Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Steve Jobs recusa abrir loja da Apple no Brasil + TI no Brasil

      Autor Mensagem
      izzystradlin
      Veterano
      # mar/10


      Fonte = http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u706923.shtml

      O executivo-chefe da Apple, Steve Jobs, teria recusado um convite do governo do Rio de Janeiro para abrir a primeira loja oficial da Apple no Brasil.

      O secretário Washington Fajardo, da Secretaria do Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro, teria oferecido espaço na região da Zona Portuária ou em prédio histórico do centro da cidade.

      No entanto, Jobs respondeu que "Não podemos nem exportar os nossos produtos com a política maluca de taxação superalta do Brasil. Isso faz com que seja muito pouco atraente investir no país." Ele teria dito ainda que "muitas companhias high-tech se sentem assim também".

      A informação consta na coluna "Gente Boa", do jornal "O Globo", deste sábado. A assessoria da Apple no Brasil disse que ainda não pode confirmar a informação.


      ---------------------- // ---------------------

      Tá aí uma grande oportunidade do Brasil crescer fortemente...investir na área de TI (tecnologia da informação)

      pra gurisada que trabalha nessa área, que frequenta aqui o OT sabe que é comum faltar pessoas nas empresas pra trabalhar com isso, as faculdades imploram alunos nos cursos de desenvolvimento e as empresas como a minha, chegam a pegar estagiários no 1º nivel, apostando apenas na boa vontade dos caras....

      se o Brasil fizesse como a Índia fez, investindo forte nesse setor, investindo em fábricas de software, reduzindo impostos e criando parques tecnológicos, seria uma excelente forma de crescimento rápido nesse país, tanto quanto outros que o Lula vem investindo...talvez mais rápido até..

      eu não entendo como um país com a potencialidade do Brasil ainda não se tocou dessa chance que tá perdendo no mundo pra crescer....

      obs.: Outro dia, um ex-professor da facul comentou que no Canadá, o pessoal prefere mão de obra brasileira do que indiana, visto o perfil do brasileiro...problema é que poucos brasileiros se interessam e tem ingles fluente....

      =/

      dissertem?

      Eric Clapton
      Veterano
      # mar/10 · Editado por: Eric Clapton
      · votar


      "Não podemos nem exportar os nossos produtos com a política maluca de taxação superalta do Brasil. Isso faz com que seja muito pouco atraente investir no país."

      Ele está totalmente certo.

      É um absurdo, um Iphone você consegue comprar por 100 doláres nos EUA, aqui você paga mais de dois mil reais...

      Palermo
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      se o Brasil fizesse.....

      Infelizmente acredito que ficaremos sempre no "SE".

      izzystradlin
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      um post da caridade

      ghostbastard
      Veterano
      # mar/10 · Editado por: ghostbastard
      · votar


      a popularidade desse topico vem a justificar seus argumentos.

      LeandroP
      Moderador
      # mar/10
      · votar


      Os EUA não têm moral pra falar de taxação.

      Vai comprar lá um produto brasileiro pra ver quanto custa.

      Eles taxam o nosso produto a ponto de ficar totalmente inviável.

      O troco disso tudo é a pirataria e suas conseqüências.

      Alex Supertramp
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      ghostbastard
      Por que não ajuda a enriquece-lo com seus argumentos então?

      ghostbastard
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Alex Supertramp


      não estou criticando o tópico.

      Estou dizendo que a area de TI ainda é escassa de profissionais qualificados e que dos que não são da area, poucos tem opinião formada sobre o assunto.

      A popularidade do tópico mostra isso, de certa forma isso ainda é um assunto hermético, fazendo com que o tópico receba poucas respostas.

      entendeu?

      izzystradlin
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      ghostbastard
      Estou dizendo que a area de TI ainda é escassa de profissionais qualificados e que dos que não são da area, poucos tem opinião formada sobre o assunto.

      até pra entrar na faculdade o pessoal mal sabe o que significa os cursos..

      é disso que falo...

      o Brasil tá perdendo ou adiando a melhor forma de crescer financeiramente e tecnologicamente falando...

      porque não "populariza" e investe nisso...

      ghostbastard
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      isso.

      Aposto que é mais fácil achar gente que sabe o que um bacharelando em filosofia faz do que um cara de TI.

      Mas acho que isso se deve tambem aos profissionais. Algumas vezes tenho a impressão de que pessoas da area tecnologica costumam esconder conhecimento porque achar que esse glamour faz bem.

      Leo Zanon
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      "Não podemos nem exportar os nossos produtos com a política maluca de taxação superalta do Brasil. Isso faz com que seja muito pouco atraente investir no país."

      Concordo com ele em partes.Eu realmente acho um absurdo as taxas brasileiras.È incrível como um produto norte-americano tem um puta dum aumento de preço quando entra no Brasil.Mas acho que ele recusando isso, acaba "ferindo" um pouco a imagem da Apple.

      Simonetti
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      izzystradlin
      política maluca de taxação superalta do Brasil. Isso faz com que seja muito pouco atraente investir no país

      O pior é que ele está absolutamente certo.

      Nossa política tributária está nos deixando à margem do desenvolvimento tecnológico.

      Será que acham que o Brasil um dia será capaz de desenvolver tecnologia eletronica de ponta, e competir com Japão, EUA, etc? Jamais! Que mal há importarmos isto tudo?

      Se o Brasil assumisse sua identidade de um país agropecuário e investisse pesado nesta área (primeiramente matando o MST, depois subsidiando pesquisas na área agrícola e pecuária), ninguem nos seguraria.

      Tecnologia e combustível muitos vivem sem, mas sem comida é impossível viver, e o Brasil tem tudo para ser o principal produtor de alimentos do mundo.

      Daí, que se foda a tributação sobre eletrônicos, desde que a receita seja compensada pela exportação de alimentos.

      O Brasil é o maior produtor mundial de grãos, no entanto 10% da produção é - literalmente - perdida pois estragam nos silos de armazenagem e até nos portos.

      Jani Kristian Liimatainen
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      E o pior de tudo é que dizem que o Brasil vai se tornar umas das potências, mesmo com essa taxação toda.. isso é um absurdo e faz com que os políticos achem que isso não tá tão errado assim, vão se foder, pqp, país de merda

      ghostbastard
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Simonetti
      primeiramente matando o MST


      cara, eu sempre achei legal suas respostas. Mas achei isso horrivel.

      LeandroP
      Moderador
      # mar/10 · Editado por: LeandroP
      · votar


      Será que acham que o Brasil um dia será capaz de desenvolver tecnologia eletronica de ponta, e competir com Japão, EUA, etc? Jamais! Que mal há importarmos isto tudo?

      Quando a gente tiver uma tecnologia de ponta (como se não tivéssemos) os países como EUA vão taxar tudo (e já fazem isso).

      Não vendemos mais do que poderíamos porque eles no taxam também, e de forma desonesta.

      Falo de um modo geral, não apenas relacionado a assuntos de informática.

      TerraSkilll
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Simonetti
      Quanto a subsidiar pesquisa agrícola, a Embrapa já faz um excelente trabalho há um bom tempo. Quanto ao MST, não opino ainda. A produção agrícola é a que salva nossa balança comercial (garantindo nosso superávit desde sempre, se não me engano), mas acho que não depender dela é uma faca de dois gumes, podendo ser nossa salvação ou perdição. E a perda de produção agrícola deve estar bem acima de 10%.

      LeandroP
      Quando a gente tiver uma tecnologia de ponta (como se não tivéssemos) os países como EUA vão taxar tudo (e já fazem isso).

      Não vendemos mais do que poderíamos porque eles no taxam também, e de forma desonesta.

      Falo de um modo geral, não apenas relacionado a assuntos de informática.

      Bem colocado. Basta ver o protecionismo como no caso do aço e, mais recente, do algodão (no qual os EUA passaram por cima de uma decisão da OMC).

      Comercialmente, a Apple está certa. Se não é atrativo investir em um negócio aqui, não é por caridade que eles vão fazer. Isso pode ser tanto um problema (para os fãs da Apple) quanto uma oportunidade (para a concorrência), basta enxergar isso.

      Simonetti
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      LeandroP

      Entendi seu ponto de vista, mas veja bem: no campo da eletronica e TI, os EUA e outros já possuem empresas ultra-high-tech a quem o Brasil não chega aos pés. E mais: eles possuem investidores que estão afim de investir nisto mesmo que a fundo perdido.

      Nós possuimos empresas de FABRICAÇÂO, mas poucas de pesquisa e desenvolvimento de eletronico. Aqui em MG tem uma fábrica da PheeHong que fabrica placas-mãe da Pc Chips, AS Rock e Gigabyte. São todas quase iguais, mas estão longe de serem equipamentos de 1ª linha. São estas que os computadores da Itautec, Positivo, etc usam, para poderem se beneficiar dos descontos do Processo Produtivo Básico.

      Ou seja o PPB existe mas se formos analisarmos a fundo, são tecnologias que no exterior já estão obsoletas há muito tempo.

      Nós tempos empresas imbatíveis no setor da pesquisa agrículas. Universidades como UFMG, Viçosa, Lavras, etc (para citar as que conheço bem) desenvolvem muita coisa que o mundo fica com inveja. Sem contar na EMBRAPA, que é a empresa mais avançada do mundo em pesquisas agropecuárias.



      ghostbastard
      cara, eu sempre achei legal suas respostas. Mas achei isso horrivel.

      Obrigado e foi ruim mesmo. É que na hora me lembrei do ataque que o MST fez ao Embrapa, há alguns anos, em que destruiram mais de 100.000 mudas que eram resultado de uma pesquisa de anos. Aquele ataque deles nos fez perder muito know-how e dinheiro, e... pra que? O que ganharam com isto? O que alguém ganhou com o ataque deles?

      O MST tá virando uma facção criminosa, com Zé Rainha e sua corja. A idéia inicial era boa, mas está totalmente desvirtuada hoje em dia.

      Eu sou defensor ferrenho de empresas como EMBRAPA, pois vejo nela uma das maiores chances que o Brasil tem de se projetar como desenvolvedor de tecnologia... só que não é tecnologia eletrônica, mas sim agricola.

      ghostbastard
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Simonetti

      Não sou um defensor ferrenho do MST, porem tenho minhas reservas à tecnologia agricola e seu namoro com o agronegócio. Tanto que trabalho numa ONG que defende a agricultura familiar.

      Entre as Monsantos da vida e a Agroecologia, fico indubitavelmente com a segunda.

      Simonetti
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      ghostbastard
      defende a agricultura familiar
      Monsantos da vida

      Eu acho que existe espaço para ambos, embora no papel sejam coisas que se opoem.

      A agropecuária para subsistência (familiar ou de pequenas comunidades) é uma idéia fantásticas, mas está sendo acachapada pelo fluxo migratório do campo para os centros urbanos. Isto é um ponto que o governo precisa atacar com urgência. Isto é o que começou a causar os bolsões de favela pra começo de conversa. De repente parece que ninguém que mais se dedicar à vida no campo.

      As Monsantos da vida, por mais malignas que pareçam, possuem um papel importante na balança comercial do país, e são - infelizmente - necessárias. Com alterações genéticas ou não, sementes híbridas ou não, é necessário que se maximize a produção por m² da terra. É isto ou o uso de mais área, o que traria mais desmatamento.

      makumbator
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      ghostbastard

      Meu pai trabalhou como pesquisador da área de gado leiteiro na Embrapa desde 76 até o ano passado(quando se aposentou). A coisa que a empresa mais se dedica é com a agricultura familiar(aliando à técnicas modernas e mais informação). Mas sempre esbarram na questão da pouca educação formal da maioria dos produtores(se ainda é assim hoje, imagina na década de 70?).

      A Embrapa desenvolve atividades para fomentar o agronegócio, mas nunca abandonaram os projetos de agricultura familiar. É um dos pilares dos pesquisadores.

      LeandroP
      Moderador
      # mar/10 · Editado por: LeandroP
      · votar


      A Embrapa desenvolve atividades para fomentar o agronegócio, mas nunca abandonaram os projetos de agricultura familiar. É um dos pilares dos pesquisadores.

      E que coloca a comida no nosso prato... Porque eu não quero me alimentar de chips.

      De repente parece que ninguém que mais se dedicar à vida no campo.

      Esse é o meu medo. Já pensou em comer um "simulador de alface" ?!

      [desculpe-me pessoal... só tô falando bobagem.. foi mals... coisa de otense]

      ghostbastard
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Simonetti
      está sendo acachapada pelo fluxo migratório do campo para os centros urbanos

      estamos tentando um projeto pra trabalhar nessa area.

      makumbator


      legal. Confesso que sei pouco sobre a Embrapa.


      estamos desvirtuando.

      makumbator
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      ghostbastard
      estamos desvirtuando.

      só um pouquinho...hashahas! Fomos de Loja da Apple para MST, agricultura familiar e o escambau...hahaahs!!!

      White G3
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      Desvirtuaram o tópico.

      kkkkk

      izzystradlin
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      produção de elementos eletrônicos sei lá, pode até funcionar...

      eu estou falando da área de TI, desenvolvimento de tecnologias e softwares de qualidade, que o Brasil não consegue atender nem o próprio mercado interno de empresas que necessitam de softwares diversos...imagina exportar...

      como eu disse...a Índia investiu nisso facil facil e se deu muito bem!

      izzystradlin
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      White G3
      Desvirtuaram o tópico.

      kkkkk


      prefiro a desvirtualização deles com pontos de vista interessantes do que um "kkkkk" inútil como o seu...

      LeandroP
      Moderador
      # mar/10
      · votar


      prefiro a desvirtualização deles com pontos de vista interessantes do que um "kkkkk" inútil

      Ian Anderson
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      alunos nos cursos de desenvolvimento e as empresas como a minha, chegam a pegar estagiários no 1º nivel, apostando apenas na boa vontade dos caras....

      onde isso? aqui eh raro ter um emprego visaando a Eng. da computação, eh programação (Java / C# / VB / Delphi)

      Simonetti
      Veterano
      # mar/10
      · votar


      izzystradlin
      como eu disse...a Índia investiu nisso facil facil e se deu muito bem!

      O investimento lá não começou nas empresas, mas sim nas faculdades. A primeira coisa foi arrumar investidores para investirem em cursos tecnológicos de ponta.

      Aqui estamos também vendo o contrário disto! Nossas faculdades de tecnologia estao cada vez piores. O governo investe em ProUNI mas não investe na educação média de qualidade.

      Sem contar que a mão de obra na Índia é ainda mais barata do que é no Brasil, e muito mais qualificada.

      Brasil é um país ao contrário.

      LeandroP
      Moderador
      # mar/10
      · votar


      Simonetti

      Aqui se constrói casas pelo telhado, ao invés dos alicerces.

      Devo concordar com você.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Steve Jobs recusa abrir loja da Apple no Brasil + TI no Brasil

      303.749 tópicos 7.860.264 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital