Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Zoom G5 - Agora sim, a sucessora da G7/G9

      Autor Mensagem
      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      Child of Sin
      Sempre leio e vejo o pessoal falar isso também, sorte que isso é facilmente resolvido com uma boa equalização e zerando ou quase o presence. Eu já fazia isso do presence no Guitar Rig 5 e tirava timbres muito bons dele com minha interface, para gravações era uma mão na roda.

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      MauricioBahia
      Fala Bahia, blz?

      To lendo de ponta a ponta o tópico sobre a G3, pra caso eu enfrente algum problema quando chegar a minha G5 conseguir resolver facilmente, alias já sei de todos os problemas que o pessoal acabou tendo e suas respectivas soluções rsrs..

      Voltando no assunto cabo USB, vi que muitos tiveram problemas com isso lá no outro tópico. Hoje vou pegar minha guitar no Luthier ( *-* ) e vou aproveitar pra já comprar o cabo USB. Aqui perto de casa tem a "multicoisas" e "kalunga" que acredito que seja facil encontrar. Problema que vi que você falou no outro tópico: "Cabo USB bom, por R$5,00??? Acho que meu pressentimento está se confirmando! Falando de cabo USB, uma vez li que ele não deve ser muito longo. O meu tem mais ou menos 1,5m."

      Foi justamente o preço que encontrei na Kalunga rsrs,e da Leadership que acredito ser até boazinha:

      http://www.kalunga.com.br/prod/cabo-usb-p-impressora-20-a-b-1-8m-4071- leadership/162274

      Porem achei na multicoisas da marca "Clone" que você havia me recomendado a cima:

      http://www.multicoisas.com.br/produto/89289

      Reparei que os dois possuem 1,8M, será que esse tamanho já seria "não recomendado" ou bobeira minha?

      A e uma dúvida que procurei no manual, mas não encontrei ao certo, quando eu for ligar minha G5 no note, eu deixo ela no OFF e só conecto ela no USB sem ligar ela na fonte? Não há necessidade de deixar ela na fonte para esse uso ou isso só se aplica a Zoom G3 que é um pouco menor?

      Abç

      MauricioBahia
      Moderador
      # jul/15 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      GuitarHome

      Kkkk! Pô, os preços de cabos USB despencaram. Eu iria nesse Leadership.

      Olha, 1,80m deve servir cara, já que no manual o recomendado é não passar de 3m. Relax. Mas tem o "mandamento": use o menor cabo possível e de qualidade. Mas vai saber qual cabo é de qualidade...

      quando eu for ligar minha G5 no note, eu deixo ela no OFF e só conecto ela no USB sem ligar ela na fonte?

      A alimentação vem via cabo USB. Portanto, deixa em OFF e não precisa de outro cabo. Simples assim. CASO PRECISE DE ENERGIA, LIGA O CABO NA TOMADA TAMBÉM!

      Do PDF:

      "• When this unit is operated on USB bus power via the USB cable, insufficient power may result in unstable operation or error indications appearing on the display. In such a case, power the device from an AC adapter or batteries.
      Use a high-quality USB cable and keep the connection as short as possible. If USB bus power is supplied to this unit via a USB cable that is more than 3 meters in length, the low voltage warning indication mayappear."

      Abs

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      MauricioBahia
      Perfeito Bahia!!! Jaja vou ir pegar a guitar e já compro o cabo, depois é só aguardar a chegada da G5 ansiosamente, valeu por todas as dicas mestre :)

      Abraço!!

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      Minha G5 chegou faz uns 30 minutos, nem regulei nenhum patch ainda, estou usando os de fábrica só pra dar uma sacada nos efeitos e no Z Pedal, e já adianto, já estou impressionado. Estou usando ela em um headphone AKG que tenho aqui. Daqui alguns dias quando me familiarizar com ela eu posto minhas impressões.

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15 · Editado por: GuitarHome
      · votar


      Alguns dias depois e até agora não consegui um timbre legal para solos. Todos soam ou muito agudos, ou muito fechados, anasalados. Sei lá tem sempre alguma coisa que faz com que eu não goste do timbre. Já tentei usar algumas dicas do pessoal aqui como usar o AIR, mexer no presence e tudo mais. Nada tem me agradado por enquanto. Já mexi também nas configurações de output.

      E todo distorção que eu uso, mesmo sem exagerar no ganho, eu percebo uma certa "granulação", "chiado" nas notas bem de fundo, o que tem me incomodado muito também.

      Se alguém quiser postar umas dicas eu agradeço.

      Abç

      jprpfera
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      Qual tipo de solo? hi-gain ou mais crunchado?
      se for hi gain eu recomendo usar o Extreme dist.(pouca distorção) + Marshall 1959(e um pouco crunchado)

      pra crunchado, tenta o marshall com o Tube screamer

      E lembre que você pode usar qualquer Amp dos disponiveris, e mudar o 'auto falante" para outro Amp...não consegui explicar direito, mas se você entender, verá inumeras opçoes hehe

      Child of Sin
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      Essa "granulação" de fundo geralmente é excesso de Presence que algumas simulações de Amp tem, tenta cortar pra ver se melhora.

      Uma coisa eu te digo porque já passei por isso, se você sabe qual timbre você busca, certamente vai achar algo que te agrade, caso contrário, vai achar tudo uma bosta.

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      jprpfera

      Fala cara, sim, eu apesar de não ter fuçado a fundo, já mudei os auto falantes para ver se conseguia algo legal. Mas é questão de ir testando com o tempo mesmo. Vou testar as suas dicas de amps, posto aqui depois.

      Valeu pelas dicas!!!

      b]Child of Sin[/b]

      Fala cara, o lance do presence eu tenho feito já. Alias não chego a cortar tudo, deixo em torno de 10 em algumas, outras já deixo um pouco mais, se não o timbre fica muito para "dentro", abafado e um tanto "anasalado".

      O timbre que eu busco eu sei bem, quero algo bem parecido com o que eu tirava no Guitar Rig 5 para gravar, que era um timbre que eu gostava muito!!! To na busca ainda.

      Problema que não estou conseguindo dosar com a G5, ou fica muito abafado, ou fica muito agudo, geralmente fica um timbre mais "anasalado" e com essa granulação/chiadinho em cada nota meio até que "abelhudo".

      Vou tentando aqui!!!

      Child of Sin
      jprpfera

      Alguma dica de reverb/delay para timbres mais high gain ou de ganho médio?

      No Guitar RIG 5 eu basicamente usava TS7, JCM800, delay e reverb e já conseguia timbrar bem bacana.

      Abç

      MauricioBahia
      Moderador
      # jul/15 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      GuitarHome

      Não esqueça que o padrão da direção do sinal é da esquerda pra direita.. Pelo menos, na G3 é assim. No menu Global isso pode ser alterado, inclusive.

      Abs

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      MauricioBahia

      Sim, sim!! Estou respeitando a ordem da cadeia, normalmente. Hoje consegui um timbre crunch com um pouco mais de ganho para blues muito bonito, bem legal mesmo. Também já consegui um clean bacana sem muito esforço. Problema tem sido para distorções com um pouco mais de ganho. Mas vou tentar usar a base do timbre que usei para tocar blues e ver o que sai.

      Abç

      Child of Sin
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      GuitarHome

      Cara é difícil dizer sobre os timbres, você tem que ir fuçando até acertar algo do teu gosto.
      Chegou a ver os vídeos do Ozielzinho no YT? Dá pra ter uma boa certa idéia do que dá pra tirar com ela





      MauricioBahia
      Moderador
      # jul/15 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      GuitarHome

      Te dou 1 mês pra aprender 10% da G5! Brincadeira! Kkkk Mas é o que senti quando comprei a Eventide Modfactor há uns 3 anos atras. Até hoje eu me "perco" nela.

      Enfim, a prática faz o mestre!

      Abs

      jprpfera
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      É vai demorar ainda pra você timbrar direito...lembro que eu tinha timbrado um monte de patch, mas eu vacilei e apaguei tudo kkkk
      Quando fui fazer tudo de novo já estava ficando melhor.
      E o mais importante, você tirou a opçao "direct" nas configuraçoes "global"?

      GuitarHome
      Veterano
      # jul/15
      · votar


      jprpfera
      Fala cara, blz?

      Então, optei por deixar na opção "direct" mesmo, já que estou ligando em linha. Testei a "combro front", e achei que os timbres ficavam todos muito fechadões. Mas depois posso testar nessa opção, e tentar abrir mais os águdos e presence e ver o que sai. Mas a princípio estou preferindo a opção "direct" mesmo, acho que depende muito de como você vai regular e equalizar os presets.

      Abç

      GuitarHome
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      MauricioBahia
      jprpfera
      Child of Sin

      Amigos, vocês chegaram a instalar o Cubase LE 8 que veio junto a pedaleira? Pois bem hoje eu instalei, porém não estou conseguindo licenciar o programa. Já obtive o código de licença pelo meu e-mail, após fazer o download do programa, porém quando eu coloco o código de ativação, ele reconhece o CUBASE, clico em continuar e aparece isso:

      http://www.4shared.com/download/k7LZqvE-ce/Cubase.jpg?lgfp=1000

      Alguém sabe o que pode ser e como faço para ativa-lo?

      Obrigado

      GabriaTz
      Membro Novato
      # ago/15
      · votar


      essa zoom se compara a Line 6 HD 300 ou HD500 ?

      Child of Sin
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      GuitarHome
      Não chegei a instalar pois já tenho o Cubase 7 que veio com a G9 na época, mas lembro que é meio chatinho todo o processo de licensa mesmo.
      Vou tentar instalar esse novo mais tarde para ver se vai certo.

      GabriaTz
      Até hoje não tive contato com nenhuma POD, mas sei que a HD300 é bem limitada em relação a HD500, e acho que a G5 seja uma solução bem melhor.

      Já contra a HD500, a Line 6 tem bem mais funcionabilidades que a Zoom, são linhas e preços diferentes na verdade, mas em qualidade timbre, acho que ambas são equivalentes.

      MauricioBahia
      Moderador
      # ago/15
      · votar


      GuitarHome

      Cara, uso o Reaper. Nem instalei o Cubase.

      Boa sorte!

      GuitarHome
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      Child of Sin

      Vou tentar novamente mais tard, que agora to sem tempo. Quando conseguir se for fazer o teste, me ensine \o/ rsrs... Valeu velho!!

      MauricioBahia

      Sempre usei o Reaper também, acontece que ele ta dando uns engasgos frequentes aqui no note, até formatei o note e nada. Vou tentar instalar uma versão mais antiga dele pra testar.

      Abç

      jprpfera
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      GuitarHome
      Ainda sobre timbrar... é obrigação fazer isso caso nao esteja usando a Zoom g5 com um Amp, que é o seu caso: Colocar em todos patch um boost no final da cadeia de efeitos ( com 0 de gain e 70 de tune) iso faz com que funcione a simulação de amps, que tras um sonoridade bem mais "macia" e limpa.Vale a pena fazer!

      Child of Sin
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      jprpfera
      A simulação de Pré e Cabinet já são ativadas automaticamente ao selecionar qualquer amp da lista de efeitos.

      jprpfera
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      Child of Sin
      Se for pra usar em linha é necessario fazer esse esquema...é uma pena que não esteja no manual.

      GuitarHome
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      jprpfera

      Já estou conseguindo bons timbres nela sem esse esquema, mas de qualquer forma como funciona esse esquema? É só colocar aquele pedal "boost" como ultimo pedal da cadeia, com as configurações que você passou? Mais tarde vou testar essa dica, valeu cara!

      Abç

      Child of Sin
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      jprpfera
      Testei aqui, não é que seja necessário, dá uma diferença de tonalidade, timbre fica mais incorpado, mas não tem nada a ver com ativar simulação de Cab.

      jprpfera
      Veterano
      # ago/15
      · votar


      Child of Sin
      É modo de dizer que ativa a simulação...mas sem esse esquema simplesmente não há simulação caso você ligue em linha numa mesa de som por exemplo...é como se fosse um Bug da pedaleira

      Child of Sin
      Veterano
      # ago/15 · Editado por: Child of Sin
      · votar


      jprpfera
      Como não? Se você mudar entre os Cabs, dá diferença, e se você desativar a simulação de Cab, fica bizonho.

      O que esse Booster faz é cortar um pouco do ganho e algumas faixas de frequência dependendo dos valores de Gain e Tone setados nele.

      É um "macete" para timbrar, nada além disso.

      Child of Sin
      Veterano
      # out/15
      · votar


      Agora com um bom tempo com a G5, dá pra ter algumas certezas em comparação a G9.2tt...

      A qualidade das simulações de Amp está MUITO melhor, timbre mais direto e dinâmico, aparenta estar menos "processado", passando mais as características da guitarra e "pegada" do guitarrista.
      Já a qualidade do restante dos efeitos/filtros, sei lá, não consigo notar grandes diferenças, até porque, sempre gostei dos efeitos da G9 em geral.

      A valvula de saída opera de forma bem diferente na G9 e na G5.
      Como a G9 possui um knob analógico de volume master pra saída, dá pra setar a válvula de saída em valores altos sem "clipar", ou seja, funcionando/simulando quase como uma válvula de potência em um Ampli.
      Já na G5, se trata de um Booster de Volume valvulado, ou seja, setar qualquer valor acima de 2, vai aumentar o level de saída da pedaleira, o que em linha ou em ampli transtorizado provavelmente vai gerar "clipping" ou distorção de transistor...já em um ampli pré-valvulado ao menos, a proposta pode funcionar muito bem.

      Ao vivo, sem comparações, acho a G9 muito mais prática ainda, 5 presets a escolha direta + 2 switchs para Assagn direto no modo Patch e ainda da pra usar o modo Manual também...além dos 2 pedais de expressão e o Loop de efeitos. Muito mais completa.

      Duh_Tomazelli
      Veterano
      # out/15
      · votar


      fala galera!! queria a ajuda e experiência de vocês para uma decisão.

      Li um pouco e ví videos sobre utilizar directbox com a G5.
      Porém dizem que usar a saída XLR dela não tem necessidade de direct.

      E aí.. alguem toca com ela direto na mesa e tem bons resultados?
      Toco na igreja e tenho monitor in-ear com 2 entradas.. 1 da minha guitarra e outra com retorno dos outros instrumentos e vocais.

      Aceito sugestões (que não seja USE UM AMP.) rsrsrs

      Abraçosss!!

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/15 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Duh_Tomazelli

      Pois é, a G5 e G3 foram projetadas para serem ligadas direto à mesa, inclusive. Basta selecionar nas opções da Zoom o tipo de saída. Usar o cabo XLR é uma opção pois o sinal fica mais limpo e impedância correta para a mesa. Direct BOX

      Isso tá logo no início do manual da G5:
      https://www.zoom.co.jp/sites/default/files/products/downloads/pdfs/S_G 5.pdf
      https://www.zoom.co.jp/sites/default/files/products/downloads/pdfs/G5_ operationManual_english.pdf

      "Interruptor PRE/POST
      Use este interruptor para ajustar el
      punto desde el que es emitida la señal
      a través del conector BALANCED OUT.
      Ajústelo a “POST” (pulsado) para dar
      salida a la señal después de los
      efectos y a “PRE” (sin pulsar) para
      emitir la señal previa a los efectos."

      A Direct BOX é um "casador de impedância" basicamente, coisa que a G5 já possui:

      Direct Box - Para que serve???
      http://forum.cifraclub.com.br/forum/16/76048/#1411455

      Direct Box / DI – Porque você precisa?
      http://www.audioreporter.com.br/resenha/direct-box-di-porque-voce-prec isa/

      Abs

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Zoom G5 - Agora sim, a sucessora da G7/G9

      303.530 tópicos 7.854.574 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital