Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      O lado negro dos handmakers brasileiros (espionagem, panelas, lives, Facebook, escalões, etc)

      Autor Mensagem
      LeandroP
      Moderador
      Esse post foi marcado como inapropriado mostrar
      O autor recebeu uma advertência por publicar conteúdo contra as regras do fórum.

      12/jun/18 13:51

      A culpa é do X9...
      E do PT (pra não sair do jargão), que com a sua economia, permitiu que vários músicos amadores pudessem ter um equipamento melhor, de primeiro escalão, mesmo sendo músico de quarto e sem ter cara de guitarrista °;°

      JJJ
      Veterano
      # 12/jun/18 14:02 · Editado por: JJJ
      · votar


      Olha, eu não sei nada das entranhas do lance e não defendo lado nenhum justamente por estar por fora, mas, por princípio, sempre acho razoável ouvir todas as partes...

      Se recusar a ouvir os acusados de seja lá o que for, já levou a linchamentos (reais, não só morais!) contra inocentes...

      Repito: não estou defendendo o cara, nem o conheço. Mas o direito à defesa é o básico do básico do estado de direito...

      Wild Bill Hickok
      Membro Novato
      # 12/jun/18 15:34
      · votar


      Ainda levam o TMiranda a sério?

      Buja
      Veterano
      # 12/jun/18 15:55
      · votar


      Como eu perdi um topico desses????

      Topicaço!!!!

      Ja falei muito e muito aqui sobre atendimento em lojas, brasileiras. Nunca fui em loja gringa pessoalmente.

      O atendimento deveria ser minimamente melhor. O atedimento da maioria das lojas chega a ser esdruxulo, beirando a ofensivo. Isso pra mim é inaceitavel.

      Ja faz muito tempo que nao compro mais em lojas fisicas. E ja perdi o tesão de entrar nelas faz tempo. Mesmo assim acompanho um pouco do mercado.

      Quem é da região metropolitana de BH, contagem e afins já deve ter notado que nos ultimos 3 meses, so que eu cataloguei pessoalmente mais de 10 lojas fecharam.

      Algumas até viraram loja de equipamentos eletronicas, interfone, lampadas, celulares....e uns 3 violoes.

      Muito disso nao se deve a crise financeira porcaria nenhuma. Se deve a cultura de humilhar o comprador, que o faz nunca mais voltar a loja e ainda o incentiva a divulgar pra todo canto pra ninguem ir la tambem.
      Inevitavelmente, um dia os vendedores são dispensados, e a loja quebra. Fatalmente!

      Jota Jota SP
      Membro Novato
      # 12/jun/18 20:03 · Editado por: Jota Jota SP
      · votar


      LeandroP
      "A culpa é do X9... E do PT (pra não sair do jargão), que com a sua economia, permitiu que vários músicos amadores pudessem ter um equipamento melhor, de primeiro escalão, mesmo sendo músico de quarto e sem ter cara de guitarrista °;°"

      Espero que você não me prejudique no fórum, já que você é moderador, mas já que você iniciou o assunto, creio que também possa comentar:
      A importação teve seu auge na década de 90. Bem antes do PT. Lembro bem e tenho certeza disso porque minha primeira guitarra importada comprei em 1995, ano que FHC tomou posse. Nessa década houveram períodos em que o dólar esteve praticamente um para um. Muito antes do PT começar a sujar as fraldas.

      Segundo que economia não se mede pelo resultado imediato. Isso e populismo, e é perigoso. Decisões na economia vão refletir muitos anos depois. Conforme o método usado, um dia a conta chega para se pagar.

      SteveRayMorse
      Veterano
      # 12/jun/18 21:10
      · votar


      LeandroP

      E do PT (pra não sair do jargão), que com a sua economia, permitiu que vários músicos amadores pudessem ter um equipamento melhor, de primeiro escalão, mesmo sendo músico de quarto e sem ter cara de guitarrista °;°

      Só custa um rim e o dedão do pé...tirando isso, qualquer um tem.

      Rodrigo Torresmo Takahara
      Veterano
      # 12/jun/18 22:12
      · votar


      Eu infelizmente fui do ramo de instrumentos musicais. Tais como luthier e trabalhando dentro de importadora. Foi a pior coisa que fiz na minha vida. Ainda bem que resolvi estudar.

      LeandroP
      Moderador
      # 12/jun/18 23:08 · Editado por: LeandroP
      · votar


      Jota Jota SP

      A abertura de fato começou com o Collor, e depois da dolarização da nossa moeda com o Itamar Franco/FHC, deu-se o auge das importações. Inclusive as lojas com produtos de R$ 1,00 (e não a partir de...) surgiram neste período. E também nos custou caro, posteriormente, essa ilusão de uma URV valer um dólar.

      Na realidade o meu comentário foi tipo "nada a ver o cucas calças" rsrs

      Espero que você não me prejudique no fórum, já que você é moderador

      Não entendi o porquê do moderador te prejudicar por ser moderador (se bem que vejo o cara fazer logoff pra me negativar e depois fazer login novamente - acho engraçado). A não ser que você não tenha um pedal de boost pra me dar. Você tem o pedal, né?!

      LeandroP
      Moderador
      # 12/jun/18 23:13
      · votar


      Rodrigo Torresmo Takahara
      luthier e trabalhando dentro de importadora

      Você trabalhava como luthier dentro da importadora, tipo, regulando os instrumentos que chegavam?

      Jota Jota SP
      Membro Novato
      # 12/jun/18 23:23 · Editado por: Jota Jota SP
      · votar


      LeandroP Não entendi o porquê do moderador te prejudicar por ser moderador
      Por causa da polarização partidária forte que vivemos atualmente, sobretudo em redes sociais. Mas foi uma hipótese genérica, é claro.

      LeandroP
      "(se bem que vejo o cara fazer logoff pra me negativar e depois fazer login novamente - acho engraçado). A não ser que você não tenha um pedal de boost pra me dar. Você tem o pedal, né?!"


      Não entendi. Quem fez logoff e o que? Negativar é esse voto + polegar para baixo? (alias até hoje não sei direito como isso funciona) mas eu não fiz isso não.
      Enfim, deixa pra lá e vamos em frente.

      LeandroP
      Moderador
      # 12/jun/18 23:35
      · votar


      Jota Jota SP

      Tempos difíceis... Mas houve um outro período remoto da nossa história em que a polarização política predominou no Brasil (anos '20 e '30). Não vejo isso de uma forma legal também, e isso me faz tomar mais cuidado em certas ocasiões. Mas em algumas vezes acaba sendo inevitável. Mudando um o pouco de contexto, li recentemente algumas opiniões sobre o "politicamente correto" e notei que as pessoas pensam mais antes de se manifestar, seja através de uma piada, de uma dramaturgia, e por meio de comentários na Internet. E por este ângulo vejo o copo meio cheio, saca?! Pensar antes de falar ou escrever (e foi o que eu não fiz no topo dessa página rsrs).


      Negativar é esse voto + polegar para baixo? (alias até hoje não sei direito como isso funciona) mas eu não fiz isso não.

      Isso! Você pode positivar ou negativar qualquer comentário.
      Eu sei que você não fez isso ;)

      Del-Rei
      Veterano
      # 13/jun/18 01:08
      · votar


      Particularmente, nem me dei ao trabalho de abrir o vídeo desse cara.
      Acho até que ele quis uma certa polêmica publicando essa resposta aí....

      Wild Bill Hickok
      Ainda levam o TMiranda a sério?

      Melhor handmade nacional que já tive.


      Um aceno de longe!!!

      LeandroP
      Moderador
      # 13/jun/18 09:46
      · votar


      Del-Rei
      Particularmente, nem me dei ao trabalho de abrir o vídeo desse cara.


      Perdeu nada!

      Gabriel Santos Lacan
      Membro Novato
      # 13/jun/18 10:26
      · votar


      Voltando a questão das lojas.
      É desanimador ir em uma loja e testar algum produto, no caso as guitarras. Eles sempre te dão um instrumento todo desregulado, com cordas podres para testar, ainda ficam em cima pistolando, num ambiente que geralmente se tenta competir com outros sons, o que é horrível.
      As lojas deveriam ser como concessionárias de automóveis. Imagina você ir lá dirigir um celta que nem liga e fica morrendo bem fácil? Sem contar que é horrível eles deixarem guitarras altas pra cacete nas estantes

      Buja
      Veterano
      # 13/jun/18 10:40
      · votar


      Na verdade essas coisas nao me incomodam tanto...instrumento desregulado, cordas velhas, guitarras penduradas em estante alta.
      Muitas guitarras são até colocadas em vitrines lacradas.
      Voce so pega se o vendedor achar que voce está com o cartão de crédito no bolso.


      Mas isso nao é tao incomodo.

      Inaceitavel é o destrato no atendimento.

      Nao estou falando de atender mal, devido ao funcionário ter pouco conhecimento do ramo, ou atender mal porque o funcionario está limitado pelas regras do patrão.

      Estou falando de destrato do cliente.
      É o que venho experimentando a muito tempo, em diversas lojas de instrumentos musicais.

      O pre-conceito escancarado na cara do vendedor.
      O cara te bate o olho e logo pensa: ele veio ficar de namorico com alguma strato. Como se eu fosse louco por menphis e vogga!

      Nesse pre-conceito, o cara literalmente te barra acesso aos instrumentos, que já são desregulados e com cordas velhas, e se voce pede um amp, o maximo que consegue é tocar num giannini g6 deles por 2 minutos, com o vendedor feito um guarda em cima do seu cangote.

      Isso se ele plugar o guitarra. Normalmente o cara te trata de uma forma que te faz se sentir um merda dentro da loja.

      Parece exagero, eu sei, mas nao estou falando magoas. Estou dizendo fatos.
      Gracas a Deus, duas dessas lojas onde o destrato passou dos limites, estao agora fechadas, e espero que estejam falidas.

      Sou louco pra ir numa norman's rare guitars, ou numa imperial vintage guitars, e ver como é o atendimento.

      Faria questão de filmar, com autorizacao do gerente, todo o atendimento de deixar postado, pra que aprendam a ser minimamente empreendedores.

      Nao precisa abrir a casa da mae joana pra vender guitarras nao.
      Basta nao abrir uma delegacia com soldados.

      Gabriel Santos Lacan
      Membro Novato
      # 13/jun/18 10:48
      · votar


      o maximo que consegue é tocar num giannini g6 deles por 2 minutos, com o vendedor feito um guarda em cima do seu cangote.
      haahahaha
      Mais malas que os venderores da Chilli beans

      Del-Rei
      Veterano
      # 14/jun/18 00:09
      · votar


      LeandroP
      Perdeu nada!

      Imaginei, rs.
      O cara deve estar querendo platéia.


      Gabriel Santos Lacan
      Mais malas que os venderores da Chilli beans

      Cara... Eu hoje evito entrar nas lojas ou chegar perto dos stands por causa dos vendedores. Caraca. Pior que é padrão ser chato nessa loja. Péssima postura de atendimento da empresa.

      Um aceno de longe!!!

      LeandroP
      Moderador
      # 14/jun/18 00:29
      · votar


      Del-Rei

      Vai por mim... Melhor assistir este vídeo:


      https://www.youtube.com/watch?v=jXYfrlM-4Sc

      sandroguiraldo
      Veterano
      # 14/jun/18 09:44
      · votar


      Alguns anos atrás, entrei numa loja aqui em INDAIATUBA, e pedi pra testar uma Washburn N4, o vendedor pegou, plugou a guitarra num ampli (não lembro qual) e ficou tocando... fez alguns riffs e tal, depois desligou a guitarra e pendurou ela de novo na parede. Fiquei com cara de tacho.

      Em outra oportunidade, na mesma loja, aconteceu o mesmo! Pedi pra testar uma semi acústica (que realmente ia comprar; tanto que comprei) e o cara fez o mesmo!!! Sem noção total!!!

      BrotherCrow
      Membro Novato
      # 14/jun/18 11:32
      · votar


      Buja
      Inaceitavel é o destrato no atendimento.

      Destratocaster.
      Desculpa.
      ...
      Agora sério, o atendimento aqui nos EUA é muito melhor. Apesar disso acabo comprando a maioria das coisas na Amazon.

      Del-Rei
      Veterano
      # 17/jun/18 01:11
      · votar


      LeandroP
      rsrsrs.... A internet é sensacional, haha.

      sandroguiraldo
      Sem noção mesmo. Eu acho que não sei minha reação numa situação dessas. Provavelmente, na segunda vez, eu viraria as costas e iria embora logo que o vendedor começasse a tocar.

      BrotherCrow
      Eu não moro nos EUA mas quando viajo faço compras antecipadas e mando entregar no hotel. Algumas pela Amazon, outras em lojas pra retirar pessoalmente.

      Pra quem mora nos EUA é mais fácil comprar pela Amazon, já que não tem problema com tempo de devolução/trocas. As coisas mais simples (acessórios) eu compro na Amazon. Mas instrumentos e amplificadores, só em loja, porque se tiver que trocar/devolver por algum problema, é menos complicado do que na Amazon.

      Um aceno de longe!!!

      Rochaff
      Membro Novato
      # 26/jul/18 08:36
      · votar


      Caramba fiquei sabendo ontem disso tudo através desse tópico...to me sentindo o muleque de 13 reasons why, foi o a receber os "áudios" e vai ouvindo aos poucos kkkkkkkkkkkkk

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a O lado negro dos handmakers brasileiros (espionagem, panelas, lives, Facebook, escalões, etc)

      305.721 tópicos 7.894.976 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital