Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      【FIXO】 Dicas para quem quer comprar amplificadores de guitarras.

      Autor Mensagem
      Juliano P
      Veterano
      # 11/mar/17 16:20
      · votar


      Ismah
      obrigadooo amigooo... o meu problema é justamente alugar um hehehe..
      na minha cidade não tem estudio..e acho que nenhum outro valvulado rsrsrsrs... se tiver no maximo 1 ou 2 q nao conheço... e é bem dificil eu sair durante semana pra ir pra outro lugar testar... ´por isso encho o saco aqui no grupo..
      mas pra gastar 7k tem que pensar bem mesmo.. vou ver se mais pra frente consigo uma ida em SP andara a toa e aproveito pra ver isso!
      mto obrigadooooo

      Kywes
      Membro Novato
      # 11/mar/17 23:48 · Editado por: Kywes
      · votar


      Iae galera , blz
      Alguem pode me recomendar um amp na faixa de preço de 400-700 reais pra praticar em casa e tocar no ensaio.
      Tem alguns amps que vi falarem bem :

      Rolando Cube 30x
      Borne Vorax 1250
      Jaovox Jv 100
      Tagima Black Fox 50w
      Fender Frontman 25r

      Eu gostaria de ter uma orientação em qual escolher.

      Ismah
      Veterano
      # 12/mar/17 19:59
      · votar


      Juliano P

      Coé? Impacto Sonorização e Iluminação é de Campanha / MG, se eles não disporem, com toda certeza vão te dar um norte.

      Mas seja esperto sim:

      - Peça um amp para alugar por uns dois dias
      - Se no meio da semana, podes conseguir por um preço menor
      - Por uma questão de confiabilidade, é melhor não dizer a finalidade ser testar o amp, melhor dizer que vais gravar algo com ele
      - Não pague tudo adiantado, podem te dar um amp bem surrado, mas pagar um valor (metade ou menos) aumenta sua credibilidade

      Kywes

      Note que são coisas bem diferentes no quesito potência. Como já escrevia em linhas atrás, configurações extremas não costumam ficar bem.

      Logo, talvez o Vorax 1250 (50W), o JV100 (60W) e o Black Fox 50 (50W) precisem ser usados com configurações bem próximas ao mínimo em função de muito volume em configurações médias, ocasionado pel'alta potência.

      Juliano P
      Veterano
      # 12/mar/17 20:44
      · votar


      Ismah
      Obrigado amigo...
      Essa empresa até existe aqui sim..mas é mais coisa da prefeitura..
      e festa sem banda...quando tem banda eles montam so o palco...o resto a banda que traz..eles nao tem nada relacionado a amplificador de guitarra..
      e loja de musica nenhuma!
      Mas ja sei que o que eu gosto e preciso é um fender suave...
      Fender deluxe reverb ou Twin.. talvezz um jazz chorus com um pedalzinho..
      Marshall, orange..etc..que tem canais Hi gain mais nervosos eu nem uso..
      Mas com certeza vou dar um jeito de testar...porque gastar um valor alto do nada é complicado mesmooo!

      Ismah
      Veterano
      # 12/mar/17 21:23
      · votar


      A empresa é privada, se tem treta com a prefeitura, é bem possível que seja por falta de opção. Aliás, sempre que possível prefeituras optam por empresas locais, pois digamos que paguem 10mil pelos serviços, uma parte disso volta em impostos, o que reduz o custo na prática.

      Converse com eles, são a melhor opção até agora para te orientar.

      Como eu sou um técnico malvadão, vou destruir seu sonho do Fender e mostrar que não é só Fender que tem som de Fender. Aliás, alguns gringos dizem que tem outras marcas que soam muito mais Fender, do que os atuais Fender, devido a mudanças na construção dos amps...

      https://www.youtube.com/watch?v=76B0p-sfik4


      https://www.youtube.com/watch?v=d3lkvYI82ts


      https://www.youtube.com/watch?v=1QvxWAZ1P0g


      Ismah
      Veterano
      # 12/mar/17 21:25
      · votar


      Antes que reclame que te mandei um Carr com muito drive

      https://www.youtube.com/watch?v=0F_zbB_CCF4


      paoebanha
      Membro Novato
      # 13/mar/17 11:23 · Editado por: paoebanha
      · votar


      Ae galera pra tocar rock tipo sabbath, purple etc com bateria, baixo vocal, teclado, vai de boa para ensaiar em um quarto pequeno com um MARSHALL CODE 50W? Ouvi dizer que ele é um amplificador digital, então não tenho referencia de quantos watts precisa como transistorizado ou valvulado e não tenho como testar antes de comprar, será que é suficiente?

      Ismah
      Veterano
      # 13/mar/17 13:43
      · votar


      Digital no processamento, a saída é com base em transistor. Na prática 1W é um 1W, o lance é que o valvulado distorce o som pra caramba, e bem fácil, o que diminui a relação eficaz (rms) e pico (peak), fazendo-o parecer mais alto.

      paoebanha
      Membro Novato
      # 13/mar/17 13:50
      · votar


      Digital no processamento, a saída é com base em transistor. Na prática 1W é um 1W, o lance é que o valvulado distorce o som pra caramba, e bem fácil, o que diminui a relação eficaz (rms) e pico (peak), fazendo-o parecer mais alto.

      Entendi, é como se fosse o pré digital e a saída transistor? 50w dá conta do recado pra ensaio? Vi review de vários a respeito desse amp e todos dizem que o timbre é muito bom, lógico que não chega a um com valvula, mas é um som bem honesto.

      acabaramosnicks
      Membro Novato
      # 13/mar/17 14:03
      · votar


      paoebanha
      Cara, hoje em dia tem digitais por aí que soam tão bem como os valvulados, vide axe fx.

      Outro ponto é que quando a gente fala digital, a gente tá falando do processamento de sinal do preamp, eu não acredito que seja possível um power amp digital que valha a pena o investimento do projeto, sei lá...

      Por fim, um equipamento bom normalmente custa caro, nem todo equipamento caro é bom.
      Imagine que a Marshall lance uma simulação que reproduz perfeitamente os amps super fodas. Vc acha que eles colocariam essa simulação em todos os produtos, inclusive entry-level, só pq é barato de produzir? Claro que não.

      Enfim, o Marshall Code me parece ser um bom amp, e pro som que vc quer acredito que irá te satisfazer.

      Só mais uma coisa: não se prenda totalmente aos review do youtube e talz, muitas vezes o timbre não é como parece alí.

      vintage_man
      Membro Novato
      # 13/mar/17 14:31
      · votar


      cara, 50w em quarto ou garagem dá para ensaiar com banda tranquilo.

      agora, sugiro de verdade vc ver ao vivo esse marshall code.... eu ouvi ele na teodoro sampaio, e sinceramente, achei horrível.... bem atrás de outros amplificadores concorrentes, como o fender mustang e o boss katana....

      renatocaster
      Moderador
      # 13/mar/17 14:38
      · votar


      vintage_man

      como o fender mustang

      Acho que este foi o melhor desses amps digitais no quais eu já toquei. Digo, o melhor entre todos dessa faixa, como os Roland Cube, Marshall DFX, Line 6 Spider, Peavey Vypyr, etc...

      paoebanha
      Membro Novato
      # 13/mar/17 17:44
      · votar


      acabaramosnicks,vintage_man e renatocaster, muito obrigado pelas respostas pessoal, creio que o timbre é algo muito pessoal, vou dar uma verificada nesse fender. A minha maior duvida era mais sobre a potencia, se 50w transistor dá conta então tá de boa, caso precise em um show maior dá pra microfonar e atirar o amp no PA com toda potencia.

      Ismah
      Veterano
      # 13/mar/17 18:01
      · votar


      acabaramosnicks

      Ainda não inventaram nenhum amp digital... Se confunde muito classe D com digital, o que não tem nada a ver, a única parte digital (geralmente) é o HFO...

      paoebanha
      Membro Novato
      # 14/mar/17 14:12
      · votar


      Ainda não inventaram nenhum amp digital... Se confunde muito classe D com digital, o que não tem nada a ver, a única parte digital (geralmente) é o HFO..

      Poderia explicar sobre isso?

      Ismah
      Veterano
      # 14/mar/17 22:25
      · votar


      Explicar o que sei eu posso, mas não é algo que se faz em um post. E nem espere ser fácil, é engenharia elétrica e um tanto avançada. Tentei ser o mais simples possível.

      O que motivou o desenvolvimento disso, foi principalmente notebooks, celulares, smartphones, e demais gadjets alimentados com bateria, pois um classe A, B ou AB, mesmo em repouso tem alguma corrente significativa.

      Classe D é basicamente um Classe B, amplificando uma onda quadrada.

      Essa onda quadrada é obtida pela intermodulação de uma onda dente de serra ou triangular, em função de um sinal de entrada (o que vai ser amplificado). É o que se chama de PWM - Pulse Width Modulation, onde quanto maior a amplitude do sinal de entrada, o pulso será mais largo, isto é, mais duradouro em função do eixo do tempo, e sempre de mesma amplitude.

      O grande lance é que sempre se conduz a 100% ou não se conduz (praticamente) nada, o que aumenta a eficiência radicalmente.

      Essa onda dente de serra ou triangular, é obtida de um HFO (High Frequency Oscilator), geralmente obtido de um chip com algum código, e algum "clock" para determinar a unidade de tempo - não sei muito sobre, não me envolvo com isso, mas tem gente capacitada para explicar isso, basta contar com a sorte deles passarem por aqui.
      Pelo critério de Nyquist, a frequência da onda modulada, deve ser até 3 vezes mais alta que a frequência mais alta da moduladora, mas na prática isso não dá certo. Mesmo usando valores absurdos, como 10 vezes a frequência mais alta a ser amplificada, se tem perdas - aliás, como em toda conversão.

      Na prática, ele é bem próximo de um sinal digital, obtido em um conversor AD. Afinal, se passa para um domínio discreto, mas isso não faz dele um digital, pois não passa a ser uma sequência de códigos (0 ou 1), mas sim, se para no meio do caminho, pois CREIO que bastaria um código para fazer a ponte com alguma máquina.

      Como toda a conversão, creio que existam perdas na hora de um sinal PWM passar a ser um arquivo digital. E mais perdas ao deixar de ser e voltar a ser áudio. ENFIM...

      Entretanto, a amplificação de fato, se dá analogicamente, como dito, num circuito classe B. Geralmente tenho visto FET e MOSFET, mas poderia ser qualquer componente, em qualquer circuito, uma válvula termoiônica inclusive, em A, AB, ou qualquer outro, porém sem a mesma eficiência em todos os aspectos...

      O sinal final, é obtido pelo valor médio das larguras de pulso. O que é um tanto complexo de entender, mas seria o equivalente potência da onda quadrada resultante, em média sobre unidade de tempo...

      As fontes chaveadas funcionam mais ou menos assim! Mas há um oscilador de onda quadrada (ou senoidal retificada) pura, que quanto menos varia, mais tensão tem gera na saída. Como estamos falando de altíssima frequência, ao se aplicar um LPF, se comporta como uma tensão DC de baixíssima variação (geralmente < 0,1 V)...

      Nunca tentei, mas creio que poderia converter qualquer fonte chaveada para um amplificador, bastando injetar sinal de áudio no lugar da onda original.
      Só não tenho certeza mesmo, o que rola quando a carga cai, creio que se tenha pulsos de uma freq mais baixa.

      Aqui tem todas as contas e teorias e blá blá blá
      http://www.ele.ita.br/~eloif/graduacao/EEA_46/L6_Classe-D_Roteiro3.pdf

      paoebanha
      Membro Novato
      # 15/mar/17 09:29
      · votar


      Nossa cara, muito obrigado, em partes entendi, no quebrar dos ovos o omelete sai quando você pluga a guitarra no cubo e saca o som. Encomendei o bichinho, vamos ver que som tem, dei um tiro no escuro e baseado em review de músicos profissionais. Vamos ver se dá sorte, se não gostar eu vendo ele rapidinho.

      Ismah
      Veterano
      # 15/mar/17 10:29
      · votar


      Boa sorte...! E traga notícias.

      renatocaster
      Moderador
      # 15/mar/17 10:41
      · votar


      paoebanha

      Encomendou qual?

      paoebanha
      Membro Novato
      # 15/mar/17 15:16
      · votar


      Encomendou qual?

      Marshall CODE 50

      paoebanha
      Membro Novato
      # 15/mar/17 16:26
      · votar


      Boa sorte...! E traga notícias.

      Vou tentar fazer um review para quem tiver mais dúvidas como eu tive e posto aqui.

      Juliano P
      Veterano
      # 18/mar/17 23:04
      · votar


      Galera que ama os Vox aí..
      Recentemente perguntei sobre o fender twin..Excelente ampli..altissimo e clean...mas me faltaria um drive "vintage"..
      alguns marshall tem mtos com Hi gain que nao uso..
      E possuo um vox Ac15c1..que eu acho perfeito..
      ele pra mim resolve meu clean e me da um drive perfeito sem ser distorcao...
      Andei pensando e o vox pra mim é versatil demais sem pedais..
      A unica duvida é...tenho tocado só em casa..ou seja..sobra ate volume clean..
      Mas vou começar tocar em bar..etc e lugares ate grandinhos..
      E preciso do clean alto..acredito que logo que eu sair do meu quarto..usarei o Ac15 no talo
      .ficará lindo..mas sem clean..
      Seria sensato trocar meu Ac15 por um ac30?
      ele me daria o dobro de "headroom????
      obrigadoooo...
      Ou alguem tem uma sugestao de um bom ampli Clean e com overdriver legal ( sem ser Hi gain)..com falante de 12.. que seria o mais verdatil possivel se. usar pedais!
      Claro que depende de gosto...mas qq dica é bem vindaaa

      Junior Van Halen
      Membro Novato
      # 19/mar/17 05:26 · Editado por: Junior Van Halen
      · votar


      Galera. Tô querendo pegar um amplificador mais potente pra tocar em pubs e barzinhos.(Tenho um Tagima blackfox de 20 somente para estudos em casa) Nada muito grande. Para eventos de grande porte posso microfonar.

      Decidi pegar um amplificador fender, pelo que já andei pesquisando pelos fóruns, é o amplificador versátil e com o som mais cristalino para clean, até porque pretendo usar meu violão para algumas músicas.

      Resumindo, toco bastante rock brasil com a minha banda, mas também curto muito rock clássico e hard rock.

      Nada de muito pesado, no máximo um Nirvana. Não curto Heavy e nem Core.

      Uso somente o drive da minha pedaleira (Já que pela pesquisa que fiz, vi muita gente relatando que o drive do próprio ampli não aguenta ganhos mais altos) gostaria de um ampli com pelo menos um reverb embutido quando for plugar meu violão.

      Qual seria o ampli fender (Champion, Mustang, Frontan ou algum outro) mais indicado e a potência (40, 60 w ou mais?) para apresentações nesses ambientes de pequeno porte. Com no máximo 150, 250 pessoas?

      Se saberem de algum outro ampli com as mesmas características e que atenda minhas necessidades, estou aberto à sugestões. Me disseram que o HIWATT é bem versátil, tem um ótimo clean e aguenta mais drive que os Fenders. Mas nunca toquei em um.

      ah, meu orçamento está na faixa dos 1500, 1600 reais.
      Grato.

      Ismah
      Veterano
      # 19/mar/17 13:29
      · votar


      Juliano P
      Seria sensato trocar meu Ac15 por um ac30?

      Talvez, mas é variável. Normalmente volume em palco é muito mais baixo do que nos habituamos a tocar sozinhos. Raras exceções onde isso acontece e dá certo.

      ele me daria o dobro de "headroom?

      Não te daria mais headroom, mas mais volume com o mesmo headroom.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # 20/mar/17 08:58
      · votar


      Juliano P
      Seria sensato trocar meu Ac15 por um ac30?
      Nunca tive nenhum dos 2, mas imagino q n seja pratico andar com um AC30 por aí. Sobre o headroom do AC15: será q n tem suficiente msm? Tem uma banda chamada banda Picanha de Chernobil q toca direto aqui em Sampa com um AC15 e o clean dá conta (e realmente é lindo).

      Vv3
      Membro Novato
      # 27/mar/17 21:23
      · votar


      Poderiam me ajudar pf ???
      Gostaria de saber o preço deste amplificador: GF-10 da Kings.Composto de imagens nas tonalidades de preto e cinza.
      Quero vendê-lo,mas n tenho nem a base de preço. Caso puderem ajudar, ficaria muito grato =)

      henriquelhrf2
      Veterano
      # 28/mar/17 10:35
      · votar


      Pesquisou no ML e na OLX? Qq coisa tenta o Ebay. Aí é só comparar o preço de um mesmo produto no Ebay e no ML e usar a mesma proporção.
      Se no Ebay um Blues Junior custa 500 dólares e no ML 3.500, e o seu tá lá por 250 dólares, o preço seria 1.750 aqui.

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 28/mar/17 10:46
      · votar


      Galera, alguém conhece o Marshall Valvestate VS30R? É um bom ampli por R$ 800?

      Ismah
      Veterano
      # 28/mar/17 12:25
      · votar


      Felipe Stathopoulos

      Tudo que sei dele

      https://www.ultimate-guitar.com/reviews/guitar_amplifiers/marshall/val vestate_vs30r/

      SteveVaiARoma
      Membro Novato
      # 28/mar/17 15:07
      · votar


      Preciso De ajuda Estou querendo comprar meu primeiro amp estou em duvida entre O Landscape Predator 20 Pdt20 Triefx,Marshall Mg15,Meteoro Atomic Drive queria pegar um roland 15xl mas não acho tem algum outro melhor nessa faixa de preço qual é o melhor desses?

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a 【FIXO】 Dicas para quem quer comprar amplificadores de guitarras.

      303.726 tópicos 7.859.533 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital