Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Clube das Super-Stratos.

      Autor Mensagem
      guilhermefross
      Veterano
      # 05/set/17 18:05
      · votar


      E porque vai trocar?!

      Eu acho o captador da ponte até nada mal (mas bem longe de ser maravilhoso), o problema maior é o do braço, tem um som muito fraco e da muita diferença de punch e volume comparado ao da ponte, mesmo fazendo uma regulagem de altura dos captadores para compensar isso. Ai, como tenho um JB, vou colocar ele na ponte e pensei num hot rails no braço, ou algum genérico tipo ele, acho que vai ficar legal assim.

      E eu prefiro o captador do braço ligeiramente com maior volume que o da ponte, acho que tvz eu consiga esse efeito.

      Eu acho que compensa, pq eu gosto dela. Já tive outras superstrato, inclusive aquelas Cort viva, que são excelentes guitarras para o preço, mas ainda assim preferi a LTD, acho que por causa do braço e por ter esses trastes extrajumbo, que eu achei sensacional

      Buja
      Veterano
      # 05/set/17 18:15
      · votar


      que são excelentes guitarras para o preço
      Ta parecendo um americano falando com o google tradutor.
      Brincadeira rsrs!

      o problema maior é o do braço, tem um som muito fraco e da muita diferença de punch e volume comparado ao da ponte
      Sempre achei o som de humbuckers "stock" no braço fraco e sem punch.
      Alias, acho que a unica vez que vi um humbucker no braço soar bem foi numa Gibson Les Paul nao sei das quantas, mesmo assim, nao era "nada demais".

      Pra mim, captador do braço deveria ser captador de ponte tambem. Quer dizer, falei errado. O captador que se coloca no braço deveria ter mais saida do que o que se coloca na ponte. Assim, teoricamente falando.

      Pra equilibrar o punch. Sempre vejo guitarras saondo bem abertas e fortes na ponte, e extretamente fechadas e sem vida no braço.
      Eu acho que deveria se colcoar captadores com saida mais forte e brilhante no braço pra ver se equilibra um pouco.

      guilhermefross
      Veterano
      # 05/set/17 18:34
      · votar


      Hahaah, é que as Cort são muito bem feitas e baratas mesmo

      Eu tenho uma gibson SG e justamente o captador do braço soa mais alto mesmo que o da ponte. Nessa é o classic 57 na ponte e no braço; só não sei se eles são idênticos, mas fica mais alto o do braço e um som bonito.

      Mas no caso dessa LTD ela é HSS, então no braço é um Single. E realmente acho sem vida mesmo, o do meio que é single tbm eu já nem uso, poderia até tirar ele. Na verdade vou acaba transformando ela numa HH, já que não uso esse do meio.

      MatheusMX
      Veterano
      # 05/set/17 18:36
      · votar


      Se considerarmos que a essência de uma superstrat é:
      -facilidade de tocar
      -timbre agressivo e que combine com hi gain
      -floyd rose (?)

      Nesses termos, a melhor que já toquei/tive foi a Wolfgang Deluxe.
      A PRS Custom 22 é uma forte concorrente, mas perde no quesito Floyd Rose (que na verdade nem faço questão).
      Mas ao meu ver, nenhuma das duas se encaixa 100% na classificação "superstrat".
      Tive uma JEM7D, essa sim acho que é uma superstrat pura, mas era uma guitarra que eu não via nada demais nela. Era bem construída, tinha um braço interessante para seus propósitos (extremamente fino e com escala larga), mas sei lá, não tinha nenhum grande diferencial comparado a outras guitarras do mesmo tipo.

      Aliás, essas guitarras com humbuckers e que são utilizadas pra timbres hi gain, pra mim, são as guitarras mais "despersonalizadas" que existem. Parecem todas iguais, em termos sonoros. Não tem aquela identidade própria que cada stratocaster possui, por exemplo.

      MMI
      Veterano
      # 05/set/17 19:52
      · votar


      NeoRamza

      Braço INTEIRO em brazilian?

      sim. É o tradicional nas PRS. Acho legal.

      MMI
      Veterano
      # 05/set/17 21:08
      · votar


      NeoRamza

      (esqueci de comentar)
      E por falar em Music Maker, eu li por aí que você conhece elas bem, mas você não deu detalhes do que achava. Poderia falar o que acha com mais detalhes?

      Ivan (Music Maker), Tagima, Zaganin e alguns outros são pioneiros na guitarra. Merecem todo respeito, a guitarra no Brasil deve muito a eles.

      Music Maker... São bem feitas, de modo geral, tem gente boa trabalhando lá. Não sei como está, mas tinha um projeto de levar essas guitarras para o mercado americano até - mercado altamente competitivo, que para vender lá precisa de qualidade e preço. Pode chamar de "custom shop", mas eu chamaria ali de uma fábrica de guitarras, menor mas como nos moldes da Gibson e Fender, por exemplo. Sai coisa boa e de respeito de lá. Porém, na minha concepção, não queira comparar com os instrumentos feitos por luthier especializados, os que os gringos chamam de handmade ou artesanal, porque não é esta a proposta.

      Explicando melhor... Lá no tópico da archote do Cassias eu comentei, ele levou mais de 2 anos projetando e estudando a guitarra. Ali, um violão demorar - de projeto e estudo - um ano chega a ser normal. Não peça isso para uma Fender, Gibson ou Music Maker mesmo, porque não dá.

      NeoRamza
      Veterano
      # 05/set/17 22:58
      · votar


      MMI, claro, minha intensão nem era comparar eles com luthieria do nível do Cassias e da Dunamiz, longe disso, é outro nível mesmo. Mas eu realmente não fui muito muito específico na minha pergunta, pedi sua opinião de uma maneira muito vaga. Enfim, minha intensão seria comparar com guitarras de boa qualidade, mas que são feitas de maneira industrial como Suhr, MusicMan, PRS, Tom Anderson, Ibanez J Custom e etc... E comparar principalmente qualidade sonora.

      Em relação a acabamento e construção eu já estou bem convencido, o trabalho é realmente de primeira, dá pra ver pelas fotos do site em alta qualidade. A única coisa que não me convenceu é o relic que eles fazem, não chega nem perto de uma custom shop americana ou brasileira, mas tirando isso o acabamento e a construção são de nível internacional. Basta não pedir relic.

      Agora em relação a som, o que você acha? Pela sua experiência, será que uma MM Custom Pro com captadores Suhr vai soar tão bem quanto uma Suhr Modern por exemplo? Mesma coisa, com captadores Tom Anderson vai soar tão bem quanto uma Tom Anderson Angel?

      Will Bejar
      Veterano
      # 05/set/17 23:07
      · votar


      acabaramosnicks
      No maaaaximo estourando, um mini HB na ponte! Dito isso...
      Ufaaaa... pensei que eu fosse um herege.

      MMI
      Veterano
      # 06/set/17 08:06
      · votar


      NeoRamza

      Difícil responder isto... Até porque Ibanez, PRS, Suhr Tom Anderson etc. tem qualidades diversas e diferentes produções. Aí seria mais uma comparação do tipo "um a um" e generalizar não muito fácil.

      Relic é um trabalho complicado... Não é simples fazer, então acho mesmo que fica difícil convencer na maioria. Digo que até o relic da Gibson CS é bem inferior ao que o Murphy faz.

      NeoRamza
      Veterano
      # 06/set/17 08:25
      · votar


      Obrigado MMI. Suas postagens são muito esclarecedoras.

      Você chegou a tocar numa daquelas super-stratos feitas pela Dunamiz em 2015?

      NeoRamza
      Veterano
      # 06/set/17 08:56
      · votar


      MMI
      Relic é um trabalho complicado... Não é simples fazer, então acho mesmo que fica difícil convencer na maioria. Digo que até o relic da Gibson CS é bem inferior ao que o Murphy faz.

      Pois é, existe até umas piadinhas a respeito https://scontent-gru2-2.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/19511470_104496795564021 0_3948551240369095580_n.jpg?oh=d58f0c7c7ead1b14ac0291ebaba42fe8&oe=5A1 53452

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 09:25
      · votar


      Relic nao deveria ser uma coisa tao complicada de fazer.
      Afinal o bom relic é somente passar a ideia de que a guitarra está sendo usada por um bom tempo.

      Entao na minha opiniao, lugares onde nao tem desgaste natural, nao deveria nem se encostar a mão.

      Eu faria assim:
      1 - Uma lixa leve leve e dar uma fosqueada na area onde o braço direito apoia.
      2 - Um leve desgaste nas casas mais usadas. Nao se desgasta da casa 12-13 na corda Ezão pra frente ne. Ninguem toca ali.
      3 - Pegar um plug de cabo velho e dar umas batidinhas no jack, simulando os baques de pluga despluga de cabo.
      4 - Knobs ligeiramente amarelados, escudo amarelado mais claro que os knobs. Leves lixadinhas com palheta de aluminio no escudo, na regiao onde gente desde
      a palhetada.
      5 - Knobs de volume mais desgastados que os knobs de tone.
      6 - Pequeniníssimos arranhados, de leve, na regiao onde a fivela do cinto encosta.
      7 - Ponteiras de alavanca e chave trincadas.
      8 - Algumas regiões do braço (atras) com uma lixa fina de leve, simulando mais atrito na regiao.
      9 - Dependendo da guita, uma marquinha de ponte de cigarro (na minha nao faria)
      10 - lixa leve leve leve no headstock pra envelhecer.
      11 - Nut de osso com a quininha quebrada (a quininha mesmo)
      12 - Batida leve-moderada no corpo onde geralmente se encosta a guitarra na parede, com o objetivo de dar uma lascadinha na pintura nesse lugar, e atras do headstock tambem.
      13 - Hardware NAO seria lixado, e sim, deixado com pequeniníssimas traços de corrosão (nas partes não comprometedoras, logico), e se pudesse, poeira entre os saddles e a ponte, regiao que nao se limpa facil)
      14 - Parafusos velhos para o escudo. Nao enferrujados, porem, nao brilhantes.

      Enfim, faria mais coisas, porem, NUNCA sairia metendo lixa 100 na guitarra feito um doido

      NeoRamza
      Veterano
      # 06/set/17 10:07
      · votar


      Buja
      Afinal o bom relic é somente passar a ideia de que a guitarra está sendo usada por um bom tempo.

      Aí que tá o problema. É exatamente isso que eles fazem. Mas um bom relic não é só isso nem de longe. Você só está considerando o relic causado por uso, e desconsiderando o relic que o próprio tempo em si faz. Fazendo um relic desse jeito que você falou é só bater o olho e ver que não é um envelhecimento natural.

      Um relic natural de 60 anos, ou um relic muito bem feito (nível Tom Murphy) vai criar por exemplo essas rachaduras na pintura:

      strat

      les paul
      les paul 2

      Isso sim é como uma guitarra vintage se parece. Não é só deixar ela ralada. E sabe como esse tipo de relic é feito? Cada risquinho desse é feito um a um, a mão. É um verdadeiro trabalho artístico de alto nível. É claro que não dá pra empresas como a Music Maker fazer, eu não julgo. É por isso que empresas como a PRS não fazem relic nenhum, porque ou seria um relic meia boca (e nada na PRS é meia boca), ou custaria uma fortuna, então preferem não fazer.

      A Gibson faz algumas pouquíssimas unidades, e de fato acaba custando uma fortuna.

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 10:11
      · votar


      Relic mermo é a guitarra do SRV. O resto é bosta rsrs.

      O craquelado da les paul ficou incrivel.
      Ja os buracos da strato nem tanto.

      No caso eu nem sequer chamaria o que eu faria de relic.
      Faria um trabalho caseiro, numa guitarra barata.
      Nada comparado a isso.

      Mas entre pegar uma lixa 100 e ralar a guitarra, e o trabalho que eu faria em casa, com tempo, sou muito mais o meu.

      JJJ
      Veterano
      # 06/set/17 10:23 · Editado por: JJJ
      · votar


      Buja
      Afinal o bom relic é somente passar a ideia de que a guitarra está sendo usada por um bom tempo.

      Se o cara cuidar direito de uma guitarra, mesmo depois de anos, se passar um pano, vai parecer inteiraça...

      Isso de guitarra toda esbudegada só acontece se o cara for muito desleixado... (ou quiser que ela pareça surrada, de propósito).

      Como eu não curto saporra, minha guitarra mais velha (1981), passou um paninho, trocou as cordas e tal, tá nova... (uma merda de som, mas esteticamente quase perfeita). E foi uma guitarra usada em ensaio, em show, em gravação, em casa, emprestada (coisa que não faço mais...), usada pelo meu filho pequeno e seus amigos pra "brincar" (na verdade, ela é dele, hoje) e o escambau. E guardada em BAG, não em case duro. Claro que tem uns "machucadinhos", mas nada nem parecido com as marretadas que neguim dá nas guitarras, pra parecer que foram muito rodadas.

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 10:26
      · votar


      JJJ

      So desvirtuando rapidinho:

      To trocando uma ideia num forum gringo, e os caras me passaram a receita de amarelar knobs com cafeina.
      E nao é que funciona? Se eu achar seu topico, te conto a magica, se ainda quiser testar por mais uma 7ª vez.

      JJJ
      Veterano
      # 06/set/17 10:27
      · votar


      Buja

      café de novo?!?!?! hehehe

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 10:28
      · votar


      JJJ
      Serio, cafe, rsrs

      JJJ
      Veterano
      # 06/set/17 10:30
      · votar


      Buja

      Já recebi várias receitas e nada funcionou. A última que falta testar é café solúvel... kkkkkkkkkkkkkk

      Passa aí a receita, pô. Deve ter mais interessados.

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 10:40
      · votar


      JJJ
      Já recebi várias receitas e nada funcionou. A última que falta testar é café solúvel... kkkkkkkkkkkkkk

      Passa aí a receita, pô. Deve ter mais interessados.


      Entao há de testar o cafe solúvel, porque funciona mesmo.
      Tem que ser nescafé. O gringo comprou nascafe. Nescafe do forte viu.
      Voce coloca agua so até tampar os knobs, o minimo necessario pra cobri-los, pra que o cafe fique bem forte.
      Sao 3 colheradas bem generosas de cafe.

      Deixa ferver em fogo alto até secar a agua toda. Como diz o Charlie Brown, "...vai ficar so o pó..."
      Deixe descansar até a agua esfriar.
      Vai ver que amarelou.
      Um tikinho só! Mas amarelou.
      Fiz isso mais umas 2 vezes, e deixei descansando de um dia pro outro num pote de toddy escuro.

      Ai sim, amarelou mais. Porem, nao ao ponto de ficar amarelão....Ficou tipo um parchment.
      Deu este contraste:

      http://www.strat-talk.com/attachments/1954-jpg.243679/

      Nada absurdo. Mas tambem nao é branco. Nao tive que lixar nada, nao tive que passar aguarrás, nada.
      Interessante é que a temperatura da agua foi alta, porque notei que os knobs ficaram a ponto de entortar um pouco. Parece que o plastico meio que quis amolecer. Mas ficaram normais de novo.

      O cara que passou a receita conseguiu este resultado:

      http://www.strat-talk.com/attachments/img_20170825_200445-jpg.243602/

      Isso eu nao consegui. Diz ele que a guita tinha knobs originais fender. Como meus knobs sao originais Ali, acho que pode ter sido essa diferença.



      Kd seu topico pra nao desvirtuar esse?! Seria interessante eu postar la hoje de noite, porque queria colocar umas fotos.

      NeoRamza
      Veterano
      # 06/set/17 10:46 · Editado por: NeoRamza
      · votar


      Vale ressaltar que essas rachaduras na pintura só acontecem em acabamento em nitro.

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 10:47
      · votar


      NeoRamza
      Vale resaltar que essas rachaduras na pintura só acontecem em acabamento em nitro.

      Sim é verdade.
      Meu antigo chefe tem alguns carros antigos, e já vi isso rolar em alguns dele.
      Pintura nova queima mas nao crackela.

      JJJ
      Veterano
      # 06/set/17 10:50 · Editado por: JJJ
      · votar


      NeoRamza

      Verdade.

      Buja

      Eu não criei tópico... foram só os videos mesmo. Mas tá dado o recado (e não é que era café solúvel mesmo?!? rs).

      MatheusMX
      Veterano
      # 06/set/17 11:07
      · votar


      To trocando uma ideia num forum gringo, e os caras me passaram a receita de amarelar knobs com cafeina.

      Já usei café para amarelar knobs e umas capinhas de captadores.
      O resultado foi ótimo, ficou melhor que aqueles que já vem de fábrica na cor creme.
      O curioso é que tiveram capinhas de captador em que o café não funcionou, mas nas capinhas de captadores da Fender funcionou perfeitamente. As da Fender tem um plástico mais maleável, mas tem capinhas de outros fabricantes que tem um plástico mais rígido, e nessas não ficou legal.

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 11:14
      · votar


      JJJ
      (e não é que era café solúvel mesmo?!? rs).

      Faz o teste ai quando puder. Aquela serie de videos tem que encerrar com um final feliz.

      O curioso é que tiveram capinhas de captador em que o café não funcionou, mas nas capinhas de captadores da Fender funcionou perfeitamente. As da Fender tem um plástico mais maleável, mas tem capinhas de outros fabricantes que tem um plástico mais rígido, e nessas não ficou legal.


      Acho que o detalhe ta ai. O tipo de plastico mesmo.
      Notei que o amarelado so pegou quando o plastico comecou a ficar mais mole. Meio que entortando. Parece que nessa hora ele aceita o cafe, e depois quando esfria, volta ao normal ja com cafe dentro dos moleculas do polimero.
      Eita, fui longe pagando de quimico rsrs

      renatocaster
      Moderador
      # 06/set/17 11:21 · Editado por: renatocaster
      · votar


      MMI chegou no tópico e agora a porra ficou séria, já até saí de fininho pra não ficar passando vergonha...

      MatheusMX
      Veterano
      # 06/set/17 11:26
      · votar


      O bom mesmo é que no tópico de strato nós falamos de les paul, e no de superstrato falamos de strato (vintage, de preferência).

      Buja
      Veterano
      # 06/set/17 11:28
      · votar


      Vou parar de falar de knob de strato tambem.

      E entao, onde estávamos nas super-stratos?

      JJJ
      Veterano
      # 06/set/17 11:31
      · votar


      Buja
      E entao, onde estávamos nas super-stratos?

      Tentando definir que porra é essa.

      NeoRamza
      Veterano
      # 06/set/17 11:32
      · votar


      JJJ
      Tentando definir que porra é essa.

      Ah não, de novo não! kkkk

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Clube das Super-Stratos.

      303.723 tópicos 7.859.516 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital