Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      roland GW-8 dúvidas

      Autor Mensagem
      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09


      Criei este tópico para ajudar a outras pessoas que como eu estão com dúvidads sobre o teclado Roland GW-8L.

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Comprei o GW-8 a pouco tempo e reparei que os ritmos quando são transferidos do pendrive para a memória interna, soam com muito reverber. A solução que achei foi entranso nos efeitos/reverber e reduzir o volume total do reverber ou escolher a opção OFF. Os ritmos vão soar bem mais limpos. O único inconveniente é que o teclado não salva as configurações aplicadas. Toda vez que voce ligar vai ter que repetir essa operação.

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Alguns sons que soam bem no GW-8:
      0021
      0025
      1218
      1287
      1000
      1284
      1009
      0432
      1027

      piu-piu-BA
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Eu n possuo o gw-8 mas gostaria de saber se esses numeros são referidos aos patchs de timbres do gw-8 se fo vc poderia dizer o numero e o nome do timbre???

      expedifer
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Me parece que o GW8 que tem suas funções derivadas do Juno G, que tem também seus efeitos gravados na memória interna em que ao religar, não perde o que se gravou. No JG eu já tinha salvado uma vez a edição (qualidade) de saida do som alterados como equalizador, efeitos (reverb,echo, chorus, etc). Tente salvar essa edição re-editando na qualidade o que quer, talvez seja igual ao JG.

      Super Kleber
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Ainda não sei fazer ritmos mas tbm acho que não salva diretamente, pelo que ví só pelo computador.. mas não sei se essa alteração daria pra fazer pelo computador.

      Miguel Neto, que programa vc usa pra criar ritmos?
      Sabe de algum tutorial em algum lugar?


      Piu piu, esses numeros são sim os do patchs de timbres.. pra conhecer melhor recomendo pegar o manual no site da roland.
      Mas tem outros 259 que não estão nesse manual e fazem parte da seção "world".

      Um exemplo do que me parece ser o 21 (X piano + string) queo o Miguel falou tá nesse video:



      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Olá Kleber. Os poucos ritmos que crio são no E-86 (bem antigo) mas que estou acostumado. O GW-8 comprei recentemente e não tenho o cabo para ligar no micro.Tenho o Style Works 200 Universal que faço algumas alterações direto no computador.

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Tenho um pacote com vários ritmos brasileiros que tocam no GW-8. Peça por email: miguelneto1964@uol.com.br

      viktor 999
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Miguel Neto
      como saõ os sons de orgão do gw8?

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Coloquei alguns ritmos Brasileiros para o GW-8 neste endereço:
      http://rapidshare.de/files/45163923/Ritmos_Brasileiros.zip.html

      é só baixar. tá zipado e tem 7,6Mb

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Olá Viktor. Os sons de orgão do GW-8 são muito bons. Tem um monte. Tem o som do orgão Hamond usado por bandas mais antigas com Pink Floyd, The Doors etc...este achei fantástico.

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Gostaria de retirar o efeitos de reverber somente dos ritmos, mas pelo visto isso não é possivel. Quando retiro o reverber os timbres tambem são afetados. Gostaria de retirar o efeito somente dos Styles sem prejudicar os sons.

      Delvo
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Miguel Neto
      Isso não é possivel, pois no GW-8 não tem editor de ritmos. Voce teria que pegar um programa que fizesse isso, p.ex. style works. Então passaria para o teclado via Pen Drive ou USB.

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Olá Delvo. O problema não estpa no ritmo. No outro Roland que tenho o ritmo é uma beleza, mas quando executado no GW-8 tem muito reverber. Se eu tirar o reverber no GW-8 os timbres tambem são afetados. Gostaria re retirar o reverber somente do Style, mas pelo jeito não é possivel.

      Super Kleber
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Alguém sabe me dizer se é possível usar o sequencer do GW8 para criar um midi e converter no pc para Style com o Style Converter?? Seria um caminho mto trabalhoso criar o Style assim??

      Miguel Neto
      Veterano
      # fev/09
      · votar


      Eu particularmente prefiro converter MIDI em Style no Style Work 2000. Funciona perfeitamente.
      Não consigo usar o Style Converter que vem com o teclado.

      bruno Kapitsyki
      Veterano
      # mar/09
      · votar


      Miguel Neto

      Tenho um roland gw-8 tbm e esses ritmos que baixei aqui no cifraclub que vc deixou não to conseguindo carregar para o teclado. Ele nao lê nem reconhece nem nada...

      Como é que se faz para carregar o ritmo?

      bruno Kapitsyki
      Veterano
      # mar/09
      · votar


      No esquema do reverb... eu diminuo o reverb no geral mesmo do teclado... e aumento no knoob em tempo real de efeito reverb assim o timbre fica com reverb e os ritmos não...

      Tenta ai.

      Miguel Neto
      Veterano
      # mar/09
      · votar


      Olá Bruno. A maioria dos ritmos abrem no GW-8. Alguns voce precisa converter. Eu uso o Style Works 2000. Funciona legal.
      Se quizer eu posso enviar por email.

      Rogertronics
      Veterano
      # mar/09
      · votar


      No GW-8 como na maioria dos teclados Reverb e Chorus são efeitos de sistema. Então no GW8 tanto os timbres do acompanhamento quanto os timbres da mão direita/esquerda serão regulados pelos analog modifiers reverb/chorus. Diminua essa regulagem ou vá em efeitos e troque o reverb de GM Reverb para qualquer outro, ou zere tudo e aplique MFX nas partes que você for tocar.

      Rogertronics
      Veterano
      # mar/09
      · votar


      Super Kleber
      Sim.
      É um pouco trabalhoso criar ritmo, mas vamos lá. Eu uso o sonar 7, mas qualquer versão da Cakewalk funciona. No Caso do GW8 você vai usar os canais que são mencionados no manual para os acompanhamentos para utilizar no modo song. Vou dar um exemplo com 4 canais: Drum (Canal 10), Bass (Canal 2), Pad (Canal 3) e Organ (Canal7) - você pode usar até 8 canais. Escolha os timbres e grave um compasso de 4 tempos. Salve e exporte para a pendrive. No Sonar, abra o arquivo. No Manual do Style converter que acompanha o produto, verifique a estrutura suportada pelo teclado. Você precisa tocar em Dó maior. No nosso exemplo criamos um compasso 4/4. Copie todos os instrumentos do compasso para intro 1, 2, 3 e 4, main 1,2,3, 4. Faça algumas alterações utilizando o mouse. Para as viradas, crie compassos de 1 tempo. Depois de fazer todas as alterações salve o arquivo com o nome de teste_M.mid - existe também as variações para acordes menores e com 7ª, mas eu testei só com o acorde maior e funcionou. Abra o Style converter e defina os compassos (4 tempos) e converta. Coloque o arquivo teste na pendrive e importe na função USB import. No começo o ritmo fica capenga, mas quando vc aprender essa dinâmica.......... Fica doido!!!

      bruno Kapitsyki
      Veterano
      # abr/09
      · votar


      Rogertronics
      Eu uso o Sonar 4. Estou tentando gravar diretamente nele. Eu gravo, seleciono os canais e etc... Aí eu salvo no formato MIDI no Sonar e jogo pro Style converter pra salvar como ritmo. Só que quando vai por Style converver os timbres ficam quase q todos alterados (menos a bateria) e aí o som fica um lixo.

      Tentei gravar usando os padores GM também... funcionou blz.. O Style converter reconhece legal. Mas aí não tem como usar os timbres "preparados" do gw-8 no nos instrumentos. Gostaria de usar um baixo mais filé do que o baixo do GM.
      Tem como alterar esses timbres no próprio teclado (no acompanhamento) ?

      obrigado.

      Rogertronics
      Veterano
      # abr/09
      · votar


      bruno Kapitsyki
      Você precisa antes de tudo importar os instruments para o sonar (é um arquivo .ins) para que você utilize todos os sons do GW8, inclusive os sets de bateria. Caso vc ache difícil achar esses arquivos você pode gravar uma song no próprio gw8, escolher os baixos que você preferir no canal dois, salve (write) e exporte para a pendrive. Abra esse arquivo no sonar e observe que no BANK do canal 2 vai aparecer um numerão (tipo 11234). Esse número corresponde a codificação hexadecimal do banco MSB e LSB desse baixo que vc escolheu. Não mude esse banco senão durante a conversão ele vai escolher sons do banco GM. Pronto é só complementar os outros canais e converter.

      petu_ce
      Veterano
      # jun/09 · Editado por: petu_ce
      · votar


      Edit

      petu_ce
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      Segue o link para baixar o GW-8L.zip (definição de instrumentos do GW-8L no Sonar) pra quem ainda não tem:

      http://www.roland.com/synth/GW/download_L.html

      No mesmo endereço tem também a lista dos styles desse modelo vendido no Brasil (LATIN COLLECTIONS).

      Madridista
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      Oi pessoal, agradeço sua ajuda.

      Quero ligar um GW-8 Roland (com porta trazeira Midi USB) num Notebook (com porta USB e saida para fone de ouvido) para tocar músicas karaokê do Notebook através do teclado (sem a melodia) e fazer o solo no teclado enquanto ela toca. É possível?

      Contatei a gangmusic e ela não me deu informação que ajudasse.

      Alguém sabe como posso fazer isso? Onde encontro esse cabo? Que tipo seria?

      Agradeço desde já a boa vontade dos mais experientes.

      petu_ce
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      Madridista

      Em algumas versões do windows, o roland gw8 já é reconhecido automaticamente. Nesse caso, você tem que verificar no teclado o seguinte: Clique no botão MENU no painel frontal e vá em SYSTEM -> USB Driver -> verifique se está marcado "GENERIC".

      Porém, no meu caso, o Sistema Operacional do computador não reconheceu de primeira, daí tive que baixar um drive no site da Roland. Lá tem opção para Windows XP ou Vista e é gratuito. São arquivos leves (menos de 400KB). Nessa situação, naquele mesmo procedimento que citei acima, deve-se marcar a opção "VENDER".

      Em ambos os casos, no computador, você tem que ir no Painel de Controle -> Sons e Dispositivos de Áudio -> Clicar na orelha "áudio" -> Em reprodução de música MIDI -> marcar "GW-8" na lista de opções.

      Em relação ao cabo, essa será a sua menor preocupação, porque pode ser utlizado qualquer cabo usb que é vendido para impressoras. Acho que a referência é "CABO USB 2.0 A-MACHO/B-MACHO" de 1,8m. Aqui na minha cidade custa no máximo R$ 5,00 e é encontrado com muita facilidade, inclusive em hipermercados.

      Rogertronics
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      É possível sim, basta apenas desativar o canal de solo da melodia no programa do videoke e tocar. Só tome cuidado com o canal que você vai solar (canal 4). Se o arquivo utilizar o canal 4 você vai tocar junto com o programa. Troque o canal de solo nas configurações do teclado.

      Madridista
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      Informações importantes, caros petu-ce e Rogertronics.

      Vou comprar o cabo e fazer as tentativas que vocês recomendaram. Voltarei ao assunto nos próximos dias informando os resultados.

      Muito obrigado pela sua atenção e rapidez nas respostas.

      Um grande abraço

      Rogertronics
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      Madridista
      Você pode tambem salvar o seu arquivo de videoke (.Kar) no formato Midi 0 colocar na pendrive (diretório raiz) e rodar no próprio teclado na função USB. Não precisará mais do computador.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a roland GW-8 dúvidas

      299.017 tópicos 7.763.731 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2016 Studio Sol Comunicação Digital