava isso (e ainda detesto) quando comecei com VSTs de Hammond, o ruído das tonewheels+válvulas+drawbars mais agudas+leslie feedbackando nas notas mais agudas realmente é de doer o ouvido, mas órgãos vintage (e suas emulações mais fiéis) tem diferenças de volume e equalização de uma oitava pra outra. É do próprio instrumento, e é isso que o torna "perfeitamente imperfeito", não tem jeito.

      tente passar o B4 por um compressor multibanda (de plugin também) e comprima os agudos. Você pode experimentar também colocar a percussão num registro mais grave, ou até mesmo tirar a percussão. Óbvio, se você tirar dos registros (drawbars) mais agudos já ajuda bastante também.

      dancopy
      Veterano
      # jun/10
      · votar


      Boa tarde a todos os Cifraclubenses
      Aproveitando o ensejo, gostaria de saber como usar o baixo de pedal do B4 II no Cubase
      Obrigado a quem me responder

      Jaguaruna
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      dancopy

      Para usar o pedal em um controlador (ou teclado MIDI) é só endereçar um canal (por exemplo, canal 1 do MIDI) e configurar o teclado naquele mesmo canal. Possivelmente você terá que aumentar ou abaixar uma oitava nesse canal, mas é certeza que funciona, tanto no Cubase quanto em qualquer outro programa.

      Abraços

      SaintFerio
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Eu quando saiu o B4 II eu arrumei ele, pra claro, substituir o B4 1... Na época eu detestei ele, não sei se eram os presets que eram diferentes e tal, mas detestei! Fiquei no B4 1 mesmo. Hj tenho os dois, e as versões mais atualizadas do B4 II são mto balanceadas e superior a versão original do B4 1.

      O compressor como o Rattu disse é uma ótima idéia, não vai deixar ele "gritar" mto alto pra chegar a estourar.

      tecladoprofusao
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Já experimentaram o VB3? Achei o som dele mais quente, mais vivo...

      dancopy
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      obrigado ao Jaguaruna pela resposta,
      abraços a tds

      dancopy
      Veterano
      # fev/11
      · votar


      tecladoprofusao

      Uso o sibelius 6 para escrever minhas músicas, salvo em Midi e as importo no Presonus Studio One (DAW) - uso vários VSTi e por sinal estou usando o VB3 mas estou tendo um problema que é o seguinte: escrevi 3 notas de colcheia na mesma altura, por exemplo, Mi; então em vez de o programa bater (destacar) as 3 notas, ele interpreta como que fosse uma (1) semínima pontuada - deu pra entender? Terias alguma idéia/solução para isto?
      Se isto tem a ver com o Key Clic, eu mexi mas ñ adiantou nada.
      Obs.: estou repetindo esta pergunta pois ñ obtive resposta!

      dancopy
      Veterano
      # fev/11
      · votar


      Alguém, por favor, pode me esclarecer sobre o que mencionei acima?
      Se quiserem o meu e-mail para um esclarecimento mais direto é esse: meuviolino@hotmail.com

      kyo_ryo
      Veterano
      # fev/11
      · votar


      dancopy
      Cara, eu tive um problema semelhante usando o Kontakt2, com samples do Bandstand. Mas acontece que ele só tocava a primeira nota e sumia com as outras (ficava mudo). Eu resolvia com uma gambiarra: por exemplo, no lugar de uma colcheia eu colocava uma semicolcheia pontuada e uma fusa (ou duas semifusas, a primeira ligada) como pausa entre as notas. Mas não é muito gratificante, ainda mais se você tiver que refazer a música toda...

      No caso do órgão, você já tentou desligar a percussão?

      dancopy
      Veterano
      # fev/11
      · votar


      kyo_ryo
      Obrigado! vou desligar a percussão como você falou, pra ver se dá certo - qualquer coisa posto novamente. Vc usa o VB3?

      gustavocp
      Veterano
      # mar/11
      · votar


      O VB3 na minha opinião dá um pau violento no B4II.
      Eu baixei ele esses dias e comparei, e o som de B3 do Vst respira furiosamente.
      Percussão, Drive, Leslie, Keyclick, Reverb, Leakage, NoiseHum... tudo no VB3 parece estar vivo.
      Quando eu ouvi pela primeira vez, fiquei surpreso.

      http://www.genuinesoundware.com/vst/VB3/Demos/VB3_14_Phil_Wilkinson_1. mp3


      PS: Aparentemente é um programador solo que desenvolveu o VST. E se comparar o preço com a rival big-shot, não tem o porque pensar duas vezes.

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      Galera , o brainspawn forte 2 é gratuito?

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      teclado roots
      Não, Brainspawn forte 2 custa 150U$
      Forte 2

      E como já te falei anteriormente, nunca vi ele ainda em versão alternativa, o 1.6 é fácil de achar, mas não fala que fui eu que disse heim hehe

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      EI EDSON , MAS DEPOIS QUE EU COMPRAR O UMX 610 E A PLACA FAST TRACK PRO , QUAL PROGRAM EU USO PRA MONTAR MEUS SPLITS E BANCOS?

      tmurback
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      teclado roots
      Pode ser o MainStage (Mac) ou Cantabile, Brainspawn Forte, VSTHost (esse é free), fica a seu gosto.

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      Sempre esqueço do Cantabilie, tem até versão gratuita
      http://www.cantabilesoftware.com/lite/

      Como falei para você teclado roots
      baixa estes trials, lite, que achar e vai brincando com o seu PSR, rapidinho vai ver qual é a versão mais interessante para o seu caso, tocar Reggae

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      pode crer, vou baixando aqui e vendo , o reaper eu achei meio complicado, mas eu nao tive tempo ainda de mexer direito!

      Eu queri dois programa , um pra show ao vivo , ensaio , e outro pra gravação , ou um que seje bom pras duas coisas!

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      teclado roots
      o reaper eu achei meio complicado
      Se achou o Reaper complicado, imagina o Protools hehe

      Eu queri dois programa , um pra show ao vivo , ensaio , e outro pra gravação , ou um que seje bom pras duas coisas!
      Junta tudo em um só, uma DAW resolve, leia o tópico do Peterbull sobre o Reaper e performance ao vivo, é obrigatório para você
      http://forum.cifraclub.com.br/forum/8/256251/

      Não adianta eu falar, este é bom, este é melhor, este é pior, este é ... tem que meter a cara partindo de um inicio, por enquanto você tem o Reaper que dá para baixar de graça, comece exatamente daí, para entender o que uma DAW faz, todas tem o mesmo principio, então quando for migrar, se for necessário, já vai saber se situar no espaço, para performance, se quiser algo mais direto do que uma DAW, um Host é a saída, e tambem já tem as indicações para testar (Pode ser o MainStage (Mac) ou Cantabile, Brainspawn Forte, VSTHost (esse é free), fica a seu gosto.
      )

      É isso aí, bons estudos

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12 · Editado por: teclado roots
      · votar


      Eu tenho vst host aqui , acho legal , da pra splitar com ele? ou usando ele só poderá fazer o split pelo controlador? ele tem essa função?

      cara se vc tivesse 2.500 conto , compraria o a500pro e a fast track pro?
      no caso se vc tocasse reggae e só fosse usar o ba4 e uns vst de pianos?

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      teclado roots
      Você não entendeu o esquema de splitar dos VSTs, o programa envia os comandos midi em canais, é esta função que você deve procurar, alocar o piano para o canal 1, o orgão up, para o 2, o lower para o 3 o bass para o 4, o string para o 5, e no controlador endereçar em que local vai enviar estes comandos, os bons hosts fazem isso, programas vst multi-timbrais tambem

      Se o controlador não tiver opção de dividir o Key e alocar dois canais midi diferentes, já era bro, por isso que eu to falando para você comprar um controlador mais completo, o UMX possivelmente não tem a função de Split

      Sobre a sua pergunta, eu não compraria um controlador de 49 teclas e sim um de 61, já que ele vai ser o seu principal instrumento menos teclas vai ficar apertado

      e se eu tivesse os 2500 conto para investir no que está propondo , vai ser o que eu realmente comprei hehe A-pro 800 + Audiobox e sobraria dinheiro para investir em softs, principalmente porque tocaria só órgãos e pianos, a função active midi do a-pro permite controlar todos os botoezinhos do B4II a vontade, imagine em tempo real manipular as drawbars nos faders, ligar a leslie, aumentar o drive, deixar para os pads efeitos para serem disparados, ou uma percussão para acompanhar o batera

      Não tem que pensar que vai só usar isso, não aquilo, tem que pensar que mais recursos é igual mais possibilidades , isso é o que eu penso

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      cara , pois se eu nao comprar esse tokai em 10 dias , eu vou comprar o a800 pro roland , a fast track pro!

      Com isso de cara eu consigo fazer o b4 funcionar pefeitamente, pondo as drawbars nos faders e tudo mais , e consigo tb baixar um piano legal e ja usar ele em outro banco , e por em outro banco os dois em split pelos endereçamentos dos canais?

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      cara o que tu acha do m-audio oxygen 61 3g? acho que é da categoria do a 800 pro roland neh nao? pq eu nao tou conseguindo achar pra comrpar , esse oxygen tem na teclacenter.1300

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      teclado roots
      Da M-Audio o que se compara em recursos com o A-Pro é o Axiom, a linha Oxygen é inferior, fácil de ver se fosse direto ver as especificaçoes de cada um diretamente no site de seus fabricantes.
      www.m-audio.com
      www.roland.com.br

      Controlador não tem banco, ele não é um teclado que guarda as coisas em sua memória, controlador tem controles endereçaveis através de midi

      Não tem nada não haver o que escreveu de bancos, não é essa viagem aí não, o que vai rolar é você configurar os vsts dentro do Host, tem que ser dentro de um host, porque em stand alone, são programas fechados, só são reconhecidos individualmente

      Dentro deste Host, que é um dos vários que te indicamos anteriormente, você programa em que canal midi cada um vai ficar ativo, se vão tocar juntos, separados, dentro dos vsts usa o midi learn para por exemplo colocar as drawbars nos faders do controler, controlar o volume, estes controladores mais cheio de recursos tem um Map Editor, em que voce mapeia o que cada controle vai fazer, cria varios perfis de controle, um só para a DAW, outro especifico para o B4 e por aí vai

      Cara mas você vai ficar perdidinho, não adianta tentar entender sem ter o controlador, fica tudo muito vago, você chapado de dúvidas, que rapidinho seriam sanadas com a máquina na mão

      O que precisa saber mesmo, é que dá para montar um set completo de instrumentos virtuais, alternar entre eles, mudar de timbres, atribuir funçoes diversas aos variados controles (knobs, fabers, butons) tudo através do próprio controlador, tranquilo

      Mas faz uma força aí, le os manuais dos equipamentos , de uma pesquisada no fórum, tem bastante material sobre as suas dúvidas...

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      massa meu chapa! é isso ai! Tou cada vez mais me ligando nessa onda ai! é isso ai, eu tou vendo aqui a compra do tokai , mas mesmo se eu comrpar o tokai eu vou comrpar depoiso controlador pra investir nos pianos , clav , rhodes etc!

      teclado roots
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      cara , me liguei como fazer split no b4II , ta irado mais ainda esse b4, sem duvida o melhor vst que eu ja toquei , toquei os de piano que vc me deu o toque , tb sao legais , mas nao sei pq da um atraso nos pianos aqui "

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/12
      · votar


      teclado roots
      mas nao sei pq da um atraso nos pianos aqui
      Como não sabe?
      Esta rodando os VSTs em uma máquina antiga, provavelmente já com o registro carregado, hd fragmentado, vários processos correndo junto, utilizando uma placa onboard genérica e o driver de audio idem, mas isso aí você já tava sabendo né hehe

      Quer saber, pega o teu computador e formata ele, faz uma instalação limpa, começa tudo do zero, quando a máquina voltar das cinzas, instale apenas o básico, do básico e utilize VSTs leves, vai se sair bem com a latencia

      O Pianissimo eu fazia rodar em centrino 512mb, placa de som genérica, redondinho, este tem que rodar obrigatóriamente em sua máquina sem latencia, se não é um indicio que teu pc está mesmo sobrecarregado e a minha dica acima é uma solução real

      ps. no outro tópico falou : Cade você, mas o assunto lá não tinha sido encerrado ...

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Dicas para o Native Instruments B4 II

      303.909 tópicos 7.863.885 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital