Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Baixo activo ou passivo? Qual preferem?

      Autor Mensagem
      eltonbass
      Veterano
      # mar/07 · Editado por: eltonbass
      · votar


      Gui
      tb gosto desse som "sujo"!

      TugaBass
      Veterano
      # mar/07 · Editado por: TugaBass
      · votar


      THE BASSMAN
      Acho que é uma boa escolha, mas o Ibañez também não é mau. É tudo uma questão de preço.
      Abraço.

      GugaBass
      É! Não há duvida que o circuito activo dá-nos muito jeito. O melhor é mesmo nós podermos escolher conforme o caso!
      Abraço.

      marcioazzarini
      É mesmo! Passivo e activo... o que interessa é que toque bem e nos sintamos bem. Mas sabes que toda a base de concepção do Roscoe Beck, vem do JazzBass. Os pickups é que foram desenvolvidos para poderem trabalhar em single, humbucker, série ou paralelo. Foram criados por Bill Lawrence. Basicamente, é um jazzbass passivo com o dobro dos pickups e com uma electrónica retocada e mais versátil.
      Abraço.

      eltonbass
      Pois! Realmente não tinha percebido. Eheheheheh!
      Mas o gosto no som é uma coisa gira! É tão pessoal que não tem discussão possivel.
      Abraço.

      Gui
      Pois é! Por mais que queiramos, não conseguimos tirar um som redondo de um passivo a tocar com um activo. Não mesmo. Nem com processadores e cabinets... nada mesmo.
      Abraço.

      Gui
      Veterano
      # mar/07
      · votar


      TugaBass
      exato...é tecnologia demais...pra conseguir a mesma simplicidade!!=D

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # mar/07
      · votar


      TugaBass
      Sempre preferí os baixos passivos pelas seguintes razões: fidelidade timbrística à madeira (não que os ativos não respondam à isso, mas, dada a amplificação do sinal, essa fidelidade é menor). Estabilidade no timbre (baixos ativos mudam de timbre conforme o gasto da bateria, passivos não). Simplicidade do circuito (Lei de Murphy: "...quanto maior a complicação, maior a possibilidade de defeitos..."). Certa dose de tradição (todos os grandes timbres de baixo que gosto, são de baixos passivos).
      Abç

      TugaBass
      Veterano
      # mar/07 · Editado por: TugaBass
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola
      Concordo em parte com o que dizes! No que toca à madeira, ela de facto conta sempre quer seja passivo ou activo... e depois pagamos sempre mais se a madeira usada no baixo for de melhor qualidade, o que faz sentido... o pior é que já se fazem baixos que não são em madeira... pois é, mas olha que o facto de termos muita tecnologia não quer dizer que tenhamos mais problemas... por vezes resolve-nos todos os problemas... Ah pois é!!!

      Eu, como tenho baixos actívos e passivos, sou sempre suspeito se disser que gosto mais de uns que de outros, por isso é que me lembrei de colocar este tópico... é que eu gosto e uso tanto uns como outros e gosto de todos da mesma maneira.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # mar/07
      · votar


      TugaBass
      Depende da tecnologia.
      Quando vc tem simplicidade e efetividade, qualquer problema é de fácil resolução. Geralmente problemas em circuitos ativos implicam na troca do circuito ou de componentes caros e cuja troca só pode ser feita por um técnico específico e especializado; ou seja, vc pagará mais caro.
      Exemplo: Carros com injeção eletrônica são melhores? Sim. Mas quando dá defeito vc tem que pagar uma "grana preta". Em meu carro com carburador (que aliás funciona muito bem!), qualquer probleminha, ou eu mesmo conserto, ou gasto no máximo R$ 50.
      Abç

      lussvmsbass
      Membro Novato
      # 28/set/17 17:28 · Editado por: lussvmsbass
      · votar


      Boa tarde! sei que o tópico é antigo, mais vai minha opinião. Nos meus 25 anos de contrabaixo já tiver inúmeros ativos. Depois que comecei a tocar para valer nunca encontrei um baixo ativo que tivesse um som bom como de um baixo passivão dos bons, nem chegam perto. Outra coisa nunca vir um som definido, pesado e preciso da nota E solta de um bom baixo 4 cordas passivo ser possível em um baixo de 5 cordas. Já gastei dinheiro de comprar um carro com baixos ativos. Tenho dez anos que toco com um passivo e ele não me dar dor de cabeça e hoje já pude comprar mais que um carro? O difícil é encontrar um baixo passivo que tenha o seu som e supra todas as suas necessidades de forma eficiente. Não sou o dono da razão e já tenho idade suficiente para saber que quando achamos que sabemos tudo paramos imediatamente de aprender e evoluir. Só estou contribuindo com minha experiencia de vida. Abç

      Buja
      Veterano
      # 28/set/17 17:38
      · votar


      lussvmsbass
      Falou a mais pura verdade.
      Desde que quando toco baixo, a quase 20 anos, nunca vi realmente um baixo ativo que eu ficasse louco com o som. Na verdade, acho que os baixos ativos, ainda mais os de 5 cordas, com um som um tanto quanto generico, sem alma, sem vida.
      Todos tem o mesmo timbre...pumm...pumm...pumm.

      Ja um jazz bass de verdade, até mesmo o de 5 cordas, soa lindo num slap. Tem vida.
      Um precision bem tocado tem punch, tem força. É muito gostoso ouvir um precision com um pizzicato bem tocado, consistente.
      O ronco de muitos baixos passivos me encanta.

      Ja os circuitos ativos, que costuma flatar e capar as frequencias, soa igual tanto no metal quando no forró. Nao curto isso.;

      lussvmsbass
      Membro Novato
      # 28/set/17 17:38
      · votar


      Sou mais investir num bom amp com saída para mesa. O baixo tem que ser primeiramente confortável, adapte bem as suas mãos e seu corpo e não possa causar lesões futuras e tenha o seu som pronto. Blz

      lussvmsbass
      Membro Novato
      # 28/set/17 17:52
      · votar


      Buja, estava com receio de alguém até se irritar comigo. Concordo plenamente melhor captação é precision. Na foto do meu perfil estou com um Warwick ativo mais nem uso é reserva caso estoure uma corda no show, Meu titular é um baixo que fiz sob encomenda a dez anos que só foi necessário porque queria um baixo bem levinho pois toco por mais de 1;40hs em média. Mais não tem pra ninguem precision . Você já viu um comentário do baixista PJ do Jota Quest que quando ele vai gravar e nada mais dar certo ele manda logo trazer o precision e resolve. KKKK Abç meu amigo!

      Buja
      Veterano
      # 28/set/17 17:58
      · votar


      Os melhores timbres de baixo que ouço nas musicas que gosto foram feitos com jazz e precision, alguns music man antigos, acho que sao passivos.

      Som de baixo roncando gostoso mesmo é num precision num ampão potente gallien krueger na sua cara. Cara, é de arrepiar. Experiencia unica na vida.

      makumbator
      Veterano
      # 28/set/17 18:12
      · votar


      Buja

      Eu prefiro baixos em que se tem os dois, ativo e passivo. Pra mim é o ideal. Tenho um baixo assim e pra mim é importante ter as duas opções ao alcance de um botão. Para determinadas coisas prefiro ativo, e pra outras o som do passivo.

      Engraçado que o som que menos gosto (dentro dos grandes padrões de som de baixo) é justamente o precision. Mas o som de jazz bass por outro lado eu adoro.

      Buja
      Veterano
      # 28/set/17 23:20
      · votar


      makumbator
      Curto demais o som do jazz. Jazz bass 61 é um mito!

      Mas precision tem O grave...aquele som que ronca...que voce ouve no country, que ouve no rock, bicho, é bao demais da conta sô.

      Aquele boomrrrr...boomrrrr...boomrrrr...bate no peito...é o precision.

      Hoje, sei la, se fosse pegar um excelente bass, só passivo, pegaria um precision. Ou um desses que é meu...sonho nao..desejo só:

      http://basschat.co.uk/uploads/monthly_03_2010/post-6465-1270043217.jpg

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Baixo activo ou passivo? Qual preferem?

      303.518 tópicos 7.854.207 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital