Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

Caso Sério - Ajuda para amigo viciado (alcool e drogas), o que fazer?

Autor Mensagem
Fernando de almeida
Veterano
# out/08


Caso Sério - Ajuda para amigo viciado (alcool e drogas), o que fazer?

Bom esse é um caso de um camarada que cresceu comigo ... até hoje somos amigos, mas ele acabou se envolvendo nuns lances ruins ...

Sei que existem pessoas que bebem muito e pessoas que dão uns tragos vez ou outra, mas não perjudicam outras pessoas, nem a familia e, num contesto geral, nem a si mesmo ... Não é o caso do meu camarada ...

O caso dele está assim, não consegue emprego porque não terminou o ensino médio, qdo bebe ou uso alguma porcaria, fica todo estúpido ne casa dele (não chegou a agredir ninguém, ainda), dá trabalho pra mãe, pro pai e irmãos (esqueci de falar, só ele bebe e usa porcarias ... nenhum irmão bebe absolutamente nada alcólico ou sequer suporta o cheiro de cigarro comum, que dirá de cheiro de qq outra porcaria) ...

Bom, o meu medo (e da familia) é que isso atinja proporções extremas ...
Procuro qq remédio (líquido ou em pó ou em cápsula) que cause uma reação ruim qdo ele ingerir alcool ou usar alguma coisa (tipo que faça ele passar mal de qq coisa). Espero (e a famila tb) que depois de tanto passar mal ele aos poucos vá abandonando ou perdendo interesse por qq coisa.
Existe algum produto assim???? Que possa ser misturado na comida ou num suco ou qq outra coisa???

Ou vcs conhecem outra solução fácil???

Agradeço qq ajuda.

Abr.

Duvideiro
Veterano
# out/08
· votar


a partir do momento que a dependencia passa de psicológica para fisiologica, o problema agrava bem mais.... ae só com tratamento mesmo....

Ou vcs conhecem outra solução fácil???
não tem.... o melhor é procurar ajuda médica. No estado que ele tá, é dificil sair desta somente com força de vontade (mas que é o mais importante).

mas agora.... se ele não ta afim de ser ajudado.... de largar as drogas..... ai é um abraço

Ch4p0L1N
Moderador
# out/08
· votar


Fernando de almeida
Ou vcs conhecem outra solução fácil???

pergunta se ele quer se recuperar, se disser q sim, coloca numa clínica, se disse que não, manda se fuder

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# out/08
· votar


Fernando de almeida
Velho, infelizmente não existem soluções mágicas.

O tratamento de dependentes, inclusive, não é uma garantia de que ele vá ficar bem. Tudo depende da vontade do cara em ser ajudado. Mas o pior é que nada que você fale ou faça vai despertar nele essa vontade de ser ajudado. Acredite, você pode passar um sermão nele e ele pode até se emocionar naquele momento, mas no dia seguinte, provavelmente, ele voltará a se intoxicar. Há coisas na vida que simplesmente 'precisam' chegar no limite para que algum sino toque na cabeça do cara. O problema é que 'chegar no limite' é algo muito tênue e passar desses limites pode ser fatal.

Sugiro que você, como amigo, consulte a família e oriente em relação ao tratamento. Procurem juntos um centro de reabilitação e peçam orientação de como proceder e como conversar com o sujeito. Creio que seja a única chance de fazer algo que realmente funcione.

Boa sorte.

Kensei
Veterano
# out/08
· votar


Fernando de almeida
Um irmão teve que ir pra clínica, outro, convenci na lábia. Um era alcool, o outro era pó. Via de regra, vcs tem que mostrar pra ele que se importam com ele. Tem que demonstrar amor man..

Izzy Dragon
Veterano
# out/08
· votar


Fernando de almeida
Velho, infelizmente não existem soluções mágicas.

O tratamento de dependentes, inclusive, não é uma garantia de que ele vá ficar bem. Tudo depende da vontade do cara em ser ajudado. Mas o pior é que nada que você fale ou faça vai despertar nele essa vontade de ser ajudado. Acredite, você pode passar um sermão nele e ele pode até se emocionar naquele momento, mas no dia seguinte, provavelmente, ele voltará a se intoxicar. Há coisas na vida que simplesmente 'precisam' chegar no limite para que algum sino toque na cabeça do cara. O problema é que 'chegar no limite' é algo muito tênue e passar desses limites pode ser fatal.

Sugiro que você, como amigo, consulte a família e oriente em relação ao tratamento. Procurem juntos um centro de reabilitação e peçam orientação de como proceder e como conversar com o sujeito. Creio que seja a única chance de fazer algo que realmente funcione.

Boa sorte.
(2)

Cara... imagina que você está morrendo de fome... há vários dias sem comer... dependência química é mais ou menos assim. Na hora que bate a "fome" não tem lição de moral que segure!

thiaguinhu
Veterano
# out/08
· votar


Fernando de almeida
se vc for de Sp, tem um centro de tratamento gratuito ..do Coronel Ferrarini ... que ajuda viciados ...

GiulianoB
Veterano
# out/08
· votar


cara nao tem o que fazer normalmente pessoas que tem tendencia a vicios mesmo apos tratamento acabam recaindo... eh aquele caso do bebum ocasional e do bebum alcoolatra que precisa do alcool para viver, o mesmo vale para drogas, tem gente que consegue conviver com elas, tem gente q se usa uma vez nao para mais.
sorte pro seu amigo ai , só ele pode se ajudar, talvez internar ajudem talvez nao, um emprego, uma namorada, algo assim, pode sim dar uma mudança na vida de alguém. minha opiniao, cada um com a sua e respeito o que importa.

GiulianoB
Veterano
# out/08
· votar


outra coisa importante é descobrir o que o cara anda usando, se for só maconha e alcool é fácil de resolver, o cara nao precisa parar mas tem que aprender a controlar, agora se o nego foi pro pózinho maldito ou para a pedra já era, muito dificil sair do vicio sei por experiencia propria e superei mas com muito esforço.

SeEk AnD dEsTrOy
Veterano
# out/08
· votar


não existe remédio contra isso...e interna-lo numa clínica só vai causar revolta da parte dele, provavelmente qdo ele sair ficará pior ainda...

o remédio é a conversa...junta toda a galera, "prende" esse cara numa sala e falem com ele...
os amigos podem até ser mais positivos para isso que a própria familia...

e claro...depende tbm da força de vontade dele...ele só vai sair dessa se ele quiser

GiulianoB
Veterano
# out/08
· votar


SeEk AnD dEsTrOy

falou e disse cara , to contigo tambem olha o que eu escrevi logo acima...
clinica normalmente deixa o cara mais revoltado, eu ja fui usuario de drogas e conheci muita gente que foi pra essas clinicas e lamentavelmente a maioria tem recaidas logo apos sair, quem se "curou" , se curou por vontade propria como foi o meu caso, claro que existem drogas que causam dependencia fisiologica, drogas injetaveis, crack, etc.. ai complica a coisa por causa da tal crise de abstinencia, agora cocaina inalada(cheiramento de gatinhos), maconha, lsd, extasy, etc.. causam dependencia psicologica, o cara quer usar mas se parar nao vai sofrer como nos outros casos.
Eu acho que o amigo do Fernando precisa encontrar um objetivo na vida normalmente o cara fica nessa por falta de ter o que fazer, desanimo com a vida,o cara pode ate beber e fumar uns baseados, qual o problema?desde que isso nao influencie na sua vida e de outras pessoas, agora se o cara se prejudica e prejudica os outros, familia, esposa e talz, tem q se ligar e dar jeito na situacao...

SeEk AnD dEsTrOy
Veterano
# out/08
· votar


GiulianoB

é, isso msmo...
o vicio fisiológico é mais dificil de ser vencido com ctz, mas assim msmo ele se tocar do que ele faz e QUERER sair disso é o primeiro, e talvez maior, passo.

GiulianoB
Veterano
# out/08
· votar


SeEk AnD dEsTrOy

eh cara normalmente pra tratar vicio fisiologico ja precisa de uso de medicamentos e talz, ja o vicio psicologico eh facil de vencer basta ter força de vontade, no meu caso eu nunca usei nada injetavel e tal eu era viciado em cocaina mas consegui parar por vontade propria, unicas drogas que nunca abandonei foram a erva e o alcool, mas uso muito regularmente e nao atrapalham minha vida, mas tem gente que se fode com alcool, maconha, qualquer coisa, acho que essa questao eh polemica pq cada cidadao se comporta de uma maneira com seus vicios, afinal todos temos vicios, nao é verdade...

_FrEd_
Veterano
# out/08
· votar


Apesar de ser um grande amigo seu, toma cuidado. Eu sei que vc provavelmente n se envolveria com drogas e tal, mas as vezes ele te envolve!

Um colega meu de colégio morreu há 2 semanas num acidente de trânsito. Fui atrás saber do assunto: estavam tirando racha numa rodovia. Além disso, não era ele quem dirigia. Estava de passageiro. O motorista perdeu o controle do carro e bateu num muro. Soh que o mesmo teve apenas ferimentos leves.

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# out/08 · Editado por: Christhian
· votar


SeEk AnD dEsTrOy
GiulianoB
não existe remédio contra isso...e interna-lo numa clínica só vai causar revolta da parte dele

O cara só vai pra clínica por vontade própria. Levar alguém a força, mesmo que seja para tratamento, é crime.

Ninguém sai de uma clinica revoltado e nenhuma recaída é por que o cara ficou revoltado, muito menos sai de lá pior. Alias, ninguém saí curado de clínica nenhuma, mas sim abstinente. As recaídas se dão por conta da dependência, que é permanente. Conta-se até os dias em que se está abstinente, para lembrar constantemente de que se deve ficar longe das tentações ao vício.

A única maneira sensata de se ajudar alguém, é buscando orientação especializada. Vício em drogas ou álcool não é nenhuma brincadeira.

Grow
Veterano
# out/08
· votar




GiulianoB
Veterano
# out/08
· votar


Christhian

concordfo com vc que internar a força é crime, nestes casos o cara sai de lá pior que entra, quem vai pro vontade propria é outra historia, mas infelizmente acabam recaindo depois sao as estatisticas que comprovam isso nao eu... ja estudei muito sobre essas paradas é algo muito complicado.. depende muito que ja tem uma pré-disposiçao pro vicio, nao adianta, sempre vai ta metido com alguma porcaria, seja ela tabaco, alcool, maconha, heroina, jogos de azar, etc... o problema maior é quando o cara nao quer se ajudar ai nao tem o que fazer, tem amigo meu que foi colocado em clinica e saiu na sexta feira a tarde e no mesmo dia a noite já tava com o arpão enfiado no braço de novo ai nao tem o que fazer...
alcoolatra e maconheiro nao precisa de clinica basta ter consciencia do que ta fazendo e se nao quiser parar totalmente, faça como eu, se controle e nao deixe os vicios tomarem conta de voce, mostrar quem manda na birita e no breu é a questao.
agora drogas quimicas fortes a conversa é outra ja complica mais, muito mais mesmo, sei por experiencia propria.

maggie
Veterana
# out/08
· votar


Ou vcs conhecem outra solução fácil???
Depende dele.

Ele tem que QUERER sair dessa, se dar conta que está se prejudicando, além da família e dos amigos.
Esse é o primeiro passo. E talvez o mais difícil.

Se ele não conseguir parar sozinho, sugiro procurar ajuda profissional.

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# out/08 · Editado por: Christhian
· votar


GiulianoB
mas infelizmente acabam recaindo depois sao as estatisticas que comprovam isso nao eu...

Falho. Fonte das estatísticas?
Todo tipo de tratamento incorre em recaídas, até mesmo de Transtorno do Pânico. Mas mesmo assim, uma pessoa que busca ajuda tem muito mais chances de ficar abstinente. Quem não busca ajuda está condenado a definhar, até morrer.

alcoolatra e maconheiro nao precisa de clinica basta ter consciencia do que ta fazendo e se nao quiser parar totalmente, faça como eu, se controle e nao deixe os vicios tomarem conta de voce

Falho. Todo tipo de droga, incluindo a nicotina causa dependência física, consequentemente, Sindrome de abstinências. Não é possível se tratar sozinho. Essa papo de que álcool e maconha não viciam é balela.

Estatísticas nem vem ao caso, mas o fato é: Senão buscar ajuda, não tem chance. Mas alguém que se trate, mesmo que incorra em recaídas, além de ter MUITO mais chances de se tratar, pode e deve ser valorizada, por que de alguma maneira teve a consciência de que seu vício não é só ruim para si mesmo e teve amor ao próximo, inclusive, buscando ajuda.

GiulianoB
Veterano
# out/08 · Editado por: GiulianoB
· votar


Falho. Fonte das estatísticas?

cara o google tá ai, e ja vi muita coisa na tv sobre isso, mas isso nao vem ao caso.
editando : quero deixar claro que nao sou contra as clinicas de reabilitaçao, mas infelizmente há muita reincidencia a curto ou longo prazo, ja vi uma série sonre isso na tv tem um tempo ai...
acho que grupos de ajuda como AA e narcoticos anonimos tem mais efeito que clinica... além é claro, da mais poderosa ajuda que o cara pode ter, a dele proprio, o dia que ele acordar e ver a merda que tá fazendo !

leandro rodrigues
Veterano
# out/08
· votar


Fernando de almeida
Ou vcs conhecem outra solução fácil???


Sim!

Parar de beber e ter vergonha na cara

canarinho
Veterano
# out/08
· votar


Fernando de almeida
Caso Sério - Ajuda para amigo viciado (alcool e drogas), o que fazer?

Se voce quizer e ele quizer mais ainda, voce pode trazer ele que eu consigo interna-lo em uma casa de recuperação. A instituição é séria e boa. Casa do Oleiro centro de recuperação para dependentes quimicos.

canarinho
Veterano
# out/08
· votar


GiulianoB
nao sou contra as clinicas de reabilitaçao, mas infelizmente há muita reincidencia a curto ou longo prazo

Eu acho que casa de recuperação tem que ser o último recurso. Trabalhei em uma mais de 1 ano e penso assim por tudo que eu vejo nas casas de recuperação. Mas se precisar estamos aqui. Lute, não deixe as drogas acabar com um amigo seu.

jimmy vandrake
Veterano
# out/08
· votar


Fernando de almeida

Infelizmente a única pessoa que pode ajuda-lo por agora, é ele mesmo. Não há absolutamente nada que ninguém possa fazer.
É a vida. Conheço um que está com 47 anos, já jogou fora a família, as filhas , o casamento, os amigos, estou incluído e infelizmente não tem jeito.
Desisti e me afastei, não tem como suportar uma pessoa neste estágio de depressão, enfim. . .

canarinho
Veterano
# out/08
· votar


leandro rodrigues
Sim!

Parar de beber e ter vergonha na cara


O dia que voce tiver um amigo ou alguém da sua familia drogado, voce vai parar de falar "merda".

Luiz Almeida
Veterano
# out/08
· votar


Uma coisa eu garanto!!! Não adianta cortar "o barato" de uma vez só. Tem que ser aos poucos para ele não sentir abstinencia.

thebassx
Veterano
# nov/08 · Editado por: thebassx
· votar


deviam criar um topico oficial sobre drogas aqui no OT, com informacoes sobre os diferentes tipos, efeitos, danos a curto/longo prazo e informacoes com politica de reducao de danos. vejo que tem muita desinformação e preconceito aqui. as drogas sao um problema de saude publica e de convivio social, mas a maioria das discussoes acabam recaindo em moralidade e pre-julgamentos, e condenações.

vi gente falando ai q cocaina nao causa vicio fisiologico.. cocaina vicia pra caralho. cocaina vicia tanto que quando um cara q eh viciado sente vontade de cheirar, principalmente se ve o pó na frente ele se peida todo e as vezes até se caga.. pura verdade! podem pesquisar.

GiulianoB
Veterano
# nov/08 · Editado por: GiulianoB
· votar


vi gente falando ai q cocaina nao causa vicio fisiologico.. cocaina vicia pra caralho. cocaina vicia tanto que quando um cara q eh viciado sente vontade de cheirar, principalmente se ve o pó na frente ele se peida todo e as vezes até se caga.. pura verdade! podem pesquisar.

Cara cocaina cheirada causa dependencia psicologica, cocaina via intravenosa e fumada(crack, merla, freebase) pode causar dependencia fisiológica., pode pesquisar isso onde quiser.
O caso do cara se caga tudo se chama fissura, isso é normal em usuarios que vao fundo na coisa , cocaina causa uma puta dependencia, muito dificil de sair, normalmente de 10 , 9 se fodem por causa dessa merda, só que se o caboclo tiver vergonha na cara e força de vontade, ele pode parar que nao vai sofrer a temida crise de abstinencia, que somente dependentes fisiologicos tem, as mais horriveis sao de usuarios de heroina e opiaceos em geral.
claro que a coca vicia e destroi, so q se o nego só cheirar nao fica dependende fisico, pode larga o vicio a hora q quiser q nao vai sofer nada.

uma fontezinha pra nem precisar pesquisar:

http://www.psicologia.com.pt/instrumentos/drogas/ver_ficha.php?cod=coc aina

A cocaína não produz dependência física, no entanto é a droga com o maior potencial de dependência psicológica (razão pela qual a chamam de "gulosa"). A curta duração dos seus efeitos, induz facilmente ao consumo compulsivo.

Síndrome de Abstinência

O síndrome de abstinência não apresenta sinais físicos típicos mas tem alterações psicológicas notáveis: hiper-sonolência, apatia, depressão, ideação suicida, ansiedade, agitação, irritabilidade, confusão, surtos psicóticos e intenso desejo de consumo.

NoAlarms
Veterano
# nov/08
· votar


Cara, eu já fui viciado em algumas podreiras, e te garanto que tudo só faz efeito, quando a princípio, o cidadão em questão quer de fato ser ajudado.

Chespirito
Veterano
# nov/08
· votar


Bota numa clínica de recuperação!!!

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
 

Tópicos relacionados a Caso Sério - Ajuda para amigo viciado (alcool e drogas), o que fazer?

289.625 tópicos 7.555.594 posts
Fórum Cifra Club © 2001-2014 Studio Sol Comunicação Digital