Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      A minha área é muuuito melhor que a sua!

      Autor Mensagem
      MajorKong
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: MajorKong
      · votar


      Zuzza
      Vc está dizendo como se todas as particulares não tivessem hospitais. Elas tem, sim

      Não estou dizendo isso. Algumas das melhores faculdades do mundo são particulares. Algumas públicas são ruins.

      O que eu não concordo é essa conversa de "quem faz a faculdade é o aluno". O esforço individual importa e a faculdade também. Isso é tão óbvio que não precisa explicar.

      Lembrando também que o lugar em que você consegue entrar reflete a sua capacidade.

      MajorKong
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Duvido que alguém aqui recusaria uma vaga na USP por uma na Uniban.

      Vocês estão se fazendo de doidos.


      Zuzza
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      MajorKong
      Não estou dizendo isso. Algumas das melhores faculdades do mundo são particulares. Algumas públicas são ruins.
      É a primeira vez que vc diz isso. Se tivesse dito antes, eu não estaria aqui falando e falando ao invés de ir procurar material sobre o sistema nervoso que eu tou precisando... =P


      O que eu não concordo é essa conversa de "quem faz a faculdade é o aluno". O esforço individual importa e a faculdade também. Isso é tão óbvio que não precisa explicar.
      Sim, os dois importam. Mas a diferença entre uma particular e uma pública não é infinitamente diferente na maioria dos cursos. Então eu considero o esforço da pessoa como fator primordial e mais importante do que o nome da faculdade para ele se tornar um profissional qualificado.

      Lembrando também que o lugar em que você consegue entrar reflete a sua capacidade.
      Vou aplaudir em pé o cara que consegue entrar na USP Medicina que tá quase 200 candidatos/vaga. No entando, isso não significa que vai sair de lá um profissional qualificado. Tem tudo para ser, porém vai ter que ralar... Mas ralar muito.
      Assim como não acho que todos que estudam na USP são inteligentes.

      wild.man
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: wild.man
      · votar


      Existem os inteligentes, os estudiosos e os inteligentes-estudiosos (esses são fodas). Sou só inteligente =/

      p.s.: não fiz questão de citar os que não são nenhum dos supra-citados

      MajorKong
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      wild.man
      Eu colocaria mais duas características que influem muito na formação: os metódicos e os proativos.

      MajorKong
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Além dos que têm peixe, obviamente. hahaha

      Bog
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      MajorKong
      Eu sinceramente, se quiserem, chamo até de "vossa majestade".

      Eu não faço a menor questão de ser chamado de doutor. Mesmo. Mas no dia que um médico ou advogado me disser "me chame de doutor", eu vou poder responder "VOCÊ me chame de doutor", hehehe.

      Bog
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: Bog
      · votar


      Zuzza
      Alunos de Medicina são os mais malas do universo acadêmico.

      Cuidado com a generalização... Eu conheci muitos que realmente pensavam que tinham o rei na barriga, mas muitos que não eram bem assim. =P

      um curso que é muito, mas muito inútil (na minha opinião), é moda.

      Hhhahaha, meu irmão estuda moda. (e sim, ele é gay, um verdadeiro estereótipo!) =P

      Apesar de eu não dar a mínima, sei que quase todas as roupas que as pessoas usam estão de alguma forma ligadas a alguém que atua neste setor (com ou sem curso). Mesmo sem escolher com base na moda, o que está disponível para mim é meio que determinado por ela no fim das contas. Claro, temos que ter em mente que nem todos que trabalham com moda vão lá fazer desfiles com modelos magérrimas - assim como nem todo jornalista vai/quer ser o William Bonner.

      Enfim, o curso é útil porque supre uma demanda que existe. Se há quem recebe para fazer algo, é porque há quem pague por isso... Isso vale para medicina ou astrologia, física ou moda...

      Moral da história: como sempre, quem faz a faculdade é o aluno. =P

      Nisso eu "discordo concordando". Acho que a faculdade provê o ambiente onde o aluno pode se desenvolver. Uma boa faculdade precisa ser bem aproveitada pelo aluno para dar um bom resultado.

      [momento metáfora brega]
      Uma boa faculdade é como um bom solo para uma planta chamada "saber". Mesmo em um bom solo, as condições climáticas precisam ser favoráveis, e o aluno deve cultivar o seu saber com cuidado. Mas em um solo estéril (uma faculdade ruim), não há saber que floreça saudável e viçoso.
      [/momento metáfora brega]

      Simplificando, eu acho que o curso não é "O", mas é "UM" fator determinante para a competência do sujeito.

      Bog
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      wild.man

      Hehhe, engraçado que no meu velho trabalho, brincávamos que Engenheiros da Computação eram caras que aprendiam a fazer um pouco de software e um pouco de hardware, mas não faziam nenhuma das duas coisas direito. ;)

      Engenharia de Computação > Ciência da Computação

      Prove.

      Bog
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Uma coisa curiosa que eu notei é como alguns preconceitos surgiram evidentes. E mesmo algumas das comparações esdrúxulas.

      Ao meu ver, comparar áreas inteiras não faz sequer sentido, especialmente em cursos com o currículo meio flexível. O sujeito fala que "Engenharia da Computação > Ciência da Computação", sendo que existem cursos de ciência da computação completamente diferentes entre si - e mesmo disciplinas com o mesmo nome podem ser dadas de jeitos totalmente diferentes. Também já vi engenharia da computação que parecia ciência com um toque de eletrônica, engenharia da computação que parecia engenharia elétrica (!) com um toque de informática...

      A questão de que "universidades públicas são melhores que particulares" tabmém é estranha, ao meu ver, visto que a situação varia de acordo com a universidade. Existem cursos bons e ruins em universidades públicas, e cursos bons e ruins em universidades particulares. Aliás, normalmente existem cursos bons e ruins na MESMA universidade. Simplesmente não vejo como uma comparação dessas pode ser feita.

      Devil Boy
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      E aí, alguém mais conhece áreas onde existem rixazinhas bobocas?

      Bem... apenas em Direito, que e uma area muito extensa e heterogenea, ja da para identificar alguns padroes e estereotipos:

      - Penalistas*: costumam vangloriar-se de trabalhar no ramo mais complexo e erudito do Direito. Adoram fazer grandes discursos e acham-se o simbolo maximo da Advocacia, o verdadeiro suprassumo arquetipico da profissao. O pessoal dos outros ramos juridicos (notadamente os comercialistas) via de regra os considera um bando de canastroes arrogantes pseudo-filosofos e gosta de lembra-los de que seu trabalho nao passa de defender os interesses da escoria da sociedade e que, ao terminar a faculdade, a maior parte deles ira se espremer a procura de trabalho nas portas de cadeia ou em algum escritoriozinho na periferia da cidade.

      - Civilistas: em seus casos mais extremos, se acham "os" historiadores da Roma antiga. Sao capazes de passar o resto da vida estudando a evolucao dos dispositivos legais romanos (que inspiraram a maior parte do Direito Civil ocidental) e ficam indignados que os demais advogados nao falem latim (uma lingua morta!). O pessoal dos outros ramos diz que isso acontece porque o ramo deles e tao chato, cotidiano e lugar-comum que eles nao tem nada mais interessante para fazer alem de pesquisa historica.

      - Constitucionalistas: depois dos penalistas, sao os mais odiados. Acreditam p-i-a-m-e-n-t-e que sao os Guardioes da Sociedade e que seu trabalho e o mais importante e prestigiado de todos: o resto e o resto. Se um deles nao conseguiu virar juiz ou procurador, provavelmente e um profissional frustrado. Alguns tambem chegam a ser adeptos dos grandes discursos teatrais e, quando menos se espera, conjuram versiculos obscuros da Constituicao e sacam todo um arsenal de interpretacoes medonhas e apelos a autoridade de juristas defuntos. Tem tara pelas expressoes "bem comum" e "interesse coletivo".

      - Comercialistas: o sonho de 11 em cada 10 deles e, quando crescer, ganhar montanhas interminaveis de dinheiro trabalhando para as grandes corporacoes. O pessoal dos outros ramos (notadamente os penalistas) diz que eles nao sao advogados coisa nenhuma, mas apenas pequenos empresarios que memorizaram algumas leis uteis e faceis, e que so conseguiram passar nas outras cadeiras e no exame da OAB por sorte.

      - Especialistas em Direito Ambiental ("animais tambem sao gente!") sao considerados um pe no saco por todo mundo. Sem mais.

      Ja em se tratando de Economia e Sociologia, rola tambem algumas animosidades, mas sao mais fruto de disputas academicas do que de "rixas" propriamente ditas.

      Ex.: muitos sociologos dizem (a serio) que a Economia deveria ser transformada em mera sub-area da Sociologia; muitos economistas dizem (a serio) que Sociologia e pseudo-ciencia da braba; economistas novo-classicos gostam de modelos rigidos de equilibrio geral e desprezam os economistas heterodoxos que nao gostam; sociologos marxistas** acusam sociologos funcionalistas de serem "alienados" e "reacionarios"; E por ai vai.

      *Penalista e quem pretende se especializar no ramo Penal, civilista no Civil, constitucionalista em... ah, deu para entender.

      **Para falar a verdade, marxistas fazem isso em qualquer disciplina. E em qualquer lugar do campus. =)

      Alessandra
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      A inútil rixa entre: Psiquiatras x psicólogos.

      Comom se não bastasse, tem as brigas DENTRO daprópria psicologia, que rende altos bate-bocas daqueles fuderosos mesmo nos Congressos especializados:

      Psicanálise x Behaviorismo
      Gestalt x Sistêmica
      Cognitiva x Humanista
      Existencial X Psicodrama
      Psicanálise X Todo o resto da Psicologia


      Coisa linda e cativante ir numa JAC (Jornada de Análise Comportamental) E encontrar um Psicanalista ferrenho que fala que pessoas não são ratos e pronto, já temos brigas iguais no Congresso Coreano.

      Fernando Frehley
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      nem li tudo mas...

      Economistas > Administradores

      Rapha_krust...
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      A rixa de todo o mundo contra quem estuda Ciencias Sociais...

      "Bando de Vagabundo! estudar História...Filosofia...Antropologia pra quê??"

      MajorKong
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: MajorKong
      · votar


      Rapha_krust...
      São os cursos de Ciências da Maconha.

      Ian Anderson
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      (Ciencia da computação + Engenharia da computação) x Tecnologos

      Bando da vagal


      Ciencia da computação
      Realidade: Fazer um software que controle o estoque de loja de ração.

      Perspectiva Futura: Fazer um RPG, e lucrar com ele (provavelmente vai vender ele pra primeira empresa que oferecer algum milhão por ele)

      Engenharia computação
      Realidade: Se tornar Tec em Informatica (ou se converter pra programador ou Adm. de rede)

      Perspectiva Futura: trabalhar numa Multinacional ou na Ceitec (ou tentar fazer sua propria fabrica, e provavelmente vai vender ele pra primeira empresa que oferecer algum milhão por ele)

      Ian Anderson
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      MajorKong
      auhsuaushaushasuhuashuahsuahsuashuashasaasgashyasghyasg

      Oie Jamming

      Rapha_krust...
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      MajorKong
      São os cursos de Ciências da Maconha.


      Tá vendo

      Aced
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Rapha_krust...
      "Bando de Vagabundo! estudar História...

      ¬¬

      Bog
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      wild.man

      Er... e aí, vai provar?

      BokuWa
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Física x Engenharias

      Horcruxes
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      BokuWa
      Física x Engenharias
      São os físicos que são considerados engenheiros frustrados ou o contrário? =)
      [engenheiros não merecem muito o meu respeito. Físicos, por outro lado... xDDDDDDDD]

      BokuWa
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Horcruxes
      Engenheiros dizem isso.


      Segundo consta engenharia é opção da mamãe, e física é falta de opção.

      Horcruxes
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: Horcruxes
      · votar


      BokuWa
      Segundo consta engenharia é opção da mamãe, e física é falta de opção.
      Fato! \o/ (a primeira parte, pelo menos! xD... meu pai queria que eu fizesse engenharia)
      Como eu disse, respeito e muito os caras que seguem física / matemática por opção de vida (até porque eu jamais teria capacidade de fazer isso... tenho uma disciplina de estatística e uma de matemática ainda por vir, e tenho minhas dúvidas se vou sobreviver às duas! xD). Já os engenheiros... bem, vamos deixar o resto dessa frase pra imaginação de vcs. =)

      Rapha_krust...
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Aced
      Só estava exemplificando...eu estudo ciencias sociais...História

      Headstock invertido
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Bog
      brincávamos que Engenheiros da Computação eram caras que aprendiam a fazer um pouco de software e um pouco de hardware, mas não faziam nenhuma das duas coisas direito.

      Hahahaha, não tão bons pra ciencias da computação e nem tão bons pra engenharia elétrica haha

      Mas nesse caso eu não diria "tão bons". Diria que é gosto pessoal. No curso o aluno aprende e tem suporte pra ser um ótimo programador assim como pra projetar sistemas. A grande desvantagem é que no curso em si, aprendemos poucas linguagens (aqui é C, C++ e linguagem de máquina) e durante todo o curso só é estimulado a programação de softweres muuito básicos e primitivos. Basicamente fazer calculos, rodando no DOS ou integrar funções de um hardwere com o sistema operacional.

      Prove.
      Por indução? hahaha

      Bog
      Veterano
      # nov/09
      · votar


      Headstock invertido

      Hehe, mas nós brincávamos, e só. Lá, tinha engenheiros eletricistas, eletrônicos e computeiros, e gente da ciência da computação. Todos tinham o seu lugar, e todos eram igualmente valorizados. Foi onde comecei a ver que muitas vezes esse papinho de "o meu curso é melhor que o seu" não tinha nada a ver. Nenhum curso sozinho daria conta de ensinar tudo o que era necessário para o que fazíamos em conjunto ali - e isso desconsiderando a experiência, que também é essencial.

      Carlos Henrique 2
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: Carlos Henrique 2
      · votar


      No meio profissional da engenharia civil...

      Engenheiros estruturais: ah, engenheiro de obra não sabe nada de estruturas!
      Engenheiros geotécnicos: ah, engenheiro estrutural não sabe nada de fundações!

      Carlos Henrique 2
      Veterano
      # nov/09 · Editado por: Carlos Henrique 2
      · votar


      O engenheiro diz algo fisicamente incorreto, o físico o corrige e resmunga: engenheiros pensam que sabem física mas não sabem porra nenhuma!

      O físico diz algo matematicamente incorreto, o matemático o corrige e resmunga: físicos pensam que sabem matemática mas não sabem porra nenhuma!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a A minha área é muuuito melhor que a sua!

      305.572 tópicos 7.892.492 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital