Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Randall RD20H - Review

      Autor Mensagem
      crdiegorota
      Membro Novato
      # 29/ago/17 17:36 · Editado por: crdiegorota


      E aí pessoal! Tudo certo?
      Faz algum tempo que comprei esse amplificador e como não achei nenhum post de alguém que tenha usado resolvi ser o pioneiro.
      Trata-se de um cabeçote all tube com 4 vávlvulas 12AX7 no pré e 2 6V6 no power (as versões RD45 em diante vêm com 6L6). Possui loop de efeitos e boost integrado. O amp possui 2 canais um clean e outro de drive.
      Falando em preço foi o melhor que encontrei com essas características, mais barato até que os nacionais.
      Mas agora vamos falar do que interessa que é o som do bichinho, e meu irmão, isso ele tem muito. Usava ele em ensaios e nunca consegui deixar o master mais do que 40% porque abafava o resto da banda. Foi aí que eu percebi que amps de maior potência foge da realidade da maioria dos músicos. Acredito que para pessoas que ensaiam em garagens e fazem pequenos shows em lugares pequenos amplificadores maiores que 20-30W ficam sub utilizados porque é impossível saturar as válvulas do power sem abafar tudo.
      O canal clean tem um controle de ganho que é na verdade um chave de volume. Até 9 ou 10 horas o som é bem clean, daí pra cima já começa a saturar chegando a um overdrive bem nervoso e se usar um pedal empurrando mais sinal no canal clean dá pra chegar em uma distorção bem na onda rock n' roll. Sabendo explorar os pots da guitarra dá pra fazer muita coisa nesse canal desde um clean límpido e cristalino até um saturação bem considerável.
      O canal de distorção conta com mais 2 controles. Além do controle de ganho o canal tem também um chave de volume e outra de presence que corta ou acrescenta uma certa frequência de agudos e na minha opinião esse é um dos maiores trunfos desse canal, mas já vou falar dele mais adiante. Com a chave de ganho em 9 horas se tem uma distorção moderada e bem orgânica, que repito, sabendo usar os knobs da guitarra abre um leque de possibilidades. Quando abrimos mais o ganho até umas 12 horas já se obtém um distorção bem forte e definida já entrando na onda do hard rock e do heavy. Gostei dessa configuração de ganho porque jogando com pedais, volume da guitarra e o próprio boost do amp dá pra sair do rock e entrar no metal com uma pisada no boost do amp ou overdrive. Bem, estamos falando de um Randall então quando abrimos todo o volume e o ganho lá pelas 3 horas o amp mostra a que veio. A distorção rosna muito e muito definida! Aí é death, thrash, nu, metal from hell e todas as variantes.
      Com o controle presence dá pra fazer muita coisa cortando bastante esse controle o som fica mais fechado e "sombrio" e quando bem aberto (foi a configuração que eu mais gostei) fica mais brilhante e com harmônicos mais evidentes. Consegui fazer o amp soar MAIS OU MENOS british colocando bastante médios e abrindo bem o presence.
      Sem dúvida este foi o maior up que dei no meu timbre nos últimos anos. É o meu primeiro all tube e também o único que toquei por isso não posso falar se é pior ou melhor que o outro amp A ou B mas comparações a parte, estou 110% satisfeito. Valeu cada centavo.

      crdiegorota
      Membro Novato
      # 29/ago/17 17:50
      · votar


      Esqueci de comentar que o amp tem uma saída com simulador de falantes para ligar direto na mesa, o que é muito interessante na minha opinião.

      acabaramosnicks
      Membro Novato
      # 29/ago/17 18:04
      · votar


      Cara, esse amp é monstro demais, eu testei ele antes de comprar meu Alien. Pra metal, que é a minha praia, esse e os Randall em geral são excelentes.
      Lembrando também que pra esse timbre que eu curto, saturar o Power não é desejável, porém, sabemos que o amp timbrar bem melhor com o volume alto. Potência grande é pra quem precisa de headroom, ou seja, clean beeem clean e alto.
      Hoje tenho um Head 100w em casa e ele timbra tão bem quanto o anterior de 20w, mas pra tirar uns timbres mais AC DC ou Led da vida, o outro timbrava melhor, não só pela potência menor e abrir mais o volume, mas também por causa das EL34 que ele levava, o atual é 6L6.

      crdiegorota
      Membro Novato
      # 30/ago/17 09:33
      · votar


      Sim realmente para metal mais moderno não é muito interessante saturar o power aí é legal mesmo ter um amp mais potente. Mas no caso de querer saturar pré e power acho q um amp de 50W já seria um exagero pra maioria dos casos. Aliás eu com este de 20W já nem conseguia saturar nos ensaios e em shows pequenos em lugares fechados também não conseguiria.

      crdiegorota
      Membro Novato
      # 30/ago/17 09:33
      · votar


      acabaramosnicks
      Que amp tinha antes e qual tem agora?

      henriquelhrf2
      Veterano
      # 30/ago/17 12:44
      · votar


      Excelente e útil review. Parabens pelo amp. Qual a faixa de preço dele e qual falante usa?

      acabaramosnicks
      Membro Novato
      # 30/ago/17 13:11
      · votar


      crdiegorota
      O anterior era um Revenge (20w EL34), que é bem parecido com o Rocket. O amp tinha um timbre muito foda, mas pra dar essa sonoridade mais moderna precisava de ajuda de pedais. Pra metal moderno, o Randall serve melhor do que o Revenge, mas consegui fazer um rolo bom no meu anterior ao Alien, um Blackstar, daí peguei ele mesmo. Mesmo sendo 20w, saturar o Power é barra pesada mesmo.

      O atual é um Evolution (100w 6L6). Falar pra vc que timbres mais clássicos ele alcança, mas perde pro Revenge em volumes mais baixos tipo volume em 9h-10h (que em 100w já é bem alto), pra timbrar bem nessa onda vc tem que abrir bem o volume, passando da metade, e 100w numa 2x12 em casa depois da metade é alto pra caralho. Não que fique ruim, fica muito bom, mas perde pro Revenge.
      Pra timbres mais modernos o Evolution vai muito bem sem pedais mesmo em volume mais baixo.

      crdiegorota
      Membro Novato
      # 30/ago/17 13:27
      · votar


      henriquelhrf2
      No ML ele está na média de R$ 2.400,00 uso um falante hand made baseado no V30.

      acabaramosnicks
      O evolution é show de bola. Nunca vi um pessoalmente mas vi todos os reviews possíveis e imagináveis.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Randall RD20H - Review

      303.304 tópicos 7.849.410 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital