Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

Preços e frequências de Aulas de canto.

Autor Mensagem
El_Cabong
Veterano
# mai/10


Para o pessoal verificar o orçamento mensal e ter uma noção sobre preços de aulas de canto em algumas regiões do país, quantidade de aulas por mês que se costuma fazer, etc... eu tive a idéia de fazer uma enquete aqui. Então as perguntas são:

Qual a tua cidade / estado ?
Quanto você paga por hora de aula de canto ?
A quanto tempo você faz aulas de canto ?
Quantas aulas você faz por mês ?
------------------------------------------------------------------
MINHAS RESPOSTAS:

Qual a tua cidade / estado ? RIO GRANDE / RS
Quanto você paga por hora de aula de canto ? R$ 25
A quanto tempo você faz aulas de canto ? 4 MESES
Quantas aulas você faz por mês ? 4 AULAS POR MÊS


* Nossa!! Professor de canto ganha bem hein!!
R$ 25 reais por hora!!
Se tiver bastante alunos e der aula 8 horas por dia (de segunda à sexta) seria 192 horas por mês. Isto daria um salário de R$ 4.800,00

thiaguinhu
Veterano
# mai/10
· votar


El_Cabong
25 por hora é barato...aqui em SP a média é pelo menos o dobro

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# mai/10
· votar


El_Cabong

Isso parece um estímulo para que as pessoas 'leiloem' as próprias vozes, quando na verdade o critério deveria ser outro.

Na boa velho, não há preço tabelado em aulas de canto e descobre-se isso com um telefone e 15 minutos livres. Alias, estamos falando de prestação de serviço certo? Pois bem: Tem um cabeleireiro na esquina da minha rua que cobra 5R$ o corte de cabelo e você ganha a lavagem. Já o SoHo, que fica perto daqui tb, cobra 60R$ no corte apenas. Qual a diferença entre eles?

Conheço profissionais em Porto Alegre que cobram 250R$/mês. Conheço alguns em São Paulo que cobram R$ 180/hora. Outros que cobram isso por mês. Cabe a cada um fazer sua pesquisa não só baseando-se em preços, mas em outros fatores - inclusive afinidade com a pessoa que vai lhe ensinar, pois é fundamental.

Mas se mesmo assim vocês acharem que devem 'leiloar' a voz de vocês...

PedroAugustoMusic
Veterano
# mai/10
· votar


Qual a tua cidade / estado ? Rio de Janeiro RJ
Quanto você paga por hora de aula de canto ? 70
A quanto tempo você faz aulas de canto ? 2 meses
Quantas aulas você faz por mês ? 4 por mes

T-Rodman
Veterano
# mai/10
· votar


Qual a tua cidade / estado ? Jaú/SP
Quanto você paga por hora de aula de canto ? 130 R$/mês 1h por semana de prática individual e 1h por semana de aula teórica em turma
A quanto tempo você faz aulas de canto ? 1 mês
Quantas aulas você faz por mês ? em tese são 4 aulas práticas/mês e mais 4 aulas teóricas. Eu só estou indo nas aulas de prática, por esperar uma turma teórica começar em agosto. É método IM&T, em conservatório. Tô gostando.

El_Cabong
Veterano
# mai/10
· votar


Christhian
Sei lá mas eu vejo tanta gente aqui reclamando que não tem dinheiro pra fazer aulas de canto...

E acredite se quiser, mas eu estou pagando R$ 25 por hora, e as aulas são excelentes!! A professora tem mestrado em canto. e vários cantores profissionais da minha cidade fazem aula com ela já há anos. Inclusive uma garota talentosíssima de 14 anos, que nessa idade já tem uma voz fora do comum e que está sendo lapidada por ela.
Antes de iniciar as aulas eu não conhecia a professora, ou seja, afinidade zero no início da primeira aula e que acabou de vez no final da mesma.
Acho que esse é o preço para uma cidade pequena como a minha. Se ela cobrasse mais caro, talvez o número de alunos caisse numa proporção maior que a proporção do aumento do preço.

A qualidade nem sempre é diretamente proporcional ao preço.
Acho que o pior é não fazer aulas.

T-Rodman
Veterano
# mai/10 · Editado por: T-Rodman
· votar


Cantando 'ao vivo' eu não percebia isso. Mas foi só começar a gravar, e botar defeito em microfone dinâmico, comprar condensador, trocar condensador, e ficar xingando que cheguei na conclusão de começar a frequentar aulas. Cantar por cantar, eu canto há 20 anos. E nesses 20 anos, eu só tinha usado um Leson, um Sony e 2 Shure, que foram trocados quando quebravam. Nessas do home-studio, já foram mais 8 microfones novos no acervo.

Na verdade eu só fui em 2 aulas até o momento: a de apresentação e a primeira, onde só fiquei treinando aquecimento. E já senti alguma melhora, apesar de pouco aplicar isso na prática, ainda mais por não obedecer nenhuma das regras quanto à ingestão de líquidos, rs.

CheshireCat
Veterano
# mai/10
· votar


El_Cabong
Acho que o pior é não fazer aulas.

Aprender errado não é pior? =|

El_Cabong
Veterano
# mai/10
· votar


CheshireCat
Aprender errado não é pior?

Posso estar errado, mas aprender errado acho que só acontece quando o professor não tem formação, é alguém metido a ensinar.
Uma boa coisa a fazer é: Quando for visitar algum local onde alguém ministra aulas de canto, é procurar pelo Diploma do professor na parede.

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# mai/10 · Editado por: Christhian
· votar


El_Cabong

É exatamente aí que está o erro.

Diploma não garante que ninguém vá lecionar melhor ou pior, pelo menos em se tratando de música. Fui orientado por anos num conservatório tradicional, mas minha voz só decolou quando passei a estudar com um cantor lírico que não tinha nem o ensino médio, mas estudou canto desde que adolescente, no Japão. Aqui no Brasil, os melhores profissionais que conheço não tem diploma nenhum, mas tem milhares de horas de prática de fato.

Na contra mão, conheço um cara (e o Homem Cueca aqui do fórum tb conhece) que tem diploma de Música, Harmonia, Composição, Regência, Canto e mais um bilhão de coisas penduradas na parede há mais de 10 anos, mas as aulas são de um nível baixíssimo, pois ele não domina nenhum instrumento - inclua a voz.

E falando por mim, tenho um aluno que fazia aulas com o coordenador do curto de Canto de um dos melhores conservatórios de música de São Paulo... e chegou aqui num estado terrível. Quem o ouve cantando hoje, não reconhece a mesma pessoa - positivamente, claro.

Enfim, novamente parece um leilão... Como se 'ter um diploma' habilitasse alguém a cobrar mais ou menos.

El_Cabong
Veterano
# mai/10 · Editado por: El_Cabong
· votar


É
Ali em cima eu escrevi "Posso estar errado" e talvez esteja mesmo, mas isso soa pra mim um pouco estranho embora creio que existam exceções:
"Diploma não garante que ninguém vá lecionar melhor ou pior"

Eu acho que o professor de canto é um profissional que se assemelha um pouco à um fonoaudiólogo. e um fonoaudiólogo sem diploma não seria perigoso ??

McBonalds
Veterano
# mai/10
· votar


e um fonoaudiólogo sem diploma não seria perigoso ??


Não sei se a mesma comparação se aplica.
Pelo menos eu acho muito mais fácil achar um ótimo fonoaudiólogo do que um ótimo professor de canto.

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# mai/10
· votar


El_Cabong
Eu acho que o professor de canto é um profissional que se assemelha um pouco à um fonoaudiólogo

O fato de ambos trabalharem com a voz não significa que sejam similares. É o mesmo que dizer que um luthier (outra profissão que não se relaciona à 'formação') é a mesma coisa que um violinista.

Canto assemelha-se mais à Arte Marcial, por exemplo, por se tratar de treinamento e técnica. Será que alguém deixaria de aprender jiu jitsu com os Gracie por que eles não tem 'diploma'?

guschard
Veterano
# mai/10
· votar


Christhian

concordo que o diploma não é parâmetro, mas para alguem que não sabe avaliar um bom professor e não tem indicações, um diploma é um sinal

por menor que seja seu significado prático, em uma escolha às cegas, vc não acha que um diploma pode ser um difirencial??

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# mai/10
· votar


guschard
vc não acha que um diploma pode ser um difirencial??

http://forum.cifraclub.com.br/forum/1/234571/p0#6817511

guschard
Veterano
# mai/10
· votar


Christhian
sim, eu entendi seu post...
mas vc citou exemplos... não necessariamente sempre vai acontecer isso
vc não gostou da comparação com fonoaudiólogo, mas vou fazer uma comparação um pouco diferente...

existem médicos formados pela USP e médicos formados pela UniEsquina... podem haver médicos na UniEsquina melhores do que qualquer médico da USP mas a USP tem muita tradição... dado que você não conhece nenhum deles e não tem referências, em qual você iria se consultar???

ou seja, se vc tem que escolher entre dois professores e não conhece nada sobre o trabalho deles (sim, um grande erro), talvez escolher um que seja certificado seja melhor

tem mta gente ruim dando aula de canto... eu tive aula com uma professora que só fazia vocalizes e nunca me deu nenhuma instrução além do básico sobre respiração, apoio, etc... ou seja, gastei dinheiro, tempo, poderia ter causado danos à minha voz, e não aprendi nada...
eu percebi isso logo e parei, mas pra um iniciante é dificil saber quando o professor ta fazendo merda com a voz dele ou não...

não to dizendo que o diploma faz os melhores professores até porque voce disse que "os melhores profissionais que conheço não tem diploma nenhum, mas tem milhares de horas de prática de fato. " e, vindo de você, essa frase com certeza merece muita consideração... mas a probabilidade de pegar um professor que nem essa que eu citei sem diploma é maior do que de pegar um professor assim com diploma

Scrutinizer
Veterano
# mai/10
· votar


Assim fica complicado, né? Seguindo os conselhos do Christian, para aprender algo de canto você deve arrumar um bom professor, mas para arrumar um bom professor você deve saber algo de canto, mas para aprender algo de canto...

T-Rodman
Veterano
# mai/10
· votar


Eu acho a profissão de professor de música bem parecida com a de professor de tenis.
1. Muitos professores de tenis tinham prática mas não tinham formação. Com a obrigatoriedade, aos poucos, eles foram se formando em Ed. Física e hoje em dia são professores de Ed. Física e tennis, pois deu-se tempo à eles para se matricularem para cursos profissionalizantes (o mesmo aconteceu com rádio e TV, jornalismo).

2. Tem professor para criança e adulto. Tem professor que sabe qual é seu limite, e, se de um lado ele tem aquele aluno que vai todo dia só para praticar esporte, ele dá uma boa aula, tanto para aquele que sonha um dia em ser o Rafael Nadal (#1 do ranking hoje).

3. Aquele aluno que atingiu o limite técnico do professor, já é aconselhado a se quiser seguir carreira profissional, a procurar uma escola onde haja enfoque para o esporte profissional.

- Canto/música é ou não é assim também?
ou todo mundo já nasce e vai aprender tennis com o Larri Passos, guitarra com o Mozart Mello...

Eu tive aulas com um professor assim. Ele 'nasceu' como pegador de bolinhas do clube, de tanto bater bola virou professor, com o dinheiro das aulas entrou e fez faculdade, e hoje em dia ensina tanto os marmanjos aqui como as crianças que podem um dia ser jogadores profissionais. Tinha um aluno dele que com 11 anos já tinha ganho o juvenil da cidade com gente de 16 anos. Depois disso, tanto o professor mencionou que o seu aluno já estava no limite de aprendizado do professor, a familia se preparou para a carreira do rapaz, ele acabou indo estudar um tempo em Campinas para frequentar a academia de tenis de lá que tem maior estrutura e hoje está nos EUA, às vezes batendo uma bolinha com o Federer. E aí, o professor é ruim?

guschard
Veterano
# mai/10
· votar


Scrutinizer
você ignorou 95% do que eu falei pra construir esse raciocinio, só pra discordar e não acrescentou nada à discussão... de qq forma, o raciocinio correto seria:

Seguindo os conselhos do Christian, para aprender algo de canto você deve arrumar um bom professor. Se você não tiver indicações ou conhecimento, você pode pegar um professor ruim e não perceber. Ele pode até ser coordenador de um curso de canto de um dos maiores conservatórios de São Paulo, como foi citado pelo Chris, e ainda assim ser um professor ruim.
Portanto, quando for procurar um professor de canto, procure indicações confiáveis.

pronto... esse é o máximo de esforço que eu vou fazer por esse seu post infeliz

guschard
Veterano
# mai/10
· votar


T-Rodman
pow mano... acho q não tem mto a ver oq vc falou... vc citou 1 professor, q era formado e era bom... mas acho q o Chris não falou que todos os q tem diploma são ruins... nesse caso do seu professor, ele talvez tivesse sido um professor tão bom quanto ele é, independente da faculdade...

T-Rodman
Veterano
# mai/10
· votar


guschard
O que eu falo é que: já teve a época em que diploma não era nada sem experiência - e tem gente antiga que é boa sem diploma. Mas hoje em dia, esse conceito caiu para várias áreas.
Vamos ao radialismo, por exemplo. Já tivemos o lendário Fiori Gigliotti quase que ditando o padrão de narração e sequer tinha diploma. Mas vai ver se não são formados hoje, todo e qualquer locutor esportivo.
Pergunte para quem já trabalhou sem diploma, se eles também não aprenderam nada na faculdade. Pelo contrário. Cada dia mais aumentam seu currículo - qualquer que seja sua área. No caso do meu professor de tenis, sim, ele aplica muitas coisas que ele aprendeu na faculdade, pois no esporte, cada dia se desenvolve uma técnica melhor. Vai na natação para ver se todo mundo não fica assistindo vídeos em câmera lenta para ver a técnica dos nadadores.
E na música, quanta gente não tá aí vendo, copiando e refinando as técnicas?

CheshireCat
Veterano
# mai/10
· votar


Não achei que meu comentário fosse gerar uma discussão profunda, hehe. Acho esse assunto diploma x experiência interessante. Embora não tenha muito a acrescentar, estou acompanhando.

Christhian
Só por curiosidade, você acha que esses professores diplomados que não são tão bons são assim porque se focaram mais na teoria do que na prática ou porque não sabem ensinar ou por algum outro motivo? É que tem muita gente que entende pra caramba sobre determinado assunto, mas tem dificuldade de passar esse conhecimento pros outros.

TerraSkilll
Veterano
# mai/10
· votar


CheshireCat
Só por curiosidade, você acha que esses professores diplomados que não são tão bons são assim porque se focaram mais na teoria do que na prática ou porque não sabem ensinar ou por algum outro motivo? É que tem muita gente que entende pra caramba sobre determinado assunto, mas tem dificuldade de passar esse conhecimento pros outros.
Opinião minha (embora sua pergunta tenha sido direcionada para o Christhian): para ensinar é preciso ter talento (dom, ou o que for) como professor, não necessariamente ser excelente naquilo que se ensina. Acho que isso vale para qualquer área. Como exemplo, meu professor de Física na Universidade é um excelente físico e tem Doutorado no estrangeiro (França, se não me engano), mas não é um bom professor.

Abraço.

CheshireCat
Veterano
# mai/10
· votar


TerraSkilll
(embora sua pergunta tenha sido direcionada para o Christhian)

Claro que todo mundo pode responder, eu direcionei pra ele porque ele citou alguns exemplos. =)

meu professor de Física na Universidade é um excelente físico e tem Doutorado no estrangeiro (França, se não me engano), mas não é um bom professor.

Isso acontece muito! Lembrei deste tópico.

TerraSkilll
Veterano
# mai/10
· votar


CheshireCat
Isso acontece muito! Lembrei deste tópico.
Excelente tópico (em off: Bog é "O mestre" hehehe). Enfim, chega de atrapalhar.

El_Cabong
Acho que seu tópico ficaria melhor se fossem feitas sugestões de bons professores (baseando-se nos depoimentos do pessoal, independente de preços e formação), mas acho que já vi algo assim por aí.

Abraço a todos.

Córtex Frontal
Veterano
# mai/10
· votar


El_Cabong

eae com quem vc faz aula?

também moro em rio grande..

Christhian
Moderador
Prêmio FCC 2007
# mai/10 · Editado por: Christhian
· votar


guschard
Cara, eu acho exatamente o contrário. Quando alguém baseia a escolha em 'diploma', acaba desconsiderando a prática, como se o 'papel' fosse um atestado de confiabilidade. Como eu disse, as muitas horas de prática é que fazem desses profissionais 'não diplomados' tão bons. E já discordei de um ponto aqui no fórum: Eu acho que o BOM professor tem que cantar BEM, afinal ele deveria saber colocar em prática aquele conhecimento que possui. Creio que se o interessado se basear minimamente nisso, vai ter maior chance de acertar do que considerando no que está pendurado na parede - até por que hoje em dia é MUITO fácil neguinho pendurar um papel, em qualquer profissão, pra dizer que é formado.

CheshireCat
Acho que é como disse o TerraSkilll. Veja, acredito de verdade que muitos dos que fazem faculdade de música tem capacidade de ensinar, mas acho errado basear nisso a escolha (ou tomar como critério principal), como sugerido acima.

Outra questão que me surgiu, foi exatamente ao pensar em corrigir onde escrevi 'faculdade de música'. Acontece muito disso: O cara faz uma faculdade 'genérica' sem se especializar em Canto, por exemplo, mas quer dar aula de canto. Havia uma usuária nesse fórum, Olympia, que havia cursado uma faculdade específica de canto lírico, que ajudou - segundo ela - a desenvolver a aptidão que ela já tinha. Vejo uma diferença imensa nisso tb.

El_Cabong
Veterano
# mai/10
· votar


Córtex Frontal
eae com quem vc faz aula? também moro em rio grande..

Opa !!
Papareia também ??

O nome da professora é Debora Jara.
As aulas são na Rua João Alfredo (próx. à Rua 24 de Maio) Vou ficar te devendo o nº da casa porque não estou me lembrando agora.

El_Cabong
Veterano
# mai/10
· votar


Christhian
... Eu acho que o BOM professor tem que cantar BEM, afinal ele deveria saber colocar em prática aquele conhecimento que possui. Creio que se o interessado se basear minimamente nisso vai ter maior chance de acertar ...

Concordo!! Isto é um bom sinal pra quem está procurando um bom professor.

Gansinho
Veterano
# mai/10
· votar


Eu sou muito mais um professor que saiba 50% do conteúdo mas que consiga me passar com clareza esses 50% do que um professor que saiba 100% e não consiga me passar nem 20%.

T-Rodman
Só pra constar (sei que não tem nenhuma relevância): o 1º do ranking mundial de tênis atual é o Roger Federer xD

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
 

Tópicos relacionados a Preços e frequências de Aulas de canto.

289.546 tópicos 7.553.989 posts
Fórum Cifra Club © 2001-2014 Studio Sol Comunicação Digital