Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      O lado negro dos handmakers brasileiros (espionagem, panelas, lives, Facebook, escalões, etc)

      Autor Mensagem
      Del-Rei
      Veterano
      # 25/abr/18 02:52
      · votar


      SteveRayMorse
      Cara, além desses, sei que tinha um tal de Amorim (que nunca ouvi falar). Sei nem de onde o cara é, nem o que ele fabrica.

      E pelo que entendi, o tal do Dean, que começou o tópico no face, era do grupo mas depois que tomou a suposta pernada da Guitartech se afastou da galera. Mas há uma suspeita de que ele estivesse nesse meio há tempos também. Confesso que também nunca tinha ouvido falar dele.

      Um aceno de longe!!!

      Ismah
      Veterano
      # 25/abr/18 04:48
      · votar


      Del-Rei
      Concordo com você. Isso vai ficar no vento, porque ninguém vai dizer que copiou circuito nenhum.

      Não sei como fica o regimento da lei, creio que dê pra registrar como desenho industrial...

      Del-Rei
      Na real, eu acho que ninguém é santo nesse mundo de vendas. Só que deram 'azar' de terem conversas vazadas, com conteúdo de ofensas pessoais e briga bizarra por território.

      Não de quem é grande no mercado... Pode até ser que o fulano, não fez, mas sempre vai rolar uma ilegalidade...

      A bola veio quicando na área e sem goleiro, foi só chutar pro gol.
      E correr pra abraçar a loira de top less...

      NeoRamza
      Veterano
      # 25/abr/18 08:36
      · votar


      Del-Rei
      Aí a concorrência (TMiranda, Darta, Rosseti, JRmod...) recebe o marketing de bandeja. A bola veio quicando na área e sem goleiro, foi só chutar pro gol. E como essa concorrência de fato tem produtos bons (pelo menos da TMiranda eu posso falar), foi um rolo compressor.

      Cara, a verdade é que eles nem precisaram chutar para o gol, eles fizeram gol contra por si só. Isso porque espontaneamente começam a aparecer comentários, como o do Torao, que não falou mal do Pedrone, mas disse que o TMiranda é melhor, e que alguns Pedrone tem um chiado estranho. No facebook li vários comentário de pessoas que disseram que tinham vários amps do Pedrone queimando, antes mesmo do Távio se pronunciar. E mesmo que não houvessem esses comentários, acho que esse complô já deixaria indícios que as marcas envolvidas não são as melhores do mercado como pareciam ser, porque se fosse não precisariam disso.

      Mas eu acho tudo isso lamentável, vai ser ruim pra indústria nacional como um todo. A confiança no mercado nacional que estava sendo conquistada a muito custo foi abalada.

      Foi tão vergonhoso que caíram de pau em cima, com comentários bizarros na nota de repúdio e em uns 20 min a Guitartech retirou a nota do ar.

      Pois é, fizeram isso, e a galera começou com os comentário. Vi ao vivo. Na ocasião eles estavam apagando vários comentários. Ainda não tinham se dado conta da proporção. Quando perceberam o tamanho da mer** excluiram o post, pois não salvava 1 comentário alí.

      makumbator
      Os caras do tal grupo de whats só conseguiram se prejudicar, e ajudaram imensamente os concorrentes. Mesmo que fossem brincadeiras, só tiveram o efeito oposto pra eles.

      Cara, que carma ein!

      JoeCruzGuitar
      Eu não acompanhava paginas do Pedrone, nem do Guitartech, então não sei dizer se estes sumiram da internet também.

      Não sumiram. O André tentou voltar ontem a noite, com todos os videos dele excluídos, mas depois cancelou o perfil de novo.

      makumbator
      A parte desse tal Dre Batista é o que menos me interessa nessa história, pois seria um lance mais pessoal dele ofendendo várias pessoas (Ozielzinho, Gustavo Guerra, Faíska, esposa do Kiko, Torao, Gilney e não sei mais quem).

      Eu concordo. Essa parte do Dre nem sequer me surpreende. Ele já falava essas coisas nas lives, o que mudou foi que agora ele deu os nomes. Mas esse "jeitão" dele (pra não dizer outra coisa) não era segredo pra ninguém.

      O que me afeta enquanto consumidor é esse papo de prejudicar a concorrência. O Távio Miranda falava disso há muito tempo (inclusive aqui no FCC) e muita gente não acreditava e achava que ele era paranoico.

      Acho que no geral todo mundo perde, o mercado como um todo enfraquece. Acho que dá pra afirmar que os amps do Pedrone vão vender bemmmm menos, pelo menos durante algum tempo. Mas isso não quer dizer que os TMiranda e outros vão vender mais, se brincar até vende um pouco menos agora. Mas se tem alguma coisa boa para nós consumidores tirarmos disso é a percepção de que talvez a hegemonia de algumas marcas não é porque são definitivamente as melhores.

      JJJ
      Veterano
      # 25/abr/18 08:45 · Editado por: JJJ
      · votar


      SteveRayMorse
      Enfim, "Operação Pedal e Válvula" desmantelando os esquemas.

      Que tal "Operação Limpa Contato"? :P

      Agora, sem querer livrar a cara de ninguém, mas... quem nunca falou merda, em privado, pra alguém? Olha o caso do William Waack aí... O vacilo é que os caras acharam que a internet tem alguma privacidade. Isso non ecxiste... Aliás, privacidade não existe mais, nem na internet, nem fora. Big Brother everywhere. É um conselho que dou pro meu filho toda hora: "filho, não faz merda, não fala merda, não escreve merda... hoje isso fica gravado pra sempre; é um minutinho pra fazer e uma vida pra desfazer...".

      Augusto Pedrone
      Veterano
      # 25/abr/18 09:10 · Editado por: Augusto Pedrone
      · votar


      Olá, meu cadastro continua ativo. Agradeço a compreensão dos membros do FCC e fico a disposição caso alguém tenha se sentido ofendido de alguma forma. Abraços.

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 25/abr/18 09:39 · Editado por: Felipe Stathopoulos
      · votar


      SteveRayMorse

      Olha só man, não vou desfazer da sua experiência não, que com certeza é maior do que a minha.

      Mas ao mesmo tempo que tenho a sua opinião, baseada na sua experiência, também tenho opinião de muita gente muito boa, muito muito muito experiente, muita gente próxima, muita gente em quem confio muito, que me diz com todas as letras que NENHUM produto nacional é melhor que os similares gringos: gente que me diz que os nacionais podem até chegar perto, podem até ser iguais, podem até ter um preço ou uma relação custo/benefício melhores, mas NUNCA será especificamente melhor.

      E meto aí no meio de fabricantes de captadores até de pedais, instrumentos e amplificadores. Já tive e ainda tenho vários produtos nacionais: alguns me decepcionei, outros cumprem sua função, mas NADA, absolutamente NADA que eu já comprei/testei/usei "bateu" o "original" gringo. Nada que tenha sido feito aqui alguma vez já me surpreendeu ao ponto de eu falar "caraca, gol do Brasil"... Pelo contrário, normalmente é "7 X 1 pra Alemanha"...

      Confiança é algo que se conquista a duras penas, e se mantém. E esse episódio DESTRUIU a pouca confiança que eu tinha na indústria nacional de produtos musicais.

      EU creio que nunca mais irei comprar produto nacional, e tenho pra mim que muita gente vai fazer o mesmo. Esse episódio abriu as vísceras dessa indústria, e mostrou o quanto de picaretas estão nesse meio.

      E não me refiro apenas a eventuais fabricantes: incluo também os músicos que se prestam a ficar fazendo reviews no YouTube de equipamentos, e que falseiam a verdade, omitem e mentem pra molecada que está começando porque recebem patrocínio, seja velado seja público, seja na forma de equipamentos seja na forma de grana.

      Sim, porque eu sou um cara que, embora acompanhe tudo quanto é review de tudo que tenho a intenção de adquirir, sou do tempo de comprar coisa em loja, ou seja: só adquiro o que consigo testar, ou o que alguém muuuuuuuito da minha confiança aprova. Porém não posso dizer o mesmo das pessoas Brasil afora, gente que mora nos cafundós do Judas ou que não pode, como eu posso, pegar o carro e ir pra São Paulo, na Teodoro, testar um ampli ou uma guita. Gente que só pode "testar" pela internet, e que compra baseado em opiniões de terceiros, adquiridas pelo YouTube.

      Esse negócio de "comprar pra ajudar a indústria nacional" pra mim é uma piada. Quem tem competência se estabelece, e ponto.

      Mas evidente que isso é apenas minha opinião...

      Abç

      ___________________

      No mais, não vou falar mais desse assunto não. Assisti aos vídeos do Gustavo Guerra, do Torao, do Oziel, do Gilney, e já formei minha opinião.

      Isso é coisa muito grave, pode dar até cadeia, e muito, mas muuuuuuuito dinheiro vai trocar de mãos até que a coisa assente...

      Empresas vão deixar de existir, muita gente vai perder o emprego, enfim: a Máfia dos Pedais deu um tremendo de um tiro no mercado de produtos musicais brasileiros.

      Só pra que tenham ideia, apenas na esfera criminal podem (em tese) ter ocorrido os seguintes crimes:

      Ameaça;
      Injúria Grave;
      Difamação;
      Formação de Quadrilha;
      Além de crimes relacionados à espionagem industrial.

      É melhor esses caras todos procurarem advogados muito, muito bons, porque eles irão precisar...

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 25/abr/18 09:49
      · votar


      Augusto Pedrone

      Que bom que vc está ativo!

      Porque eu me senti - e ainda me sinto - SIM ofendido, na qualidade de consumidor! Porque eu há meses venho perdendo meu tempo analisando os produtos da sua empresa, para eventualmente adquirir um produto da sua marca.

      Tive boas referências suas e de seus produtos, e enorme foi minha surpresa e decepção ao saber que você pessoalmente estava envolvido em tudo isso.

      Enfim, não mais!

      Delson
      Veterano
      # 25/abr/18 09:52
      · votar


      Marcando pra acompanhar a treta e ver os vídeos com mais tempo.

      Gosto muito dos produtos nacionais. Conseguimos ser competitivos mesmo com cargas tributárias desmotivantes, rodovias que prejudicam o escoamento, etc.
      Tenho amplificador, cabos e captadores nacionais e os poucos problemas que tive foram resolvidos muito a contento.

      Com relação aos relatos (eita) aqui nesse tópico, não aconteceu nada de diferente do que acontece em muitos segmentos de mercado. Isso é REPUGNANTE sim, mas infelizmente muito comum.

      Na época de faculdade (não vou falar o ano não) já se dizia que o seu concorrente é a sua maior motivação pra acordar cedo e mexer as cadeiras pra oferecer sempre o produto certo, na hora certa e com a maior qualidade possível.

      Enfim, torcendo pra que tudo se resolva da melhor maneira possível, pois todo mundo - cliente, fornecedor e concorrente - tem que sair ganhando.

      EduJazz
      Veterano
      # 25/abr/18 10:46 · Editado por: EduJazz
      · votar


      Eu acabei trombando com esses audios no SoundCloud.

      Meu amigo, só falo uma coisa: parece as tretas aqui do FCC quando eu tinha 15 anos. Aquelas bem escrotas mesmo.

      Editando enquanto continuo ouvindo: meu Deus, que coisa pequena. Que mesquinharia. Os caras resumindo a profissão de músico ao que está sendo dito ali. Comentários machistas, maldosos...

      Mas olha, pelo que eu ouvi dos audios aqui, o Pedrone não falou nada de mais não... falou que queria ver o amp do Miranda, usou (mal) o termo espionagem industrial... mas só. Talvez tenha algum print, alguma mensagem de texto... mas no audio não vi nada de muita maldade não (se bem que eu to achando que tem coisa incompleta no link que eu achei...).

      MMI
      Veterano
      # 25/abr/18 11:40
      · votar


      Del-Rei
      NeoRamza

      Talvez eu esteja ignorando muita ciosa... Vi uns prints e uns áudios dos fatos. Pergunto aos colegas daqui do FCC: é tão fácil assim derrubar uma live do Facebook e do Youtube? Qualquer um pode dar um clique de mouse e derrubar um vídeo?

      O que eu vi foi um cara que exagerou, se empolgou, o ego ficou muito inflado e saiu detonando muita gente. Dos citados, conheço pessoalmente o Faíska, Kleber K Shima, Tati Pará e o Guty e afirmo sem medo que tem que ter muito culhão para falar alguma coisa deles. O Faíska na minha opinião é um dos mitos da guitarra nacional, talvez o maior strateiro que nasceu por essas terras (se é que se pode falar isso, comparando absurdamente guitarristas). A Tatiana é um doce de pessoa, talentosa, só tenho elogios. O Guty é rapaz muito novo para tocar o absurdo que toca, o cara já é muito bom e nem imagino onde pode chegar, além de ser gente boa pra caramba. O Kleber tive pouco contato, mas sempre muito atencioso e cordial quando o encontrei. Eu conheci o Kiko Loureiro, acho que é o mais bem sucedido guitarrista brasileiro atual, talvez simpatia não seja seu forte, mas talento é indiscutível - a mulher dele, totalmente fora de questão falar a respeito. A impressão é que ou não saiu no print/áudio ou não deu tempo falar mal do Edu Ardanuy, Chico Pinheiro, Sandro Albert, Marcinho Eiras, Menescal, André Christovam... O cara que era "dono do Facebook" porque teve pico de 250 pessoas, devia abrir uma live que hoje daria 2.500 fácil. kkkkkk

      Talvez eu perdi a parte em relação ao Pedrone... Eu tenho produtos dele, gosto, uso, sempre fui bem atendido e mereceu meu respeito, não deixei de respeitar. Não tenho nada do T Miranda, mas também merece meu respeito pelos amps que cruzei. No que vi, me corrijam se estiver errado por favor, foi que ele pecou em ser exposto quando um outro cara falava os absurdos acima. Segundo escalão magoou? Que me desculpem, somos todos. Não somos nem do segundo, somos do terceiro mundo mesmo - pobres, corruptos e como disse o JJJ, quem nunca falou merda?

      Eu mesmo já falei com outros fabricantes: deviam juntar forças. De forma geral, vejo muito amadorismo - inclusive falando daquela ExpoMusic, falta muito para ser pelo menos boa. Só como exemplo: uma vez, fui numa demonstração de produtos com um fabricante de amps... O cara levou os amps dele e um gabinete escolhido a dedo, o pior possível imaginável, tudo soava mal e não tinha o que fazer para melhorar. Depois quando não dá certo, vai falar que foi azar?

      Felipe Stathopoulos

      me diz com todas as letras que NENHUM produto nacional é melhor que os similares gringos: gente que me diz que os nacionais podem até chegar perto, podem até ser iguais, podem até ter um preço ou uma relação custo/benefício melhores, mas NUNCA será especificamente melhor.

      "Melhor" neste ramo é um conceito muito relativo. Eu considero que tem sim, um ou outro, muito raro, mas tem. Inclusive gente que é contratado para prestar serviços e fornecer para os gringos tops, com cláusula de confidencialidade até. Eu viajei pelo mundo por lojas especializadas e umas poucas coisas são no mínimo iguais... Pelo menos para mim (não passam nem perto desta discussão).

      Filippo14
      Veterano
      # 25/abr/18 11:44 · Editado por: Filippo14
      · votar


      EduJazz

      De fato o que ele falou foi mais por esse lado mesmo, tanto que ele mencionou o termo benchmark, que é justamente entender a concorrência e isso é legal. O termo que ele usou que foi errado, se não tivesse usado essa "espionagem industrial" no fim teria passado batido.

      O que pegou mal também é que ele estava nesse grupo, ou seja, participava da "máfia".

      De fato, situação muuuuito chata, pegou mal para todos. Tenho equipo do pedrone, na época pensei em pegar o do tmiranda e assumo que os reviews me influenciaram muito. Se eram honestos ou não, nunca saberemos, se seria mais feliz ou não com o outro, também não sei, mas que agora eu e imagino que muitos outros ficaram com uma pulga atrás da orelha não é mentira.

      Não vou mentir, os equipos já tiveram problemas, ampl que queimou, fusivel que queimou, ruído inesperado em um pré. Sempre atrbui isso a problemas na minha rede elétrica, mas pelos relatos talvez não seja isso...

      Alias, alguém viu o vídeo do Gustavo Guerra? Só eu que achei ele muuuuuuito babaca? Pagando de machão, homofóbico para caramba. Começou o vídeo falando que ia por na justiça, até ai bacana, ta certo, ai depois começou a falar que ia quebrar o cara no muai thai, que era faixa preta, olha o meu braço, para que isso? vi a live toda e achei mega tosco, parecia teatro. O cara falou que ele era musico de quarto, até ai, quanta crítica esses caras não recebem diariamente nas redes sociais. Se alguém falar que acha o som dele extremamente chato é proibido? Até porque ele não foi prejudicado com essa situação, assim como oziel, torao e gilney, o cara fez comentários em um grupo de "amigos" assim como qualquer um aqui fala de diversos outros guitarristas com os amigos. Que o slash toca mal, que o malmsteen é tosco, enfim, resumindo, achei bem desnecessário.

      ogner
      Veterano
      # 25/abr/18 11:50
      · votar


      Falei q ia dar merda pa dedeu!! Heheh

      Unica decepcao foi com o Pedrone que apesar de nao conhecer pessoalmente, ja conversamos por mail. Sempre o tive como referencia em se tratando de amps nacionais. E nao tem como separar a pessoa do profissional num caso desse. ( Li e ouvi tudo q tinha sobreno caso disponivel na internet ).
      É uma pena, muito triste mesmo!

      Os outros envolvidos ja davam sinais de falta de carater!

      MMI
      Veterano
      # 25/abr/18 11:50
      · votar


      Filippo14

      Pois é, eu vi e pensei nisto. Meteu o pé pelas mãos e também pode ter que pagar por isso. Neste momento se vê ameaças, excessos, exageros...

      Tem também um famoso tópico sobre difamação neste fórum que muita gente esquece nesta hora.

      Filippo14
      Veterano
      # 25/abr/18 11:51
      · votar


      Felipe Stathopoulos

      Cara, depende do que voce compara.

      O TMiranda, Pedrone e tantos outros batem de frente com um Marshall, Fender e Vox da vida, essa é a proposta. E nesse quesito, acho que são iguais ou melhores sim, porque tem um produto bom, mais customizado e atual, com mais atenção na fabricação, atendimento ao cliente bom, que aqui não tem nem como esses amps gringos terem.

      Agora, se você comparar com um Metropolous, Victoria Amps, Bludotone, ai realmente eles perdem, mas não é proposta deles serem esses amps de boutique de US$4.000,00.


      Quanto a pedais, po, a Deep Trip é beeeem legal, namoro a tempos os pedais de fuzz deles, tem os pedais da TMiranda que parecem ser legais, o Darta Effects eu tenho o Ark e venho gostando, o Pedrone tem o Penta e o Yeti que são muito bons, enfim, tem coisas legais no país sim, o problema foi essa treta geral e sacanagens entre os fabricantes, que de fato pegou beem mal aos envolvidos.

      Abraço

      Filippo14
      Veterano
      # 25/abr/18 11:55
      · votar


      MMI

      Eu vi o do Torao e de fato foi bem mais "correto", falou por que anda sumido, explicou a situação, comentou o que acha dos amps, o que eu até achei um exagero, mas ok, ta no seu direito, falou de todas as marcas e deu tchau hahahah. Fez certinho.

      Outro ponto interessante, como GAS é foda e como o pessoal tem que ganhar e ser o certo sempre.

      Até esse fim de semana, os amps do Pedrone eram bons demais, todo mundo achava que tinha um baita som e tal. Agora, nenhum serve.A gente só ve comentários assim:

      "Eu falei, TMiranda da um pau"

      "Pedrone é horroroso"

      Isso é que nem futebol, um time brasileiro não é o Barcelona quando ta jogando bem e ganhando jogo, mas também não é o ìbis quando ta perdendo.

      Os amps são próximos, soam bem, pros e contras em cada uma das empresas e em tantas outras e ta tudo certo, pessoal tem que ganhar e ter o ouvido "certo" em todas.

      Abração

      EduJazz
      Veterano
      # 25/abr/18 12:05
      · votar


      Meus amps do Pedrone continuam soando tão bem como sempre soaram, com ou sem a treta kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      O único problema que tive foi com o Overdone. O som oscilava um pouco, mas o próprio Pedrone me orientou e resolveu com muita tranquilidade. Nem posso considerar um defeito, mui provavelmente foi causado pelo transporte.

      Agora, o Super Clean continua um tanque de guerra, o Pegasus também.

      MauricioBahia
      Moderador
      # 25/abr/18 12:07 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Quem sabe não é, justamente essa, a crise necessária para uma união, não só dos fabricantes, como dos guitarristas nacionais?

      Talvez seja a hora de crescer.

      Abs

      PS. Não estou falando somente em crescimento financeiro, mas crescimento como indivíduo, parte de uma sociedade onde as pessoas precisam se ajudar. Um não vive sem o outro. Somos interdependentes! Essas brigas (mesmo que online) e essa rixas só fazem nos separar, nos afastar! Geralmente criam o ódio e a discriminação - isso é uma completa auto-destruição. Só questão de tempo. Por isso, talvez, ficamos sempre dizendo que "lá na gringa é melhor". Não nos valorizamos por não valorizar o outro, mesmo que seja um iniciante. Todos merecem respeito. Tomos começamos aprendendo, do zero; e continuamos aprendendo.

      Enquanto houver essa competição ridícula de "grupos seletos" e coisa parecida, estaremos rebaixando o outro. Rebaixando o outro, estaremos rebaixando nós mesmos.

      NeoRamza
      Veterano
      # 25/abr/18 12:13
      · votar


      MMI
      Talvez eu esteja ignorando muita ciosa... Vi uns prints e uns áudios dos fatos. Pergunto aos colegas daqui do FCC: é tão fácil assim derrubar uma live do Facebook e do Youtube? Qualquer um pode dar um clique de mouse e derrubar um vídeo?

      Não sei se conseguiriam, mas parece que tentaram. Mas até agora eu só vi leva e traz. Mas não é só isso, tem a questão dos perfis fakes fazendo contra-propaganda. Porém eu ainda não vi prints e audios falando sobre, essa parte eu só vi o Táves falar. Gostaria muito de ver as provas. Acho que a gente deve ser prudente, avaliar tudo de cabeça fria e evitar os boatos e exageros.

      No geral estão pegando pesado. Erraram sim em muitos aspectos, porém tem muita coisa que é claramente brincadeira, ou comentários infelizes que ficaram fora de contexto. Não tudo, mas muita coisa.

      Quanto à espionagem não vejo nada demais. Tá achando que tá sendo lesado, faz patente e processa, e isso nem é problema do consumido. Agora pelo amor né, todo mundo copia os americanos e os ingleses, aí querem criar caso quando um "copião" copia outro "copião"? Não vejo problema nisso.

      ogner
      Unica decepcao foi com o Pedrone ... Os outros envolvidos ja davam sinais de falta de carater!

      Pensei exatamente isso.

      MMI
      Veterano
      # 25/abr/18 13:39
      · votar


      MauricioBahia

      Sim, talvez seja utópico, mas só assim para que todos não percam mais ainda.

      NeoRamza

      Não sei se conseguiriam, mas parece que tentaram. Mas até agora eu só vi leva e traz. Mas não é só isso, tem a questão dos perfis fakes fazendo contra-propaganda.

      Minha ignorância é tanta neste ramo... Tem como tentar? O que seria isso?

      Perfil fake... A internet é inundada disso. Aqui mesmo no FCC, apesar de não ser fake, tem usuários que já tiveram outros nomes e de cabeça, tem o Mauricio Bahia, o Leandro Panucci, o De Ros (que ainda bem que não foi atingido) e nem sei mais quem que usa o nome e sobrenome. O resto (eu tb) é uma sopa de letrinha. Na política se usa isso... Se usaram um perfil fake para dizer que x é melhor que y, acho até natural e óbvio para dizer a verdade (para derrubar lives????? Pode isso?). Welcome to the real world...

      Ainda não consegui me decepcionar com o Pedrone nesta história. "Diga-me com quem andas que te direi quem és" - é isso? Hum... Pode ser... Pode ser que eu não esteja entendendo ou não vi a pior parte. O que eu vi foi um cara que passou dos limites, mas não foi ele, apesar dele estar presente. O Pedrone nunca me deu nada nem paga minhas contas (ninguém do ramo musical faz isso por mim). Não acho que ninguém é santo e a Madre Teresa de Calcutá morreu há 20 anos... Só estou vendo muitos exageros, se é que estou cego.

      MauricioBahia
      Moderador
      # 25/abr/18 13:57
      · votar


      MMI: Sim, talvez seja utópico, mas só assim para que todos não percam mais ainda.

      Vou até ouvir o tal áudio todo pra poder opinar melhor. Ai, ai... É desagradável isso tudo.

      Abs

      NeoRamza
      Veterano
      # 25/abr/18 14:19
      · votar


      MMI
      Minha ignorância é tanta neste ramo... Tem como tentar? O que seria isso?

      Qualquer pessoa no Facebook pode denunciar uma publicação. Se houver uma certa quantidade de denúncias a publicação é excluída. Mas essa quantidade não é divulgada, deve inclusive depender de várias variáveis. Deve ser um número proporcional ao alcance, não sei. Mas não parece ser difícil, acontece.

      Perfil fake... A internet é inundada disso.

      Cara, uma coisa é você ter um nickname e esconder seu nome verdadeiro, a outra é você ter vários cadastros e fazer parecer ser várias pessoas. Ok, nos dois casos a internet é inundada disso, mas não justifica. Não estou dizendo que essas empresas devem pagar por isso, mas inevitavelmente a imagem delas ficou manchada. Não passa pela minha cabeça boicotar uma empresa dessas de forma alguma, mas com inevitavelmente meu pensamento em relação a elas mudou um pouco. Porém, como disse até agora não sei se isso realmente aconteceu, não vi prints de nada disso especificamente. E verdade seja dita, essa questão de opiniões manipuladas só é uma questão pra mim porque não conheço bem os produtos, o certo mesmo seria eu testar e tirar minha próprias conclusões, coisa que o próprio Pedrone falou para eu fazer em outro tópico.

      Del-Rei
      Veterano
      # 25/abr/18 14:43
      · votar


      Na real, existem algumas coisas que todo empreendedor deveria fazer, como trabalho de casa. Uma delas é traçar perfil de público alvo e como se comportar diante da concorrência. Quem acha que o mundo é cor de rosas, é porque ainda não acordou.

      Odiar pobre, querer público de médicos e advogados (que saiu nos prints), soa arrogante, mas é a opinião do 'grupo' e eles direcionam os produtos pra quem entenderem por bem. Só que vazou e pegou mal pacas, até porque muita gente se sentiu ofendida por ter feito um mega sacrifício, juntando suas moedas pra poder comprar os equipos do 'grupo', e depois ler essas piadas internas. Pega mal mesmo.

      MauricioBahia
      Quem sabe não é, justamente essa, a crise necessária para uma união, não só dos fabricantes, como dos guitarristas nacionais?

      A reflexão é boa.
      Esse caso dos handmades espelha o que nós somos como sociedade - só que numa escala menor. Vide as guerras na nossa política, onde rolam coisas bem piores. Imagine a guerra entre Globo, SBT, Record... E mundo afora.

      MMI
      é tão fácil assim derrubar uma live do Facebook e do Youtube? Qualquer um pode dar um clique de mouse e derrubar um vídeo?

      Não faço ideia. Nunca me inteirei sobre live.


      A impressão é que ou não saiu no print/áudio ou não deu tempo falar mal do Edu Ardanuy, Chico Pinheiro, Sandro Albert, Marcinho Eiras, Menescal, André Christovam... O cara que era "dono do Facebook" porque teve pico de 250 pessoas, devia abrir uma live que hoje daria 2.500 fácil. kkkkkk

      Rsrsrsrs. Por aí.

      Um aceno de longe!!!

      renatocaster
      Moderador
      # 25/abr/18 15:01
      · votar


      MauricioBahia

      Quem sabe não é, justamente essa, a crise necessária para uma união, não só dos fabricantes, como dos guitarristas nacionais?

      A não ser que seja uma união (na verdade, uma fusão) para criar uma única marca e com isso gerar mais receita, sinceramente eu não vejo como seria possível dois fabricantes que são concorrentes num determinado negócio se "unirem".

      Eu acho que a concorrência tem que existir, e o consumidor precisa disso. E a natureza do negócio é essa mesmo, vc faz o seu aí, que eu faço o meu aqui. Vc tem que tentar superar o seu concorrente lançando melhores produtos, melhores condições, melhores serviços, melhor atendimento, etc...

      entamoeba
      Membro Novato
      # 25/abr/18 15:35
      · votar


      Target: médicos e advogados.

      Não, não é um Corolla que ele está vendendo.

      Jota Jota SP
      Membro Novato
      # 25/abr/18 16:00
      · votar


      Eu conheci o trabalho do Pedrone por indicação de um colega, porque eu estava com um problema em um amplificador bem simples que eu tinha alguns anos atrás. Pedrone me respondeu algumas dúvidas via mensagem sem cobrar nada, só depois fui ver que ele não era apenas um técnico que gostava de valvulados, e sim que tinha uma linha de amplificadores.
      Depois ouvi os amplificadores dele em alguma feira por aí, acho que ano passado. Acho difícil alguém falar que aqueles valvulados levam pau, ou são para dentro ou algo assim. Embora essas opiniões sejam sempre bem subjetivas.

      O Tmiranda eu não conhecia, não por demérito dele mas porque eu não conheço nada nesse meio mesmo. Mas certamente parece ser um cara sério no que faz. Não achei os amps dele feios não. Só tem uma potência que os botões me pareceram muito próximos. Eu gosto que esses controles sejam de acesso fácil, enquanto tocamos, sem precisar nem olhar, você ajustar praticamente pelo tato. Por isso gosto daqueles controles cabeça de galinha. Mas são apenas detalhes.

      Já o logotipo do Pedrone, eu não acho muito bonito. Acredito que a intenção tenha sido lembrar aquelas letras antigas. Mas não sei, acho que ainda não chegou lá, esteticamente falando. Talvez seja questão de acostumar com o tempo, provavelmente eu diria o mesmo dos primeiros amplificadores do Leo Fender.

      "Usuário fake" para atacar concorrência, não sei se realmente houve, de onde houve, etc, mas eu acho realmente uma coisa desonesta e desnecessária. Fora isso, acho que tem um pouco de utopia misturado. Patrocínio, cobrar que alguém patrocinado não tem necessidade de divulgar problemas internos, etc, acho até compreensível.

      Enfim, espero que essa crise sirva para uma melhoria, para desenvolver uma concorrência mais honesta, que favoreça a melhoria e os consumidores, de forma respeitosa, sem fakes nem bobagens.

      Delson
      Veterano
      # 25/abr/18 16:10 · Editado por: Delson
      · votar


      renatocaster
      A não ser que seja uma união (na verdade, uma fusão) para criar uma única marca e com isso gerar mais receita, sinceramente eu não vejo como seria possível dois fabricantes que são concorrentes num determinado negócio se "unirem".

      Pode se criar uma Joint-Venture. Aconteceu com a Ford e a Volkswagen na criação do Apollo e do Verona (Autolatina). Também com a Fender e a Roland na criação da VG Stratocaster. Se for de interesse comercial para ambos, eles podem se unir em um projeto.

      MMI
      Veterano
      # 25/abr/18 17:01
      · votar


      NeoRamza

      Não sabia que era assim de boa... Acreditava que se pode denunciar, como aqui mesmo no fórum já fiz - os moderadores até pedem esta ajuda, ajudando a moderar - mas a coisa é analisada. Analisar numa monstruosidade de usuários como o Facebook deve ser bem mais complicado, mas mesmo assim, achava que em caso de denúncias forjadas ou falsas, o problema voltava para o denunciante.

      De toda forma, o mundo não é lindo e cor de rosa. Não devia ter disso, mas sei que fake news é uma realidade em áreas bem mais críticas. Conta fake, um sujeito fake que elogia a própria marca, acho até normal hoje em dia. A pergunta, que eu mesmo nem quero saber, é quantos e quem ali usou dessa artimanha para derrubar videos.

      Mais ainda... Imagino que um patrocinador ou parceiro que recebe um equipamento para postar um review sob vantagens ou mesmo de graça, não se espera críticas. Confesso que achei muito feio um vídeo aí que o cara, chutando cachorro morto, falou que os amps do Pedrone não são bons, que recebeu um pedal de outro cara envolvido para review, não gostou, não fez, não vai fazer e não vai devolver. Mas vindo deste sujeito, não me surpreende. Como eu disse, todo mundo só está fazendo bobagem, todos são passíveis de críticas. Até eu que não tenho nada com isso, então por mim não muda nada os que conheço pessoalmente, continuo gostando do meu equipamento Pedrone, continuo achando o Faíska, Tati Pará, Guty Rodrigues, Kleber K Shima e Kiko Loureiro dignos do meus respeito.

      Até agora só me convenci de fato que o "dono do Facebook" falou demais e errou. Esse desconfio que vai ter problemas mesmo.

      renatocaster

      Acho mesmo que não tem nem vai ter. Tem coisa boa no mercado, poderia ser melhor. Não acho que precisa de fusão, acho que um luthier poderia ter um showroom com amplificadores nacionais bem feitos. Acho que fabricantes de amplificadores poderiam demonstrar seus produtos com gabinetes bem feitos. Acho que os gabinetes poderiam ter falantes decentes. Acho que tudo poderia ser ligado com cabos de verdade, com variedade e mostrando diferenças. Acho que os fabricantes de pedais deviam ter produtos expostos nos luthiers e handmakers de amplificadores. Numa dessa, o consumidor tromba com algo legal que nem imaginava ou tinha preconceito eventualmente. Tudo isso sem essas parcerias com falastrões e problemas todos...

      Duro que a realidade é que alguns luthiers nem guitarra tem, quando tem para mostrar, não tem amp razoável. Os fabricantes de amplificadores não tem boas guitarras, uns nem gabinetes. Pedais? Que pedais? kkkkkk

      renatocaster
      Moderador
      # 25/abr/18 17:07
      · votar


      Delson

      Pode se criar uma Joint-Venture. Aconteceu com a Ford e a Volkswagen na criação do Apollo e do Verona (Autolatina). Também com a Fender e a Roland na criação da VG Stratocaster. Se for de interesse comercial para ambos, eles podem se unir em um projeto.

      Então, exatamente. Seria mais uma forma de se unirem comercialmente, negócios. Embora eu ache que nesse nicho de handmakers seria pouco provável uma composição dessas.

      Quando o MauricioBahia falou em se unirem, eu entendi que no contexto dele, ele quis se referir a uma união da classe, de os músicos/fabricantes ficarem mais unidos. E apesar de eu concordar que seria uma boa prática, acho pouquíssimo provável.

      Rolar uma "camaradagem" no mundo dos negócios, sei lá. É um troço meio complicado...eu sou da opinião de que a concorrência tem que existir, só acho que não precisa partir pro lado da desonestidade, baixaria, barracos, essas coisas.

      makumbator
      Veterano
      # 25/abr/18 17:12
      · votar


      MMI
      Até agora só me convenci de fato que o "dono do Facebook" falou demais e errou. Esse desconfio que vai ter problemas mesmo.

      Esse vai ter que virar guitarrista de quarto (coisa que ele tanto odeia), pelo menos por um tempo.

      Del-Rei
      Veterano
      # 25/abr/18 17:18
      · votar


      MMI
      Duro que a realidade é que alguns luthiers nem guitarra tem, quando tem para mostrar, não tem amp razoável. Os fabricantes de amplificadores não tem boas guitarras, uns nem gabinetes. Pedais? Que pedais? kkkkkk

      Muito amador. Mas de um nível vergonhoso.
      Eu nunca fui empreendedor. Mas às vezes me pergunto onde alguns desses “empreendedores” estudaram porque parece que fazem tudo ao contrário. Não sei se fizeram parceirias erradas e precisam mostrar os produtos dos parceiros, e acabam se afundando junto....

      A minha opinião real, e podem me jogar pedras, se eu fosse fabricante iria mesmo querer que minhas divulgações fossem com um mínimo de zelo, produção e qualidade. Até mesmo como venho fazendo nos meus modestos vídeos, onde tento entregar uma qualidade não só sonora quanto visual.

      A disputa de mercado entre marcas sempre existiu e continuará. Eu tenho minha opinião pessoal sobre o Augusto Pedrone e pelo Távio. E que fique claro que elas não se confundem com minhas opiniões sobre os produtos das empresas Pedrone e TMiranda, embora eu ache que o que é feito na vida particular influencia no profissional.

      Pelo lado positivo, tenho certeza de que agora a galera vai ter uma postura mais ética, nem que seja pelo medo de ser exposto, e mais pra frente o mercado nacional tende a ganhar, porque o “recado” foi dado sobre fazer piadinhas, ainda que internas. Daqui a pouco a poeira abaixa.

      Um aceno de longe!!!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a O lado negro dos handmakers brasileiros (espionagem, panelas, lives, Facebook, escalões, etc)

      305.946 tópicos 7.899.602 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital