Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

Críticas Mário Mascarenhas

Autor Mensagem
Sapopemba
Veterano
# mar/08


É comum me deparar, não apenas neste fórum, com comentários negativos sobre os livros do Mário Mascarenhas.
Porém, em geral as críticas não explicam por que determinado livro dele é ruim.

Meu interesse no momento é sobre o livro Curso de Piano desse autor. Gostaria que alguém que conhecesse esse livro me esclarecesse sobre as qualidades e defeitos desse material especificamente, e sugerisse outro livro para iniciantes.

Comparei com o da Leila Fletcher e achei o Mascarenhas melhor, mas sou leigo em piano.

Valeu!

Daniel.m
Veterano
# mar/08
· votar


Putz... Foi meu primeiro livro. Meu primeiro professor me ensinava com base nele.

Eu acho ele horrível! Mudei de professor rapidão. Ele ficava me ensinando musiquinhas como "cai-cai balão", o clássico "café com pão"... Nem "atirei o pau no gato" que era legalzinho tinha no livro.

krydes
Veterano
# mar/08
· votar


Sapopemba
Comparei com o da Leila Fletcher e achei o Mascarenhas melhor, mas sou leigo em piano.


Cara ,é melhor que vc aprenda com o material que lhe agrada,cada um tem uma forma de abordar um assunto,cada um tem sua habilidade o que é bom para um não é para outro pegue o que mais te agrada e treine sómente o treino vai fazer a diferença,um abraço e boa sorte !!!

fernando tecladista
Veterano
# mar/08
· votar


a birra com o mascarenhas vem de longe, alguns professores antigos tem birra porque o mascarenhas era sanfoneiro e resolveu criar metodos pra piano, orgão, flauta, violão.....
outros já não gostam porque ele faz arranjos facilitados de composições eruditas

pra inicio serve, para os primeiros anos de piano serve (2 ou 3 no maximo) você tera músicas facilitadas bonitinhas e agradará as tias-veia sentadas no sofá da sua sala enquanto você toca a sonata ao luar ou tristese de chopin em versão simploria

mesmo assim acho melhor isso do que ficar anos com execícios e alguém te fala "toca uma ai" e o que você tem pra apresentar é a escala de LAb em 3 oitavas movimento reto e contrario

só não pode deixar esses livros como unico material de aprendizado, começa com esse pra treinar leitura, conhecer as notas, ter alguma coisinha alegre pra tocar

depois do primeiro ano já começa a procurar os livros de tecnica como czerny(odiado por uns), hanon (odiado por alguns), o livro da ana madalena (odiado por outros) bona (odiado por um monte)
sempre vai ter algum método com alguém falando mal, geralmente porque o cara usou outro caminho pra chegar no mesmo resultado

Sapopemba
Veterano
# mar/08
· votar


Daniel,

Pelo que entendi, o seu problema com o livro do Mascarenhas deve-se à qualidade das músicas, e não à eficácia do livro dele. Valeu pela resposta!


Krydes,

Vou escolher o material que mais me agrada, como você recomendou, depois de analisar alguns.
Obrigado pelo incentivo!


Fernando,

Você esclareceu muita coisa em sua resposta!
Minha preocupação com os métodos é voltada à eficácia, e não quanto à beleza do repertório. Tinha receio de que o livro do Mascarenhas tivesse problemas técnicos/didáticos/pedagógicos, mas parece que não é o caso.

Devo começar com o Mascarenhas (ou outro, se alguém sugerir), verificar esses que você citou e escolher alguns deles.

Meu plano é fazer um curso de piano popular e complementar estudando por conta própria o básico do piano erudito. Por isso gostaria de saber quais os livros mais usados nos primeiros anos de piano erudito, para que eu possa avaliá-los e fazer meu próprio programa, estudando-os de forma autodidata, com ajuda apenas eventual do professor de piano popular.

Muito obrigado pelas dicas!

(E se alguém tiver outras, agradeço antecipadamente)

Daniel.m
Veterano
# mar/08
· votar


Melhor livro: Professor particular

Energy
Veterano
# mar/08
· votar


bom, quando vc toca os livros das musicas facilitadas vc acha q ta tocando mto, ai quando vc pega as musicas reais vc ve q nao toca nada!

BlindNode
Veterano
# mar/08
· votar


Meu plano é fazer um curso de piano popular e complementar estudando por conta própria o básico do piano erudito.

Há professores que ensinam os dois.

dom de Deus
Veterano
# 31/ago/13 23:34
· votar


fala pessoal, comprei um tecladinho E433 e me deparei com um livro do mascarenhas e me identifiquei muito com o livro que é parecido com o do iniciação do violão Henrique pinto mais o menos o mesmo sistema.

eu queria saber em que ano o Mario mascarenhas morreu? não precisa ser o ano exato só mais o menos quando.

dom de Deus
Veterano
# 07/set/13 17:29
· votar


up

dom de Deus
Veterano
# 07/set/13 17:31
· votar


up

fernando tecladista
Veterano
# 07/set/13 20:33
· votar


dom de Deus
interessante é que é dificil encontrar alguma pagina na internet com informação disso
eu tenho aqui em algum lugar aquela coleção o melhor da MPB em 10 volumes
foi um projeto de 5 que depois teve mais 5 e nesse meio do caminho ele faleceu, vou ver se comenta alguma coisa no prefacio do livro

dom de Deus
Veterano
# 07/set/13 21:19
· votar


fernando tecladista




valeu fernando!

dom de Deus
Veterano
# 07/set/13 21:22 · Editado por: dom de Deus
· votar


post duplo

dom de Deus
Veterano
# 07/set/13 21:24 · Editado por: dom de Deus
· votar


post duplo

PianistaMeioTecladista
Membro Novato
# 08/set/13 14:20
· votar


Nem sabia que ele tinha falecido... Usei os livros dele pra estudar leitura a primeira vista na época que eu estava estudando correpetição.

PianistaMeioTecladista
Membro Novato
# 08/set/13 14:21 · Editado por: PianistaMeioTecladista
· votar


post duplo :x

fernando tecladista
Veterano
# 08/set/13 14:57
· votar


encontrei os livros aqui, pena que não fala nada
pelo que entendi no prefacio o volume 9 e 10 já são póstumos
o volume 8 tem data de registro de 1988 o volume 9 já tem data de 2001
isso já dá uma margem grande, mas já é alguma coisa

esses livros são da editora vitale
www.vitale.com.br
no site não tem nada, mas talvez eu tentaria alguma informação via email

mas fazendo uma pesquisa rápida aqui:
achei esse blog com uma biografia pequena que também não fala
http://www.e-familyblog.com/blog.php?user=morgandeath&note=30636
do que tem gostei do que li, e dá uma informação do curriculo dele

_BLACKMORE_
Veterano
# 08/set/13 18:16 · Editado por: _BLACKMORE_
· votar


achei esse blog com uma biografia pequena que também não fala

logo na primeira linha do blog

"Nascido em 21 de janeiro de 1917..."
fazendo as contas ... 2013-1917=96 ...
é um tanto incomum alguém com esta idade ainda vivo em nossa sociedade saudável e que valoriza os idosos.

_BLACKMORE_
Veterano
# 08/set/13 18:19 · Editado por: _BLACKMORE_
· votar


esse negócio de post duplo é problema no servidor do fórum ... aconteceu comigo tb!! :)

dom de Deus
Veterano
# 08/set/13 22:01
· votar


fernando tecladista

o volume 8 tem data de registro de 1988 o volume 9 já tem data de 2001

dá pra ter uma noção.


Se Deus quiser vou comprar os originais; método rápido para tocar teclado vol.1,2,3 e também o é fácil tocar por cifras.

Rick Pac
Veterano
# 08/set/13 23:46
· votar


Destes livros só se aproveitam as melodias. As harmonias são completamente equivocadas, com erros grosseiros de adaptação e cifragem,

Rick Pac
Veterano
# 08/set/13 23:49
· votar


Destes livros só se aproveitam as melodias. As harmonias são completamente equivocadas, com erros grosseiros de adaptação e cifragem,

ckavernoso
Membro
# 09/set/13 08:25
· votar


Alguém conhece estes métodos?

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-504186379-tecnicas-de-acompanha mentos-para-teclado-ou-piano-popular-_JM

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-508763797-como-tocar-de-ouvido- para-teclado-e-piano-improacorde-1-_JM#D[S:VIP,L:SELLER_ITEMS,V:23]

O que acham?

E antes que alguém repita: sim, já tenho um professor de teclado. No entanto, em nenhuma área de conhecimento devemos ficar apenas nos materiais acadêmicos.

Valeu!

PianistaMeioTecladista
Membro Novato
# 09/set/13 08:30
· votar


ckavernoso
Não conheço mas acho que o mais sensato seria primeiramente você perguntar para o seu professor. Já fez isso?

PianistaMeioTecladista
Membro Novato
# 09/set/13 08:31 · Editado por: PianistaMeioTecladista
· votar


Post duplo. Ultimamente tá tenso, é só comigo que acontece isso? :x

fernando tecladista
Veterano
# 09/set/13 09:02
· votar


Rick Pac
Destes livros só se aproveitam as melodias. As harmonias são completamente equivocadas

há muita reharmonização nessa coleção da MPB e se for comparar com os livros do Almir Chediak onde ouvi falar que ele buscou o que foi registrado, vamos ter coisa diferente mesmo

o lado bom dela foi que por ali eu comecei tocar os acordes com distribuição

o 120 músicas 1,2,3 tem muita coisa estranha em harmonia, como o livro se trata de ser alguma coisa pra quem está progredindo então se vê principalmente na primeira parte de cada livro que se cortou muita coisa da harmonia, pedaços de música e tem aquela coisa irritante de valsinha: dó (mi sol) (mi sol) si (fa sol) (fa sol)
mas se pegar os finais do livro tem partituras originais, como as de debussy, ou a sonata ao luar que aparece pela primeira vez em Lam e depois o 1º mov original

o livro curso de piano 1,2,3 tem músicas do mascarenhas e a partir do segundo tem muita coisa de outros métodos no meio (czerny burgmuller) além das escalas

então completando o que disse lá em cima, se o cidadão parar por ai, o erro não é do método e sim do cara, o livro começa com músicas toscas que acho muito mais interesante e incentivador do que ficar tocando schmoll, ou francisco russo, mas é o ponta pé, livro te deixou na porta de entrada de um estudo sério

ckavernoso
Membro
# 09/set/13 19:53
· votar


PianistaMeioTecladista

Perguntei. Não conhece. Ele até que me incentivou a comprar. Vou continuar pesquisando. Valeu.

Tiago Correia
Veterano
# 25/set/13 17:03
· votar


Meiki ressucitando o tópico. Gosto muito dos livros vol. 1, 2, 3 método rápido para tocar teclado ( M. M.). Como já foi dito são portas de entradas. Outros semelhantes ou identicos, mas geniais sãos os livros da Cristine Prado.

https://www.google.com.br/search?tbm=bks&tbo=1&hl=pt-BR&q=cristiane+pr ado#hl=pt-BR&q=cristine+prado&tbm=bks

Rápido e prático e com suplementos rítmicos. Estes em especial o volume 2 por ter uma harmonia um pouco mais complexa abre alas para futuros estudos de standards Jazz, Bossa, + Voicings.

pianoid
Veterano
# 28/fev/14 18:54
· votar


Eu gosto do Mascarenhas, acho que foi um bom professor, um sujeito com boa didática. Guardo da minha adolescência o Curso 1,2,3 e um da série Músicas Favoritas. Em todos eles há o cuidado em iniciar com as peças com arranjos mais facilitados e progressivamente ir encarando peças mais complexas, até mesmo partituras originais. Ele mistura exercícios de pura técnica com peças características que vão aos poucos alargando os horizontes das teclas.

Uma coisa que não vejo muito comentado é Mascarenhas o compositor. Quando eu era adolescente, não queria saber de tocar suas peças, suas toadas, modinhas, minuetos e o escambau. Queria partir direto para o panteão clássico: Bach, Beethoven, Chopin etc. É óbvio que não tinha como, exceto as mais fáceis ou nos arranjos facilitados do Mascarenhas.

Hoje eu encaro suas próprias peças, mesmo os estudos mais simples, com imenso prazer e deleite. Era definitivamente um compositor dotado de lirismo e invenção melódica e uma brasilidade fervorosa... acho que é nosso Burgmüller. :)

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
 

Tópicos relacionados a Críticas Mário Mascarenhas

289.037 tópicos 7.543.297 posts
Fórum Cifra Club © 2001-2014 Studio Sol Comunicação Digital