Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Amp valvulado com pedal de volume para reduzir o drive. Funciona?

      Autor Mensagem
      ER_KSTZ
      Membro Novato
      # 07/jun/17 11:41


      Olá pessoal, gostaria de tirar uma dúvida com relação aos amps valvulados. Não achei nada tão específico na busca.

      É possível através de um pedal de volume conectado em um amp valvulado reduzir apenas o ganho?

      Explicando melhor: Se eu adquirir um amp valvulado com apenas um canal, onde o drive aumenta de acordo com o volume apenas, se eu colocar um pedal de volume ou no loop ou no input, o drive é reduzido para que consiga tocar partes da música com clean ou ele irá reduzir o volume de forma considerável que o clean acabaria ficando muito baixo?

      Outra questão seria com relação a possibilidade de uma situação dessa funcionar perfeitamente. Eu teria que abdicar do loop ou o uso de outros pedais para que esta conexão funcione?

      O clean não necessariamente precisa ser totalmente clean, pode ter um pequeno crunch mas que continue nítido. A ideia é tocar um hard rock ou metal anos 70 e 80 e o amp que estou vendo é um Laney Cub 12 de 15W.

      Valeu galera!

      HortaRates
      Membro
      # 07/jun/17 11:46
      · votar


      Colocando o pedal de volume no input funcionaria sim, exatamente do jeito que você tá querendo.
      Mas, na boa, não seria mais fácil usar o pot de volume da própria guitarra?

      ER_KSTZ
      Membro Novato
      # 07/jun/17 11:57
      · votar


      Colocando o pedal de volume no input funcionaria sim, exatamente do jeito que você tá querendo.
      Mas, na boa, não seria mais fácil usar o pot de volume da própria guitarra?


      Havia esquecido dessa possibilidade! Boa!!!

      Mas então surge uma outra dúvida. Não possuo um pedal de volume então não sei exatamente o que ele pode oferecer. Mas existe a possibilidade de definir em um pedal de volume o quanto se deseja reduzir? Algo como um limitador de volume para sempre que reduzisse ele oferecesse o mesmo resultado.

      E obrigado pela lembrança. As vezes a resposta é mais fácil do que parece!

      Lelo Mig
      Membro
      # 07/jun/17 12:01 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      ER_KSTZ

      Cara, funciona do mesmo jeito, a mesma coisa que aumentar o pot de volume da guitarra.

      Só que muitas vezes, e vai variar de local para local, a diferença entre o ganho para manter-se clean e para "abrir" o drive é grande, ficará baixo em um e alto em outro... não é algo tão fácil de controlar, principalmente se tiver com banda, outros instrumentos soando junto e ao vivo.

      Em ambientes diferentes não conseguirá manter um padrão, não terá volume suficiente para soar clean e e etc. Pela minha experiência "a possibilidade de uma situação dessa funcionar perfeitamente." é muito pequena.

      Dependendo do som que você faz então, piorou. Não comparando qualidade (não é a ideia), mas comparando o "uso", pense, por exemplo, num AC/DC.... O Angus soa igual e têm absoluto controle de seu drive, porque soa 100% do tempo igual, estável, em "drive". Só aumenta o volume em solos e outros momentos.

      Já para um David Gilmour, isso seria impossível, porque ele não soa uniforme, muda muito de música para música, regulagens, efeitos e timbres.

      ER_KSTZ
      Membro Novato
      # 07/jun/17 12:07
      · votar


      Lelo Mig

      Entendi!

      Era exatamente essa resposta que eu buscava. Eu imaginei mesmo que a diferença entre o ganho máximo e um clean levemente cruncheado poderia ser muito grande deixando o volume muito baixo no clean.

      O ideal mesmo é ter um amp de 2 canais nessas situações.

      Valeu pelas informações, ajudou muito. Ainda mais quando se trata em adquirir um produto caro!!

      Grande abraço!

      SergioTrindade
      Veterano
      # 07/jun/17 16:32
      · votar


      Outra forma é usar um booster para empurrar o ganho ou mesmo um pedal de distorção como TS-9 ou SD-1 ajustando o volume desejado sem abusar do ganho.
      O resultado depende do tipo de amp usado.
      Se for, por exemplo, um Marshall JCM 2203, isso funciona muito bem.

      Ismah
      Veterano
      # 07/jun/17 23:57
      · votar


      Com booster o problema continua: mais ganho = mais volume...

      SergioTrindade
      Veterano
      # 08/jun/17 10:42
      · votar



      Com booster o problema continua: mais ganho = mais volume...

      Nem tanto, quando se está próximo do ponto de clipping. Por isso citei o exemplo do 2203.

      sandroguiraldo
      Veterano
      # 08/jun/17 11:02
      · votar


      ER_KSTZ
      Eu tenho pedal de volume e posso dizer que:

      1 - Dependendo da qualidade do pedal, ele "rouba" um pouco do timbre.
      Mesmo como todo o volume dele aberto, você percebe a diferença no timbre.
      (no meu caso, tenho um Onner)

      2 - Creio que usar o pot de volume seja o mais simples e barato (até porque imagino que sua guitarra já tenha pot de volume né rsrsrs)

      3 - Um booster acho que não servirá para o que você quer.

      4 - Tente um pedal de drive, tipo TS como citaram.

      HortaRates
      Membro
      # 08/jun/17 11:16
      · votar


      Acho que o melhor dos dois mundos num amplificador single channel é usar um booster e o volume em combinação.
      Com o volume baixo e sem o booster você consegue um som praticamente limpo. Com o volume aberto e sem o booster você consegue um som mais sujo, mas, pra mim, o som fica meio sujo e embolado se exagerar no ganho.
      Com o booster ligado e o volume da guitarra na metade, você consegue um som com bem mais ganho e com mais definição, mais "tight" na falta de expressão melhor. E com o booster ligado e o volume todo aberto você já consegue uma configuração para solos, com muito ganho, definição e sustain.
      O booster pode ser um TS, um SD, ou qualquer outro overdrive com ganho baixo e volume alto.

      Ismah
      Veterano
      # 08/jun/17 16:05
      · votar


      Ao que entendi ele não tem controle de ganho, deve ser algo minimalista sem master.

      HortaRates
      Membro
      # 08/jun/17 16:26
      · votar


      Ismah
      O amp que ele citou, o Laney Cub, tem controle de ganho sim.

      SkyHawk
      Membro
      # 08/jun/17 22:32
      · votar


      ER_KSTZ
      Se quiser um corte uniforme pode ser um pedal de EQ com os sliders flat e o master em menos X db, pisando no pedal vai cortar sempre igual. É só uma idéia, não sei de funciona na prática de uma banda.

      De qualquer maneira um boost e o volume da guitarra são o melhor caminho para controlar um valvulado de um só canal. Meu amp é assim, só um canal valvulado, regulo ele no limiar do break porém ainda limpo, não gosto de loop coloco todos os pedais na cara do amp, inclusive delay e reverb. Com um simples overdrive já empura bem o amp e um boost adiciona muito ganho se for necessário.

      ER_KSTZ
      Membro Novato
      # 09/jun/17 16:52
      · votar


      Na verdade surgiu uma oportunidade em um amp valvulado com apenas 1 canal, no caso o Laney Cub 12, e por isso tentei ver uma possibilidade de usar o amp com drive e clean de uma forma mais eficaz. Mas analisando as respostas de todos, acho que fica inviável manter a mesma dinâmica de volume em uma música que necessite o clean e o drive. Gosto de tocar alguns metais como Iron Maiden, onde muitas vezes há um clean e um drive mais pesado na mesma música o que impossibilitaria essa estratégia.

      Acho também, posso estar errado, que seria um desperdício usar um pedal em um amp valvulado, no caso o Cub 12, que tem um drive muito bom, para meu gosto. Para incrementar o som acho que legal, mas para ser o drive definitivo. O que vocês acham?

      sandroguiraldo
      Não seria meu caso ter um pedal de volume de muita qualidade. Teria que adquirir o amp e o dinheiro ficaria curto.

      SkyHawk
      O drive pelo pedal continua dando a mesma dinâmica para o amp valvulado como se fosse o drive dele mesmo to talo?


      Valeu pela contribuição galera, ajudou muito!!!

      HortaRates
      Membro
      # 09/jun/17 17:20
      · votar


      ER_KSTZ
      Realmente, tocar clean e um drive com ganho suficiente pra metal em um amp single channel, só com pedais. Mas nesse caso não um de volume, e sim um overdrive.

      Ismah
      Veterano
      # 09/jun/17 19:07
      · votar


      ER_KSTZ

      Desencana dessa cara!
      Eu toco com 100B, clean até que coloque tudo no talo, e pedais... Estou só tentando criar uma forma de chavear como se fossem 3 canais, sem precisar de algo como o PentaSwitch ou Yeti...

      Se injetar um sinal pré-distorcido, e o amp distorcer um pouco só que seja, já vai dar o barato esperado.
      Esse lance de dinâmica não sei o que tu imagina, seja mais claro. Alguns se referem por dinâmica a variação da distorção de acordo com a intensidade da palhetada, o que no contexto banda não dá pra notar praticamente.
      Alguns pedais não reagem assim, ou distorcem ou não distorcem, caso do MetalZone.

      SkyHawk

      A ideia é boa, mas se for pra fazer isso não sei se não vale a pena um atenuador. Não são pedais muito comuns, só vi UM de uma marca famosa (acho que MXR, só não lembro já)...
      Mas o princípio é o contrário de um booster: atenua o sinal. Meio que um pedal de volume chaveado. De cabeça só lembro Heavy Electronics Descend.

      SkyHawk
      Membro
      # 10/jun/17 21:09 · Editado por: SkyHawk
      · votar


      ER_KSTZ
      Meu amp é o Viralata da Gato Preto, é um classe A single ended, 1 canal e sem loop. Tudo é questão de estilo, eu já tive a oportunidade de tocar um mesa triple, mesa hotrod, orange, soldano, marshall, Engl e Fenders, infelizmente nenhum deles é ou foi meu......rssss, mas serviu para que eu descobrisse que definitivamente não gosto de amp high gain.

      Dos que toquei diria que orange, fender bassman e marshall fizeram mais a minha vibe, sem usar loop e, na maioria das vezes, com regulagens no limiar do breakup, junto com um alguns pedais ficam incríveis.

      Quanto a distorção de amp, prefiro a de power com o pré regulado limpo no limite para levar para o drive com um boost. Logo não posso usar amps grandes pois ficaria surdo antes de distorcer o poweramp.

      ER_KSTZ
      Membro Novato
      # 21/jun/17 11:40
      · votar


      Ismah
      Na verdade me expressei mal quando me referi a "dinâmica do volume". A ideia que queria passar é que o clean ficaria muito baixo em relação ao drive, já que para o estilo que quero tenho que ter um drive um pouco mais potente. E tocando com uma banda o clean iria sumir, acredito eu.

      Acho que vou cogitar a possibilidade de usar uns pedais de overdrive dando o boost para o drive e deixando o clean no limiar. Como disse o SkyHawk. Achei uma ideia interessante. A banda mais pesada que gosto de tocar é Iron Maiden, de resto é mais um hard rock. Provavelmente, um pedal de overdrive daria conta do recado.

      SkyHawk
      Uma outra dúvida: Você disse que seu amp não tem loop. Como se comporta um delay e chorus na sequência do input com o overdrive, etc. É igual ao transistorizado?

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Amp valvulado com pedal de volume para reduzir o drive. Funciona?

      302.799 tópicos 7.837.515 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital