Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Pintura da guitarra

      Autor Mensagem
      Foukez
      Veterano
      # ago/07


      E ae meus amigos da musica.
      To com uma duvida cruel aqui...
      Quando se manda pintar a guitarra em luthier,o timbre da guitarra muda,mesmo que levemente?
      No que a pintura influi?(caso mude o timbre)

      Abraços

      Jason
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      nossa
      não sei se a tecnologia chegaria a tanto
      creio q não kra, nunca vi ninguém se queixando a respeito

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Não sei não cara,ja ouvi falar que quando você pinta uma Fender por exemplo ela perde o valor,isso se deve a perda de originalidade(100% original),mas queria saber se há uma mudança de timbre mesmo que seja pouca...

      two
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Foukez
      Dizem que muda, pois a forma do corpo vibrar altera, assim com dizem que a guitarra sem pintura, direto na madeira tem um som mais vivo. Mas tirando o Eric Jonhson, acho quem ninguem percebe isso só com os ouvidos.

      GAMMOTH
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Bah... duvido alguém notar a diferença de timbre por causa da pintura!

      A única diferença que pode rolar é a seguinte: pinturas com tinta de nitrocelulose, o qual foi traduzido por "laca" e a maioria das Gibson têm, deixam a madeira da guitarra "respirar". Com isso, ela vai envelhecendo, perdendo umidade com o tempo, e deixando o timbre mais conciso. Por esse motivo que o povo tenta justificar preços altíssimos em guitarras antigas porém, todos sabemos que não é só isso que faz a guitarra virar lenda e ter preço caro. É fabricação limitada, marketing e endorsement, etc...

      Mas a maioria das guitars japonesas não têm esse tipo de pintura. As guitarras mais baratas, coreanas, etc, também é raro apresentar esse acabamento.

      bioguitarmetal
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      two

      ahauhahuuhauhahuaua. O Eric, sem dúvida notaria... hauhahuahuahu



      Foukez

      kra, não acredito que a pintura chegue a influenciar de forma consideável no som da guitarra, porém, como o pessoal falou, dependendo da guitarra não vale a pena mecher na "originalidade" dela...

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Dizem que muda, pois a forma do corpo vibrar altera, assim com dizem que a guitarra sem pintura, direto na madeira tem um som mais vivo. Mas tirando o Eric Jonhson, acho quem ninguem percebe isso só com os ouvidos.

      Não sei o quanto minimo é essa diferença,mas eu posso te falar que tenho um ouvido bem sensivel... Mas se for muito pouca mesmo a mudança,eu não ligaria,ou talvez não percebesse

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      A única diferença que pode rolar é a seguinte: pinturas com tinta de nitrocelulose, o qual foi traduzido por "laca" e a maioria das Gibson têm, deixam a madeira da guitarra "respirar". Com isso, ela vai envelhecendo, perdendo umidade com o tempo, e deixando o timbre mais conciso. Por esse motivo que o povo tenta justificar preços altíssimos em guitarras antigas porém, todos sabemos que não é só isso que faz a guitarra virar lenda e ter preço caro. É fabricação limitada, marketing e endorsement, etc...

      Mas a maioria das guitars japonesas não têm esse tipo de pintura. As guitarras mais baratas, coreanas, etc, também é raro apresentar esse acabamento.


      Essa tinta é usada nas guitaras mais baratas?,por exemplo uma Shelter SST-62...

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      kra, não acredito que a pintura chegue a influenciar de forma consideável no som da guitarra, porém, como o pessoal falou, dependendo da guitarra não vale a pena mecher na "originalidade" dela...

      Vc acha que mexer numa Shelter sst-62 vale a pena?

      Foukez
      Veterano
      # ago/07 · Editado por: Foukez
      · votar


      Peço auxilio agora para os lutiers do forum Bertola e Seiji...

      Por favor,vocês acham que vale a pena pintar uma sst-62?
      Qual a melhor tinta que existe para pintar instrumentos,é importada ou se consegue aqui mesmo? por exemplo essa tinta que o nosso amigo GAMMOTH comentou...
      Qual a tinta usada pela Fender?
      Quanto sai a pintura de uma guitarra?
      E o timbre,o que que vocês acham ?

      Abraços

      Stratomania
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Daqui a pouco usar jaqueta vai influenciar no timbre, já que a distância entre corpo/barriga aumenta...

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Daqui a pouco usar jaqueta vai influenciar no timbre, já que a distância entre corpo/barriga aumenta...

      Cara,num disvirtua ainda não,por favor,quero espostas consisas...

      HardRocker_Oitentista
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      O que eu sei, segundo um Luthier, é que pode mudar sim, mas essa diferença é imperceptível para a maioria das pessoas e não vai te fazer ter melhor ou pior timbre.

      LeandroP
      Moderador
      # ago/07
      · votar


      Foukez

      Eu pintei a minha guitarra, que é modelo strato mas não é Fender.

      A única coisa que mudou foi a cor e mais nada. Ela já era pintada e eu só precisei tirar o brilho da tinta com uma lixa d'água fina. Usei tinta automotiva pra pintar (preto-cadilac).

      GAMMOTH
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Foukez: As Fenders geralmente usam a laca de nitrocelulose.

      Mas, meu, desencana de que isso mudaria o som! Não é perceptível!

      E além disso, tua guitar é uma guitarra de R$ 600,00. Nem deve ter corpo inteiriço e talvez até seja de compensado de Alder! Pinta com nankim, com tinta guache, que dá na mesma. Se mudar o som, talvez mude até para melhor, ehueuhe!

      Cara, desculpa a alastração, mas não conseguí perder a piada!

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Mas, meu, desencana de que isso mudaria o som! Não é perceptível!

      E além disso, tua guitar é uma guitarra de R$ 600,00. Nem deve ter corpo inteiriço e talvez até seja de compensado de Alder! Pinta com nankim, com tinta guache, que dá na mesma. Se mudar o som, talvez mude até para melhor, ehueuhe!

      Cara, desculpa a alastração, mas não conseguí perder a piada!


      Caraco,tu avacalho a guita agora...,compensado de alder?

      Vo abri um topico soh pra tira essa duvida de que porra eh essa de que tudo quanto eh guita eh de compensado...

      GAMMOTH
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Foukez: Hahaha! Você acha que não existe isso?

      Meu, é o seguinte: guitarras baratas, quando não são de compensado (laminado), são de vários pedaços colados de uma certa madeira. Isso facilita a produção e barateia custos.

      Desculpe-me da maneira direta, mas o que quis dizer é que, você deveria se preocupar se a tinta influencia o timbre se você tivesse uma guitarra de, no mínimo, uns R$ 10.000,00 para cima! Essa Shelter pode ser legalzinha, mas não adianta querer comparar com guitarras top, entendeu? Pinta ela com uma boa tinta resistente, que dê um bom acabamento, e pronto!

      Vai por mim: tentei recuperar uma Golden uma vez. Ela até ficou com timbre muito bom, mas a construção, o projeto dela em si, não valeu a pena! Gastei grana a tôa, pois tinha guitarra de cedro, braço de maple, escala jacarandá brasileiro, captadores DiMarzio, tarraxas Gotoh, tudo perfeito e maravilhoso. Puta timbre! Mas ela desafinava toda hora, trastejava e era dificílima de regular. Além disso, a tocabilidade era péssima.

      Henrique S.
      Veterano
      # ago/07 · Editado por: Henrique S.
      · votar


      GAMMOTH


      Foukez: As Fenders geralmente usam a laca de nitrocelulose.


      Não, as fender VINTAGE, ou Reissue, ou alguns signature models (como a EJ) são em Nitrocellulose Lacquer, mas as "comuns" (American STD) são em PU (Polieuretano Bicomponente)...

      são de vários pedaços colados de uma certa madeira. Isso facilita a produção e barateia custos.

      A Fender faz a mesma coisa auhahuhuahuahuahuahua

      GAMMOTH
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Henrique S.: São raras as guitars com corpo inteiriço. Minha Gibson Flying V também é feita de duas partes. As Les Paul também. Quanto mais pedaços, mais barato vai ficando, eheh!

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      São raras as guitars com corpo inteiriço. Minha Gibson Flying V também é feita de duas partes. As Les Paul também. Quanto mais pedaços, mais barato vai ficando, eheh!
      Quais são as guitarras feitas de 1 pedaço só?

      As Fender são feitas em quantas partes?

      alfredmad
      Veterano
      # ago/07 · Editado por: alfredmad
      · votar


      Foukez

      A maioria sim, mas a Fender e outras empresas nem se dão mais ao trabalho de informar, já que é uma prática comum na construção de guitarras (e de muitos outros instrumentos) e o corpo da guitarra continua sendo "solid".

      As corpo das Fender normalmente possuem 2 pedaços, ou de alder ou de ash. Há algumas tbm que possuem tampo de maple.

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      As corpo das Fender normalmente possuem 2 pedaços, ou de alder ou de ash. Há algumas tbm que possuem tampo de maple.

      As fender são feitas de 2 pedaços??????????????/

      Existe alguma guitarra que é 1 pedaço só?

      MANFREDINI
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      á meu Deus, pinta aguitarra para ficar bonita do jeito que você quer, depois se você notar mudança de timbre eu te dou uma Fender, a que você escolher, pode ser até Pré-CBS (eu roubo aquela daquele gordo mentiroso que enganou todo mundo aqui, o que disse que achou na casa do avô dele e que ele ia dar para o filho da empregada auhhauhshauhs)

      MANFREDINI
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Existe alguma guitarra que é 1 pedaço só?
      se você mandar fazer no Luthier sim, caso contrario não, as boas mesmo são feitas de 2 ou 3 peças, tanto guitarras quanto baixos (geralmente Gibson, Fender, algumas Dolphins antigas quando eles não copiavam os modelos famosos de instrumentos e os instrumentos eram bons, aquela marca que o baixista do Deep Purple usava, e etc)

      GAMMOTH
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      MANFREDINI:

      cara, deve ter bastante guitarra de corpo inteiriço mesmo quando não são feitas em luthiers, guitarras de marcas mesmo. Mas sempre são aquelas signatures top de linha, coisa que raramente chega ao Brasil por serem muito caras.

      Existem também aquelas de corpo + braço inteiriço!

      B.Frusciante
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Se eu não me engano, algumas Fenders(algumas custom shop e as esquires), as Gibson SGs e as PRSs têm o corpo feito de apenas um pedaço de madeira sólida

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Existem também aquelas de corpo + braço inteiriço!

      Nossa,isso deve ser loko...

      GAMMOTH
      Veterano
      # ago/07 · Editado por: GAMMOTH
      · votar


      Foukez: Naquelas. Pense bem, se a guitarra for de ótima qualidade, até valeria a pena. Se for uma guitarrinha de até R$ 2.000, eu ficaria com um pé atrás. Se der algum empenamento em braços colados ou inteiriços, imagina o trampo que é arrumar!!!

      Quanto maior o teco de madeira para fazer a guitarra, maior o controle de qualidade deve-se ter para pegar um teco bem seco de madeira que não empene. Por esse motivo, também, que as guitarras com vários pedaços são mais baratas, pois eles exigem menos controle de qualidade.

      Só que muitos estão falando disso aqui no fórum em diversos tópicos e ninguém comentou ainda que o uso de madeiras diferentes no corpo geralmente é para se atingir um timbre específico! Por exemplo, a clássica combinação Mogno com tampo em Maple, além de deixar a guitarra mais leve, pois o Maple é muito pesado, ela proporciona a resposta aberta e cheia de médios e agudos do Maple com os graves e médio-graves ressonantes do Mogno. A intenção principal desta montagem em guitarras como as Gibson LP é atingir timbre, e não baratear custos.

      Foukez
      Veterano
      # ago/07
      · votar


      Só que muitos estão falando disso aqui no fórum em diversos tópicos e ninguém comentou ainda que o uso de madeiras diferentes no corpo geralmente é para se atingir um timbre específico! Por exemplo, a clássica combinação Mogno com tampo em Maple, além de deixar a guitarra mais leve, pois o Maple é muito pesado, ela proporciona a resposta aberta e cheia de médios e agudos do Maple com os graves e médio-graves ressonantes do Mogno. A intenção principal desta montagem em guitarras como as Gibson LP é atingir timbre, e não baratear custos.

      Legal isso que vc falou,não sabia...

      -Saved
      Membro Novato
      # 06/ago/17 10:20 · Editado por: -Saved
      · votar


      Alguém ja tentou pinturas furta cor? Nao que eu goste muito, mas achei interessante... JJJ?



      Tentei achar esse termo em inglês e foi fail total...

      .

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Pintura da guitarra

      303.930 tópicos 7.864.292 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital