Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Por que alguns guitarristas enrolam algum tecido em volta do capotraste?

      Autor Mensagem
      impaciente
      Membro Novato
      # 11/jun/17 19:17


      Artistas como o guitarrista do canal 331Erock entre outros usam esse tipo de façanha e gostaria de saber o porquê. Exemplo: https://www.youtube.com/watch?v=tSSMZwqubgw

      makumbator
      Veterano
      # 11/jun/17 19:26 · Editado por: makumbator
      · votar


      impaciente

      Isso pode ter duas funções principais:

      1. Reduzir/eliminar as ressonâncias inarmônicas simpáticas que podem ocorrer entre o capotraste e o poste da corda, e que podem ser capturados pelos captadores do instrumento

      2. Ser usado quando se vai tocar em two hands (e pode ser substituído por produtos específicos para esse fim, como os fretwarp, da Gruv Gear):
      http://www.gruvgear.com/fretwraps. Nesse caso serve também para abafar as ressonâncias indesejadas (mas agora na escala normal do instrumento, e não após o capotraste). Então quando se quer mutar as cordas o músico puxa o abafador até onde deseja, e quando terminou de tocar um trecho de two hands ele recolhe o mesmo para trás do capotraste.

      AFSVilela
      Veterano
      # 11/jun/17 21:30
      · votar


      Opa, veja esse vídeo que explica bem sobre abafadores de corda:
      https://youtu.be/kiyenaLERoY

      thiago stteffen
      Veterano
      # 12/jun/17 10:48
      · votar


      Usar pra uma gravação ou coisa assim, acho que vale a pena, mas deixar isso na guitarra direto acho ruim. Você se acostuma e deixa de tocar procurando tirar um som mais limpinho. Fora que não dá pra usar cordas soltas.

      Delson
      Veterano
      # 12/jun/17 11:46
      · votar


      Eu ia falar que era viadage, mas o makumbator deu uma explicação bem coerente.

      Ismah
      Veterano
      # 12/jun/17 14:57
      · votar


      thiago stteffen

      É uma faca de dois "legumes"... Eu usaria para tocar metal, buscando limpar a sonoridade ao vivo e em estúdio. Mas não usaria pra treinar, da mesma forma que não uso compressor para nivelar o tapping.

      JJJ
      Veterano
      # 12/jun/17 17:28
      · votar


      O cara usa quando​ não sabe as técnicas para evitar que as cordas parem de soar.







      Calma, calma... Tô só brincando!!!

      Lelo Mig
      Membro
      # 12/jun/17 17:51
      · votar


      JJJ

      "não sabe as técnicas para evitar que as cordas parem de soar."

      Eu uso aquelas "chiquinhas" de cabelos, muitas vezes, para "abafar" as cordas... e, de certa forma, você não deixa de estar falando verdades...rs.

      krixzy
      Veterano
      # 12/jun/17 21:16
      · votar


      Lelo Mig
      JJJ
      O cara usa quando​ não sabe as técnicas para evitar que as cordas parem de soar.

      Também é um motivo pra se usar, mas existe situações que é realmente inevitável deixar uma sujeira no som.

      Agora falando sobre esse assunto, eu vejo muito colocarem uma esponja entre as cordas depois do nut, e após a ponte em guitarras de ponte fixa, e realmente não vi motivos pra se fazer isso, fiz alguns testes, procurei ver se poderia ser captado alguma vibração das cordas nesses pontos, toquei com essas espojas pra ver se mudava algo audível, e no fim, achei totalmente inútil, não sei qual a função de colocar essas esponjas nesses pontos.

      makumbator
      Veterano
      # 12/jun/17 22:12 · Editado por: makumbator
      · votar


      krixzy

      Depende do instrumento. Tive um baixo que tinha uma ressonância inarmônica (e bem feia) se deixasse essa parte sem nada. Era obrigatório nesse instrumento ter uma esponja ou algo parecido para abafar, pois se eu tocasse uma nota curta e fizesse um mute corretamente nas cordas do baixo (como sempre fiz) aparecia lá no fundinho essa inarmonia vinda de depois do nut. Era MUITO chato tocar sem um abafador lá perto dos postes das cordas.

      Ismah
      Veterano
      # 13/jun/17 03:54
      · votar


      E os baixos que vinham com uma esponja na ponte? rsrs

      makumbator
      Veterano
      # 13/jun/17 05:18
      · votar


      Ismah
      E os baixos que vinham com uma esponja na ponte? rsrs

      Mas isso era também pra tentar imitar o ataque mais seco do contrabaixo acústico em pizzicato (que tem ressonância, mas menos corpo e sustentação que o elétrico).

      Ismah
      Veterano
      # 13/jun/17 08:17
      · votar


      Eu vi uma vez um Yamaha se não me engano que vinha com isso.

      Depois vi um vivente gravar com um pedaço de bucha de lavar louças. Ainda não testei, mas o dedo coça!

      sandroguiraldo
      Veterano
      # 13/jun/17 08:34
      · votar


      Eu ia falar que era viadage, mas o makumbator manja das viadage...

      Buja
      Veterano
      # 13/jun/17 11:12
      · votar


      No caso de baixo, especialmente o acustico (upright) acho que isso deve fazer uma diferença boa. Agora nunca precisei de espuma nem esponja nenhuma e canto algum. Acho que isso depende muito.

      Itamarwjr
      Veterano
      # 13/jun/17 21:53
      · votar


      Buja
      Depende da construção do instrumento, algumas guitarras precisam até de espuma no meio das molas de trás, que tensionam a ponte.

      Ismah
      Veterano
      # 13/jun/17 22:03
      · votar


      Espuma e óleo, porque se não fica parecendo trem velho entrando em movimento de tanto que rangem... rs

      makumbator
      Veterano
      # 13/jun/17 22:35
      · votar


      sandroguiraldo
      Eu ia falar que era viadage, mas o makumbator manja das viadage...


      Sou um rapaz moderno!

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 14/jun/17 11:31
      · votar


      A dúvida que fica é se é bom usar isso aí ou não.

      Meu professor vetou o uso da "chuquinha", alegando que com isso a gente tende a sujar mais o som, e quando toca sem a "chuquinha" (o que é necessário muitas vezes por conta da corda solta) acabamos sujando o som demais.

      Enfim, na dúvida eu desisti.

      Aliás, se não me engano tem até um vídeo do De Ros que ele fala disso.

      Itamarwjr
      Veterano
      # 14/jun/17 17:02
      · votar


      Felipe Stathopoulos
      Vou tentar ser bem específico na resposta: Usar a chuquinha, abafador, pano, cueca, meia, seja o que for, te vicia a tocar com a mão aberta, ou seja, vc se acostuma a não abafar as cordas.

      Isto cria um músico sem técnica, logo é ruim.

      Ao mesmo tempo, se vc treina sem ela, faz show e tudo, mas dai um dia resolve ir num estudio pra gravar e não consegue eliminar de forma alguma o ruído, dai vc usa a chuquinha, mesmo em show se for necessário, mas o ideal é no dia a dia, ir se aconstumando a tocar sem. Falo por experiência própria!

      Abraço!

      locostras
      Membro Novato
      # 14/jun/17 17:11
      · votar


      o makumba falou tudo

      Ismah
      Veterano
      # 14/jun/17 19:27
      · votar


      Felipe Stathopoulos
      Itamarwjr

      Eu não uso, mas a anos já namoro uma guitarra mais "viada", com floyd rose, uma cor berrante (tiger nas cores pink, neon green ou yelow de preferência) e HSH ou HH, talvez até 7cordas... Voltada mesmo para 80's metal e pretendo usar alguma coisa abafando.
      Eu gosto do som mais sujo, tocar slide sem abafar as cordas (principalmente em afinação aberta), usar ghost notes de cordas soltas e abafadas para efeitos percussivos etc... Mas nessa guitarra aí quero por um abafador, porque o estilo é muito limpo...

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Por que alguns guitarristas enrolam algum tecido em volta do capotraste?

      302.594 tópicos 7.833.137 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital