Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      # Mateus Asato # Moleque bão!

      Autor Mensagem
      ogner
      Veterano
      # nov/14


      Procurei e nao achei nada relevante dele aqui. Pra variar pelamos muito mais os gringos...Normal!! hehehe!!

      Mas nunca é tarde!

      Esse moleque ta indo por caminhos muito interessantes. Gosto muito do som dele!

      Quem não conhece:








      Tem mais coisas no tubo!!

      o/

      geronimo.correa
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      ogner
      Monstro, top.

      Rednef2
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Toca muito.

      Poderia investir em banda, ao invés de musica instrumental de guitarra.

      Maycão
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      ogner

      Cara, eu acompanho o trabalho dele já há algum tempo. Ele tem um som muito bom, um estilo próprio e de muito bom gosto. Mas o que me chamou a atenção primeiro, foi o timbre dele, num vídeo antigo da Santo Ângelo.

      O timbre da tele dele é muito massa. Ele tem um futuro promissor. Bora ficar de olho nele hehe

      Casper
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Muito bom!

      daimon blackfire
      Membro Novato
      # nov/14
      · votar


      colem link ai, tb quero ver isso.

      AllanGouveia
      Membro
      # nov/14 · Editado por: AllanGouveia
      · votar


      mermão, esse carinha é sensacional... porque as musicas são muito bem feitas, passa um sentimento bacana e ele usa timbres lindos (ao meu gosto pessoal)... E o mais mais massa dele é que ele foge dessa praia do fritador (nada contra) e deixa o som dele menos previsível...

      Acompanho o trabalho dele a um bom tempo e torço para que ele cresça sempre mais...

      PS: ogner, que teleca sensacional essa suhr vermelha, é meu sonho de consumo hehe

      De Ros
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      ogner

      Puts, não tinha tópico sobre ele? Que loucura!

      Enfim, o guri arrebenta! Pra mim, ele já pode ser considerado um dos grandes guitarristas Brasileiros, sem sombra de duvida!

      renatocaster
      Moderador
      # nov/14
      · votar


      Cacete, o moleque é um ET! Hahaha, toca demais!

      Calime
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Acompanho a um certo tempo; realmente bem acima da média, toca mto bem e tem um potencial de melhorar ainda mais. Kra novo com uma visão musical madura.

      Rachmaninoff
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Esse moleque é um guitarrista nato. Mas, infelizmente, com esse estilo de música instrumental que ele está seguindo, vai morrer sendo desconhecido pela maioria, sobrevivendo em meio às dúzias de guitarristas "endorsers" e medíocres.

      MauricioBahia
      Moderador
      # nov/14
      · votar


      Pô, excelente!

      Valeu!

      JotaEmidio
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Toca muito, tem uma musicalidade incrível, além de uma boa técnica.

      Hammer
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      esses japas são fera

      cafe_com_leite
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      ogner


      Conheço faz um tempo algumas músicas desse caboclo. O jovem manda muito bem, tem uma técnica refinada, mas não é apelão, faz música e música boa. Tenho um amigo que troca ideia com ele e os comentários é que o japa é gente boa.



      PS: essa música que ele tá tocando no meio do mato ai, boa pacas, preciso ouvir de novo.

      cafe_com_leite
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Rachmaninoff
      Mas, infelizmente, com esse estilo de música instrumental que ele está seguindo, vai morrer sendo desconhecido pela maioria, sobrevivendo em meio às dúzias de guitarristas "endorsers" e medíocres.



      Não. Se o cara curte musica instrumental, deve fazer. Eu penso que o verdadeiro artista deve ter como ultima preocupação o seu publico, o retorno que vai obter de sua arte.

      ederfreire
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Há muito tempo acompanho as paradas que ele posta no youtube, peguei o canal dele praticamente do início.
      A evolução dele tem sido monstruosa e o talento dele tem aumentado de forma assombrosa!
      O moleque é bom mesmo!

      Javé
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Não. Se o cara curte musica instrumental, deve fazer. Eu penso que o verdadeiro artista deve ter como ultima preocupação o seu publico, o retorno que vai obter de sua arte.

      Verdade , melhor que ser uma Malta da vida da rede BOBO

      led123_del321
      Veterano
      # nov/14 · Editado por: led123_del321
      · votar


      Gostei do som... Não conhecia também!

      O legal é que ele é slowhand por opção...

      Vídeo de 6 anos atrás...



      cafe_com_leite
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      led123_del321
      O legal é que ele é slowhand por opção...


      Olha como essa dicotomia de sheddrer x slowhand vem confundindo as coisas.


      O Mateus Assato não é slowhand nem aqui nem na China. Os slowhand que eu conheço não têm culhões pra tocar isso aqui não:






      Aceitem, há músicos que estão além dessa ideia tonta de discussão de FCC slowhand x shedderer.

      led123_del321
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      cafe_com_leite

      Aceitem, há músicos que estão além dessa ideia tonta de discussão de FCC slowhand x shedderer.

      Exatamente... Tava me referindo à versatilidade dele. Por isso que eu disse opção...



      Rachmaninoff
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      cafe_com_leite
      Se o cara curte musica instrumental, deve fazer. Eu penso que o verdadeiro artista deve ter como ultima preocupação o seu publico, o retorno que vai obter de sua arte.

      Falou bonito.

      Mas enquanto o retorno não chega, como o cara põe comida na mesa?

      ogner
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Rachmaninoff
      Mas enquanto o retorno não chega, como o cara põe comida na mesa?
      Dando aula e fazendo gig!! hehehe!!

      Conheço alguns bom, BONS MESMO, musicos/professores aqui no Rio que ganham muito bem...E paralelo tentam e continuam lutando pra divulgar a musica propria deles...Tem tudo que é estilo!!

      É a vida de guitarrista!! hehe

      Lelo Mig
      Membro
      # nov/14
      · votar


      Rachmaninoff

      "Mas enquanto o retorno não chega, como o cara põe comida na mesa?"

      Não conheço o garoto, não sei qual é a dele. Mas, só prá ilustrar, tenho um amigo que é executivo em multinacional da área farmacêutica. Tem um belo studio, com pelo menos 10 guitarras tops na parede, pelo menos 4 amplis dos melhores, uma coleção invejável de latinhas.

      Toca prá karakas, ama música, mas disse que nunca sequer sonhou em ser músico profissional.

      Ou seja, tô dando este exemplo, só prá dizer que nem todo mundo precisa/quer por comida na mesa com música.

      ogner

      O cara é bom mesmo, sem comentários, mas prá mim, melhor do que ser bom é eu gostar...hehehe. Gostei bastante!

      Calime
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Rachmaninoff
      ogner

      Um dos aspectos mais legais de ser um guitarrista profissional em minha concepção é exatamente essa, a vida profissional pode ser bem variada, sem monotonia. O kra pode dar aulas, fazer gigs, ter bandas, gravar, enfim, uma miríade de opções para se trabalhar, algo que para mim é mto legal msm.

      led123_del321
      Veterano
      # nov/14 · Editado por: led123_del321
      · votar


      cafe_com_leite

      Mas não tem nada de "idéia tonta"; é a realidade e é natural. Essa versatilidade, com esse nível de competência, é pra poucos...

      Rednef2
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Calime
      Ruim é achar espaço.

      Ainda mais se você toca qualquer estilo que não seja mais comercial.
      A verdade é que até mesmo o underground anda fraco. Pelo menos aqui em Brasilia um monte de locais pra tocar estão fechando.

      Calime
      Veterano
      # nov/14 · Editado por: Calime
      · votar


      Rednef2

      Entendo seus argumentos, também acho que exista uma carência de espaços, mas é por isso mesmo que acho bacana esse caminho de fazer várias coisas, no intuito de sempre haver algo para se fazer. Supondo que um kra que dê aulas, faça gigs, gravções, monte um home estudio, toque na noite com banda propria e tambem desenvolva carreira solo (haja disposição!), na hora que faltar aluno, o kra se volta pra gig; se faltar aluno e gig, parta pra produção e gravação/jingles....e por aí vai.

      O importante mesmo e a capacitação que o kra tem que buscar para desenvolver as habilidades no mínimo decentes, para não fazer feio, e mostrar as kras, seja em shows, internet(redes socias, youtube), fazendo contatos diversos, se colocando a disposição, organizando workshops. Vital também é ser transparente e responsável, e também ser de fácil trato(gente boa).

      Qse enveredei por esse caminho; uma pena que me faltou mais gana e persistência para tal, além das dificuldades "normais", que toda criança/adolescente tem qdo quer tocar guitarra e gosta de rock(não só rock, mas principalmente) - sendo ainda pior no meu caso, por ter uma família na época qse fundamentalista cristã, onde tudo e todos eram "do mundo", errados e condenados...tenso....Sei que não seria fácil, até por conhecer gente desse meio e ainda ter um certo contato com o mesmo, mas ao menos o meu trabalho não seria encarado como "trabalho" da minha parte, e sim como algo que me traria satisfação.

      JoaoAgs1
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      Finalmente um japa que toca um instrumento diferente de piano.

      Calime
      Veterano
      # nov/14
      · votar


      JoaoAgs1

      A rede está infestada de japas "originais de fábrica" assombrando o mundo das cordas (principalmente o das 6 cordas).



      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a # Mateus Asato # Moleque bão!

      302.601 tópicos 7.833.207 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital