Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Isolamento Acústico!!!

      Autor Mensagem
      Hopkins-Striker
      Veterano
      # abr/07
      · votar


      Caros,

      deixa eu me meter um pouquinho!! Ao Amok que não me conhece é uma satisfação, e ao João, digo um olá em lembrança ao forum de Home Studio.

      Meus parabens Amok, seu estúdio parece ter bons critérios de construção. Realmente o pé direito quanto mais alto, melhor! E as paredes assimétricas - João, é pra evitar o 'flutter eco' ou o eco repetitivo.

      Abraço a todos.

      João de Atibaia
      Veterano
      # abr/07
      · votar


      Hopkins-Striker

      Minhas medidas mudaram de novo, ainda bem que estou só no papel...heheheh

      Dessa vez me cerquei de todos os lados, planilha Modos, equação e "bolinhas" de Neumann.

      Medidas: 4,0x3,4x2,6. O interessante é que eu posso deixar com 4,0x2,6x3,4 que continua tudo bem.

      Acho que agora é definitivo.

      Você ou alguém teria a revista Múscia e Tecnologia do volume 71 ao 73?

      Aquele abraço.

      Hopkins-Striker
      Veterano
      # abr/07
      · votar


      Oi João,

      essas medidas realmente são as melhores que voce já apresentou. Mas não acha que nós estamos no forum errado?!!!

      Abraços.

      ABATANGERINA
      Veterano
      # jun/07
      · votar


      Sou inexperiênte no assunto, e tenho me informado bastante pela Internet.
      Segue a minha situação:
      Vou construir a parte de cima da minha casa, e tenho disponível um espaço quadrado de + - 11m² para fazer meu pequeno estúdio. Não tenho a pretensão de isolar completamente o som, porque sei que isso é mais complicado e caro. Toco alguns instrumentos, mas principalmente CONTRA-BAIXO.

      Segue me plano:

      1 - PISO (minha preocupação principal, porque minha caixa de baixo é potente) - O contrapiso já está feito, não tenho a pretensão de fazer um piso flutuante de concreto. O que planejo fazer é um piso flutuante, como se fosse uma caixa com madeirite de + - 1,5 cm cobrindo a parte de cima e de baixo. Dentro da caixa haveria ripas de madeira entrelaçadas de + - 10cm (ou seja, eu teria "ar" nos pequenos "quadrados" dentro da caixa-piso). Por cima disso, eu colocaria uma borracha grossa (talvez uns 3cm) e por cima outro madeirite 1,5 cm. Por cima de tudo, um carpete pra não ficar feio. O "tratamento" do madeirite seria cobri-lo com plastico "contatil" (aquele que cola, é bastante eficaz, não deixa dar cupin, e a madeira dura muito tempo).

      2 - PAREDES E TETO - Paredes e laje comuns de alvenaria. Espuma de uns 4cm por cima de tudo. Espaço de 5cm. "Parede" de madeirite de 1,5cm. O madeirite seria cortado em placas e parafusados a ripas de madeira presas a parede de alvenaria do chão ao teto. O espaço entre essas ripas seria de + - 1m. Logo as "placas" de madeirite deriam + - 1m (largura) por 2,8m (altura). O mesmo seria feito no teto. O madeirite seria coberto com plástico colante também.

      3 - TRATAMENTO DO SOM (ANTI-REVERBERAÇÃO) - MÉDIOS E AGUDOS. Espuma (vou ver se consigo comprar SONEX em placas) da metade da parede (de madeirite) para baixo e no teto (para o som não perder muito o brilho).

      4 - TRATAMENTO DO SOM (ANTI-REVERBERAÇÃO) - GRAVES. Bass traps tipo "cantoneira" do chão ao teto nos quatro cantos.

      5 - JANELAS E PORTAS - O espaço não tera janelas. Porta dupla com vedação.

      Lembro que a intenção não é bloquear completamente, mas sim reduzir bastante o barulho de dentro para fora do cômodo. Além disso, o equipamento mais alto é a bateria, que será tocada ao natural, sem amplificação.

      O que vcs acham? Dá pra reduzir bastante o som com esse projeto?

      Desde já agradecido a todos,

      Amok
      Veterano
      # jun/07
      · votar


      ABATANGERINA
      O fato de o espaço não ter janelas já ajuda. A alvenaria é feita com que tipo de material ? Se forem tijolos ocos do tipo baiano ou blocos de aglomerado de concreto, talvez seja importante fazer um reboco de concreto tipo chapisco grosso para aumentar a capacidade de isolamento das paredes (ou seja, sua massa). Ao invés de espuma, recomendo lâ de rocha para colocar entre as placas de madeirite e a alvenaria. Melhor não revestir o madeirite com contact.
      O piso flutuante podem ser as mesma placas de madeirite montadas sobre uma manta de EVA de 30 mm. As placas de Sonex e os Bass taps me parecem legais. Veja se é possivel construir o cômodo evitando as paredes paralelas.

      Boa sorte ae.

      [ ]´s

      tdm
      Veterano
      # fev/08
      · votar


      O que acontece é o seguinte as espumas tipo sonex colocadas nas paredes diminuem as frequências médias-altas / altas que são os sons mais agudos tipo por exemplo os pratos da bateria, mais o principal papel da espuma é controle de reverberação , no caso seria legal você comprar lã de rocha ou vidro de 50mm de expessura no mínimo, a colocação que eu faria desse materia pro seu quarto é o seguinte: parede lã e espuma, eu também toco no meu quarto e não aguento mais o barulho nem minha mãe rsrs..
      como estou fazendo um estúdio na garagem vou usar a lã da seguinte forma: parede lã espaço madeira e espuma, nisso sobe um pouco o custo pois tenho que fazer uma estrutura com ripas de madeira...
      você encontra lã de rocha de 50mm a R$8,90 o m2
      a espuma você pode usar aquelas de colchões ORTOBOM mesmo rsrs
      o Sonex tá caro pra caramba ai você procura no google, em São Paulo você encontra mais lojas que no Rio.

      caso você tiver janelas no quarto e portas terá que tratá-las também e não se esqueça do piso caso você tiver gente em baixo eles vão escutar as pancadas do bumbo... mais creio que parede e espuma em todo quarto diminua o barulho mesmo como foi falado....se chegar a 30 dB no ouvido de quem ta de fora tirando as frequências altas acho que tá legal, mais nunca toque de madrugada rsrsrsrsr,,,,
      qualquer coisa to no pristhi9@hotmail.com vamos trocar msn pra gente se ajudar....

      Abs
      Thiago

      R Palma
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Moçada, desculpe ressuscitar o tópico, mas estou nos finalmentes da obra do estúdio aqui de casa, e preciso saber com exatidão quais materiais comprar para TRATAMENTO ACÚSTICO.

      No quesito ISOLAMENTO, segui as orientações que vi aqui no fórum e coloquei areia nos buracos dos tijolos, para tentar ao máximo evitar o vazamento do som. Sei q eu deveria ter feito uma parede dupla, mas não rolou.

      A sala não tem janelas, só a porta e o local pro ar-condicionado, Medidas: 4,54 x 3,16, e pé direito de 2,6. No teto, laje e concreto por cima da laje (tem um cômodo em cima, mas isso não é problema).

      Estava pensando na tal espuma Sonex, mas o preço é de entristecer, já que eu vou precisar de mais ou menos uns 40 m2.

      Vi no Mercado Livre duas opções desta espuma, a 34,90 o metro (20/35mm) e 58,90 o metro (35/35mm). Alguém sabe me dizer a diferença entre as duas?

      [link]http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-113764612-sonex-flexonic- qualidade-para-seu-estudio-_JM[/link]

      [link]http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-101665298-_JM[link]

      No chão estou ensando naquela borracha - EVA.

      O que acham da minha idéia?

      Abs!

      Amok
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: Amok
      · votar


      R Palma
      EVA é ruim pro piso porque é pouco durável, a menos que seja uma manta grossa com um piso duro por cima, porque aí voce teria um piso flutuante, o que é muito legal. Carpete não recomendo: suja muito, junta pó e ácaros e mofa com facilidade.
      Eu usei no piso um revestimento de borracha pastilhado: http://www.alcatifex.com/catalog/products/561_thumb.jpg
      Pras paredes, Sonex é caro e NMO mata demais o som. É fundamental que o revestimento seja a prova de fogo. Espumas comuns, cortinas, tapetes e almofadas são altamente inflamáveis, o que é perigoso em um local sujeito a curto-circuitos.
      Se as paredes ainda não receberam acabamento, ainda dá pra colocar um dry-wall cartonado afastado uns 5 cm das paredes de alvenaria. O ideal é colocar as chapas de dry-wall de modo a criar paredes assimétricas. Tente colocar um acabamento texturizado no Dry wall e "rechear" o espaço com lã de rocha.
      Em meu estúdio, como não tinha espaço pra colocar o dry-wall, eu pedi pra fazer o acabamento em chapisco grosso, com pedras. As paredes ficam tão irregulares que controlam as frequências médias e agudas, funcionando como difusoras. Ajuda o fato de o comodo ser totalmente assimétrico.
      Pro teto é legal colocar um acabamento com painéis de lâ de rocha ou fibra de vidro.
      Aí é só pendurar nas paredes uns painéis decorativos que também funcionam como difusores e absorvedores. Voce vai ter um cômodo com cara de sala comum, mas com um belo tratamento acústico.

      [ ]´s

      rgrzz
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      O fato de o espaço não ter janelas já ajuda

      E no caso de janelas, o que fazer caso não dê para emparedar elas?

      Amok
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      rgrzz
      no caso de janelas, o que fazer caso não dê para emparedar elas?

      No meu estúdio eu construí um tampão em MDF e compensado, recheado de lâ de rocha.
      As laterais do tampão são revestidas em feltro (dá pra usar carpete) e encaixam no parapeito e moldura da janela. O tampão é fixado à parede com 4 ferrolhos de portão.

      [ ]'s

      R Palma
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Valew Amok! Vou estudar essas possibilidades

      ABATANGERINA
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      rgrzz
      Amok
      R Palma
      No meu estúdio eu construí um tampão em MDF e compensado, recheado de lâ de rocha.
      fiz o msm. meu tampão têm uns 13 cm de largura. funciona, mas obviamente isola como uma parede. não ter janela no local, pra quem não têm condições de tratar o ambiente adequadamente é muito perigoso, pq NECESSARIAMENTE vai dar mofo, além de gastar muita eletricidade, pq vc vai precisar sempre usar ar cond, msm quando vc tocar sozinho. em geral os estúdios têm muita coisas q propiciam mofo, ácaros, traças e afins, devido a paineis diversos, como mdf, tecidos revestidores, carpetes, livros e toda a nossa tralha relacionada a música, e todos sabemos q a minoria dos músicos é exemplar no quesito "vou deixar tudo limpinho e bem cuidado".
      No meu caso, tratei a sala com lã de vidro "por cima", mas afastados da parede. fiz da seguinte forma: bass traps nos cantos da parede e teto - mdf dos lados (em cada parede), lã de vidro dentro FOLGADA e tecido por fora, pra gente não respirar lã de vidro. fiz basicamente o msm para as paredes e teto, sempre com a lã de vidro FOLGADA, o + longe possível das paredes.
      No chão deixei no concreto, e coloquei um carpete por cima, cria pó msm, mas tenho aspirador e se não passar pelo menos uma vez por semana fica com uma nhaca danada. minha sala têm dimensões (5,3 x 2,80 x 2,80) ruins q facilitam a criação de ondas estacionárias, mas não tive outra opção, taquei um equalizador de 32 bandas, q dá pra ter um som razoável quando não uso as potências máximas.

      R Palma
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      ABATENGERINA,

      antes de começar a construir o estúdio, dei uma fuçada aqui no fórum, e a principal dica que eu usei foi a de colocar areia no meio dos tijolos, porque para ISOLAR o som, só com matéria. E assim fiz. O pedreiro quase desistiu de continuar a obra, pq deu um trabalho do cacete. Tive até que comprar um funil pra facilitar. Só que no quesito TRATAMENTO, no começo não me preocupei muito, pois isso só seria necessário depopis da sala pronta.

      As medidas são], aprox., 4,54 x 3,16, com pé direito de 2,60. No teto tem laje e concreto por cima da laje.

      Vou ser muito honesto, não entendo praticamente nada desse lance de acústica. Dry-wall, bass traps, ondas estacionárias, tudo isso prá mim é meio que grego. Já fucei muuuuuuuuuito aqui no fórum, tem explicações excelentes, mas é muita informação prá se digerir.

      Depois da obra pronta, pensei nisso q vc falou, ou seja, o fato do mofo, pq a sala vai ter q ficar permanentemente fechada (tocando ou não), já que ela fica no quintal, de frente pro gramado.
      Os pedreirtos ainda estão em casa, daí pensei em, (1) mandar quebrar uma parede e fazer uma janela ou (2) colocar um exaustor, tipo esses de banheiro de apartamento sem janela.

      Minha preocupação em fazer uma janela seria q terei mais uma coisa prá se preocupar tanto com ISOLAMENTO e com o TRATAMENTO.

      E aí? Que faço eu?

      Abs!

      guilhermerizzo
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: guilhermerizzo
      · votar


      Pessoal, considerando todos os gastos com material de isolamento, paredes duplas e etc não sairia mais em conta comprar uma boa batera eletrônica (5/6 mil reais) e montar um sistema de retorno via fones de ouvido?

      Eu tenho um micro estúdio no meu ap baseado neste conceito. Tudo funciona tendo meu laptop como mesa e plataforma de gravação. O que me dá bastante mobilidade e não consume quase nenhum espaço.

      Nele plugo o Ux2 da line 6 como input de guitarra, baixo e voz e a minha Roland Hd-1, através da interface midi-usb UM1 da roland, para controlar o Ezdrummer.

      Com o Ux2 não consigo gravar baixo, guitarra, voz e batera simultaneamente, mas com o Ux8 daria pra fazer. E estas interfaces eliminam a necessidade de amplis reais e direct boxes. Os model packs da line 6 simulam vários (e pões vários nisso)amplis e efeitos de guitarra, baixo, voz, teclado e etc com bastante fidelidade. Eu tenho todos os model packs e não existe som que não se consiga tirar com eles.

      Um sistema com um bom micro para gravar (2 mil), uma boa batera eletrônica (5 mil) uma interface tipo Ux8 da line 6 (2 mil) e um sistema de monitoramento via fones (1 mil) chega no máximo a 10 mil reais, e possibilita ensaios e gravação profissional sem nenhuma dor de cabeça de obras e etc.
      Fora isso, especificamente para gravar, hoje em dia é bem mais fácil se o som for digitalizado via interfaces tipo a Ux8 da line 6. Os simuladores estão cada vez mais próximos do som de equipamentos analógicos e é muito mais fácil para controlar do que microfonando amps e uma batera completa.

      Meu apê é pequeno, tenho duas crianças rondando o equipo o tempo todo e consigo excelentes resultados sem nenhuma reclamação dos vizinhos.

      Somando a HD1 (2.5 mil), meu laptop comprado nos eua (1 mil) minhas duas guitarras, meu baixo e um V-wah da boss mais cabos e fones (4 mil) e os softwares que eu fiz questão de comprar (Ezdrummer e Mixcraft, além de todos os model packs - 1 mil) meu estúdio custou 8,5 mil reais. E é plug & play (ou rec).
      Sem sacanagem, consigo montar tudo em 5 minutos e em 10 já tô gravando.

      Vejam as faixas que já finalizei no meu Myspace:

      http://www.myspace.com/mp3bandrj

      Enfim, é uma outra abordagem, mas é cheia de vantagens considerando o pouco espaço disponível e o problema do vazamento do som.

      ABATANGERINA
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      R Palma
      Vou ser muito honesto, não entendo praticamente nada desse lance de acústica.
      tb não entendo muito, o pouco q sei aprendi em foruns e principalmente no livro do Sólon do Vale - Acústica Perfeita.
      de fato, se vc teve a precupação de colocar areia nos tijolos, colocar uma janela, dá uma quebrada msm.
      E aí? Que faço eu?
      em relação a isolamento, vai ter q decidir, ou lida com uma alta conta de luz, e tratamento para traças, mofo e ácaro, ou lida com a janela/tapume sem toda a efeiciencia q teria. vc têm de pesar: o volume que vc toca normalmente, o horário e a frequência q faz.

      no meu caso, o q acontece é o seguinte: se quiser tocar rock com bateria acústica, só de dia, pq o som vaza, nada absurdo, mas vaza. De dia, os outros sons da vizinhaça abafam e fica bem imperciptível até pro vizinho do lado. A noite, principalmente, tarde a coisa muda de figura e não dá pra tocar com batera acústica entusiasmada. lembro q não coloquei areia nenhuma no tijolo.

      pra mim, isso pro momento serviu, entretanto, em função disso, da QUALIDADE DO SOM (vc perceber isso quando o baterista e o baixista descerem o braço na sua pequena sala, se não tiver tratamento embola tudo), e de as vezes querer uma banda mas não volumes muito altos, planejo adquirir uma batera eletrônica (daquelas q lembram acústica), pois fica bem fácil trabalhar volume e reverberação, e continua com a versatilidade (pro espaço até mais) de uma bateria.

      guilhermerizzo
      Pessoal, considerando todos os gastos com material de isolamento, paredes duplas e etc não sairia mais em conta comprar uma boa batera eletrônica (5/6 mil reais) e montar um sistema de retorno via fones de ouvido?
      concordo plenamente com a idéia da batera eletrônica, mas tocar SÓ com retorno perde COMPLETAMENTE a graça de tocar, eu acho muito chato msm!!!!! perde-se todo o tesão.
      pra estúdios pequenos, eu prefiro usar uma batera eletrônica, mas com PA/RETORNO normal, amp de guitarra, baixo e tudo q têm direito.
      com uns R$ 3.500,00 já dá pra pegar uma batera eletrônica bem honesta da ALESIS. 5/6 mil tá as + simples da ROLAND.

      msm tocando com uma bateria eletrônica, ninguém quer tocar baixinho, ainda assim é necessário o isolamente, mas não tanto.
      espero ter ajudado.

      guilhermerizzo
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      ABATANGERINA

      A maioria das banda usa retorno via fones no palco hoje em dia.

      Vocë perde o tesão, mas aí é um problema particular...

      ABATANGERINA
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      guilhermerizzo
      A maioria das banda usa retorno via fones no palco hoje em dia.
      usam sim, mas pra retorno do respectivo instrumento de cada integrante. continua havendo som no palco, sem sombra de dúvida. até pq a bateria e os PA's gigantescos ainda q direcionados para o público fazem MUITO BARULHO. Ou seja, aqueles retornos de fone q a gente vê no show, é para q o músico escute com a MÁXIMA CLAREZA o q ele tá tocando. Pede pra qq um ensaiar ou fazer show ouvindo EXCLUSIVAMENTE o fone, pra vc vê se fazem? realmente tira o tesão, o fone serve sim, principalmente pra músicos um pouco + exigentes, q querem ouvir EXATAMENTE o q tão tocando, e q não querem problemas com feedbaak e microfonia, mas é basicamente pra isso e não pra dispensar PA e amplificadores.
      Mas cada um é cada um. EU PARTICULARMENTE não aguento tocar/ensair SOZINHO - quanto + acompanhado - só com fone.

      ABATANGERINA
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      guilhermerizzo
      uma boa batera eletrônica (5 mil) uma interface tipo Ux8 da line 6 (2 mil)
      cara, deixa eu ver se entendi, vc não usa o módulo próprio da batera eletrônica q usa? essa interface da line 6 têm as 8 entradas necessárias apenas para bateria? ela aceita a instalação de qq softwar de bateria ou vc pra tocar a batera precisa, além da interface, de um micro? qual a marca/modelo da sua batera eletrônica?

      guilhermerizzo
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      ABATANGERINA
      cara, deixa eu ver se entendi, vc não usa o módulo próprio da batera eletrônica q usa? essa interface da line 6 têm as 8 entradas necessárias apenas para bateria? ela aceita a instalação de qq softwar de bateria ou vc pra tocar a batera precisa, além da interface, de um micro? qual a marca/modelo da sua batera eletrônica?

      Bom, vamos lá:

      No meu caso eu optei por não usar o módulo da bateria. Investi numa Hd1 da roland em função da falta de espaço e já sabia das limitações de sons e etc. Eu conecto a Hd1 ao PC via midi e uso o Ezdrummer como múdulo, ok?

      A Ux8 ou, no meu caso, a Ux2, possui entradas analógicas, que não servem para os plugs da bateria eletrônica. Serviriam para os plugs de microfones de uma batera acústica.

      Resumindo:
      Gravo a batera via interface midi-usb usando o Ezdummer como módulo
      Gravo o restante dos instrumentos com a Ux2 usando o POD Farm como simulador de amplis e efeitos

      Ajudou?

      guilhermerizzo
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      ABATANGERINA

      Complementando, o Ux2, ou Ux8, ou qualquer interface da line6 funciona só com os softwares da line6 (Gear Box ou POD Farm). Até dá para usar outros programas como o Guitar Rig por exemplo, mas pode rolar alguma latência e tal.

      Para usar uma UX8 como mixer e pré amp de uma batera acústica você teria que ter no máximo 8 microfones na batera e poderia aplicar a cada um deles uma sequencia de pré amps e efeitos (compressor, reverb, etc) diferente, ficaria bastante flexível e profissional. Mas ele não é otimizado para batera.

      ABATANGERINA
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      guilhermerizzo
      ok. agora entendi. na realidade tú não toca ao vivo com uma batera eletronica com todos os PADS, pois pra isso seria necessário um modulo. é só pra gravação.
      O q eu tô querendo é uma batera com os pads todos e módulo, mas já me deram a idéia de não pegar o módulo, em vez disso, pegar uma daquelas "placas" tipo a UX8, mas q aceitam qq programa, usando com um computador com ezdrummer, e plugar todos os 08 plugs analógicos da batera nesta "placa". não gostei mujito dessa solução pra tocar ao vivo pq vc além do módulo/placa t~em q ter um laptop.

      guilhermerizzo
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: guilhermerizzo
      · votar


      ABATANGERINA

      Não cara, posso tocar ao vivo sim, uso o PC (Ezdrummer) como módulo, só isso.
      A Ux8 não serve. Os sinais que saem dos pads não são de som, precisam ser interpretados por uma parte do módulo, que os converte para o formato midi.
      O sinal midi pode seguir dentro do módulo para um gerador de som, que os converte em sinal sonoro baseado num banco de sons pré-gravados no módulo e que variam com os parâmetros de intensidade do toque, ou origem do toque (diferentes áreas de um mesmo pad).
      A maioria dos módulos tem uma saída midi, que pega o sinal no meio destas duas partes, ou seja o sinal midi antes de ser convertido em sinal sonoro e manda pra um gerador de som externo, que pode ser um teclado, um outro módulo ou um PC rodando algum programa que converta de midi para som (ezdrummer, por exemplo).
      Fiz isso porque o som da Hd1 é limitado, só tem 10 kits e não permite nenhum ajuste de volume ou efeitos, e com o ez dá pra fazer miséria.
      Você pode comprar uma batera sem módulo, comprar um conversor midi (a alesis fabrica um) e jogar o sinal deste conversor num gerador de som (PC, outro módulo, teclado, etc)
      Para usar o Ux8 ou uma mesa, você teria que ter o sinal sonoro convertido de cada pad separadamente, o que eu nunca vi disponível em nehum módulo. O ux8 serviria apenas para amplificar e colocar efeitos neste sinal, como se faz com o sinal de microfones da batera acústica numa gravação ou na mesa do palco.
      Quanto ao laptop, vai ser cada vez mais comum vê-los no palco. No show que o living colour fez semana retrasada em NY todos estavam com um mac numa estante no palco.
      O Avi Bortnick, que tocou guitarra base com o scofield usa no palco direto, enfim...
      É mais uma ferramenta, como se fosse um ampli.

      ABATANGERINA
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      guilhermerizzo
      ok. realmente já me disseram q o ezdrummer é sinistro msm. entretanto, o módulo da alesis têm muitos kits, além de vários efeitos de reverberação.
      só explica uma coisa: na batera eletrônica têm 08 saídas analógicas para serem plugadas no módulo, é isso q não entendi, já q vc disse q seu "módulo" só têm 02 entradas. o q vc faz com todas aquelas saídas?

      guilhermerizzo
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      ABATANGERINA

      OK, as bateria eletrônucas têm 8 cabos analógicos que saem dos pads e entram no módulo. Na verdade os módulos têm 8 entradas analógicas e não saídas, como você falou. No caso da Hd1 e de alguns outros modelos estas entradas são condensadas através de um cabo especial em uma só conexão.

      Não disse que o módulo da hd1 tem 2 entradas. Ele tem 2 tipos de saída (três na verdade). 2 saídas de áudio, uma para fone e outra pra jogar numa mesa ou amplificador, ambas p2. E a saída midi.

      Se o módulo da batera for bom, não há necessidade de um pc com ezdrummer nem nada, porque não só os sons serão bons como também vai ser possível ajustar volumes individuais e efeitos no próprio módulo. O módulo já gera o sinal pronto, mixado e com os efeitos do seu gosto para gravar ou amplificar.

      Existe uma vantagem do esquema midi/pc sobre a saída analógica do módulo para gravação, na minha opinião, que é a inexistência de interferência no sinal a ser gravado. Como o sinal entra no micro via usb e os sons só são gerados dentro do pc, com um programa tipo ezdrummer, não há nem perda nem nenhum tipo de ruído e a gravação fica limpa e sem nenhum vazamento, a não ser que você queira. E é possível também jogar cada pad em uma pista separada, para mixar depois.

      Wilson Ulrich
      Veterano
      # jan/10
      · votar


      coloca espuma especial para isolamento, quando vc compra eles esplicam como coloca pode por isopor no teto uma porta para isolar, vidros aprova de som.

      Agora se naum quiser gastar muito... você pode apenas diminuir o som com essas opções.

      .Você pode soltar um puco as peles via ficar com um som ruim mais para estudar da pro gasto e diminui o som.
      .Colocar espuma ow almofadas dentro dos tambores encostados na pele de resposta diminui bem o som.
      .Para diminuir mais ainda vc pode colocar o bumbo encostado numa parece que naum tenha vizinhos e tbm colocar um colchão entre o bumbo e a parede.
      .Você pode comprar uma batera de estudo.
      .Pode comprar abafadores diminui MUITO o som e é ótimo para estudar você presta mais atenção, um kit está por 84 reais no mercado livre procure lá.
      .Você pode colocar um pedaço fino de espuma estido colado com durex um pouco afastado do sentro do tambor que desejar.
      .Você pode converssar com seu vizinho dizer que esse é o unico horario que vc tem pra tocar acho que ele vai entender.

      tratamentoacustico
      Veterano
      # set/11
      · votar


      Isolamento acústico é diferente de tratamento acústico.
      para isolar o ambiente (não deixar sair ou entrar ruídos, barulhos indesejáveis) primeiro temos que analisar o ambiente e saber qual o nível (volume -geralmente medido em DB )da fonte sonora e quais freqüências temos que isolar. Isso geralmente é feito por um profissional (engenheiro acústico) através de um software de medição.
      Segundo temos que aplicar a lei da massa e saber quais produtos vamos trabalhar - é tudo física.
      obs - uma dica - se o problema for o isolamento de freqüências médio agudas não se gasta muito para um resultado bacana , mais se o problema for freqüências graves e sub-graves o mais barato é fazer uma parede dupla com os blocos virados para cima e preencher os blocos com areia.
      Usa-se muito paredes duplas e também o sistema em drywall – podendo usar até 8 placas de gesso mais lã de rocha no meio das placas tanto em teto quanto em paredes.

      Simonhead
      Veterano
      # set/11
      · votar


      tratamentoacustico

      Valeu pelo up!

      Meu estúdio possui, aproximados, 21 metros quadrados (4,5 x 5). Parede feita com tijolo 08 furos deitado (gastei MUITO tijolo). Fiz o chamado chapisco e posterior reboco com uma espessura de uns 02 a 03 cms (dentro e fora). Ainda falta essa parte do tratamento acústico devido que pretendo fazer em 2012, se tudo der certo.

      Dangersrock
      Veterano
      # dez/11
      · votar


      ola amigos !!!!!

      Estou ressucitando esse post por um bom motivo. Pretendo construir em meu quarto um Vocal Booth, estudo técnica vocal e tenho problemas pra treinar, minha idéia consiste em montar algo o mais em conta possível, pesquisando cheguei a um projeto próprio com madeiras e lá de vidro ou rocha, na verdade penso em gastar somente com a lã, as madeiras pretendo usar aquelas de guarda roupas velho, tipo aquelas de serragem prensada. Penso em fazer paredes duplas no esquema abaixo;

      madeira 15mm => lã de vidro => Espaço de uns 5cm => Drywall para acabamento externo.

      Pela experiência de vocês, sera que isso vai isolar legal? Preciso isolar o máximo possível pois está dentro de casa e não é possível contruir paredes....me ajudem por favor amigos...

      camelodoasfalto
      Veterano
      # dez/11
      · votar


      Olá amigos!

      pois bem...estou querendo montar um estúdio de ensaio na minha casa, e bem, construirei a peça "do zero".

      eu andei pesquisando algumas coisas, e tive a ideia de construir uma peça com as dimensões de 8m de comprimento por 5m de largura, e 3m de altura, com parede de tijolos deitados, forrados com lã de vidro de 50mm de espessura. Após, fazer internamente, uma parede de tijolo em pé, afastado 20cm da primeira parede, forrado novamente com lã de vidro de 50mm de espessura, ou isopor, e, depois paredes de mdf de 18mm, afastadas 20cm da 2ª parede. No teto, pensei faze-lo de chapa, e aplicar placas de sonex de alta densidade. No chão, carpete com no mínimo 6mm de espessura. Portas duplas, forradas com sonex. quero quebrar o paralelismo entre as paredes com as chapas de mdf.

      Aos amigos que entendem do ramo....to muito longe de ter algo descente?
      a ideia é que o estúdio não vaze som, para poder ensaiar até mesmo durante a madrugada, e que a acústica seja boa, pra quem estiver usando-o.

      alguém conhece um engenheiro de som, ou um profissional da área na região de porto alegre, rio grande do sul?

      muito obrigado, aguardo ansiosamente qualquer resposta.

      ogner
      Veterano
      # dez/11
      · votar


      camelodoasfalto

      Vc precisa somente fazer o box in the box. Só isso!

      Pesquise sobre. Faça isso e nao tera problemas com vazamento, qualquer outra gambiarra pode ser $$$ jogada fora. Depois vc pensa no tratamento acustico interno. se possivel nao faça o estudio quadrado, ou retangular...Tente dar uma "quebrada" em paredes paralelas. Isso ajuda numa melhor acustica interna.quero quebrar o paralelismo entre as paredes com as chapas de mdf.
      Isso pode ajudar tb!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Isolamento Acústico!!!

      301.798 tópicos 7.821.133 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital